Your browser doesn't support javascript.

RIPSA

Rede Interagencial de Informações para a Saúde

Sistematizando informação e construindo conhecimento para políticas de saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Excesso de peso em crianças e adolescentes no Estado de Pernambuco, Brasil: prevalência e determinantes / Overweight in children and adolescents in Pernambuco State, Brazil: prevalence and determinants

Leal, Vanessa Sá; Lira, Pedro Israel Cabral de; Oliveira, Juliana Souza; Menezes, Risia C. E. de; Sequeira, Leopoldina Augusta de Souza; Arruda Neto, Manoel Alexandre de; Andrade, Sonia Lúcia Lucena Sousa de; Batista Filho, Malaquias.
Cad. saúde pública; 28(6): 1175-1182, jun. 2012.
Artigo em Português | LILACS - Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde | ID: lil-626655
Este estudo objetivou verificar a prevalência e os determinantes do excesso ponderal em crianças e adolescentes de Pernambuco, Brasil, no ano de 2006. Com delineamento transversal e de base populacional, a pesquisa incluiu 1.435 indivíduos de 5-19 anos. A análise de regressão múltipla hierarquizada com seleção hierarquizada foi utilizada para avaliar a associação de variáveis explanatórias sobre o excesso ponderal. A prevalência de excesso de peso foi de 13,3% (IC95%: 11,6-15,1), sendo 9,5% de sobrepeso e 3,8% de obesidade. As razões de prevalências ajustadas evidenciaram que maiores renda familiar e escolaridade materna, posse de bens de consumo, residência em área urbana e o excesso de peso materno estiveram entre os determinantes do excesso ponderal. A magnitude da prevalência do excesso ponderal em todo o Estado de Pernambuco demonstra a necessidade de ações de saúde pública voltadas à unidade familiar, independentemente do segmento social.