Your browser doesn't support javascript.

RIPSA

Rede Interagencial de Informações para a Saúde

Sistematizando informação e construindo conhecimento para políticas de saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Mortalidade infantil: perfil epidemiológico; Recife, 1979-1988 / Infant mortality: epidemiologic profile; Recife, 1979-1988

Andrade, Sonia Lucia Lucena Sousa de.
s.l; s.n; 1990. 109 p. tab.
Tese em Português | LILACS - Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde | ID: lil-89101
No presente estudo foi analisada a tendência da mortalidade infantil de residentes da Cidade de Recife, no período de 1979 a 1988. A interrelaçäo desnutriçäo x infecçäo e alguns dos seus fatores sócio-demográficos, foram estudados no anos de 1987 e 1988. Os dados sobre o total de óbitos de menores de 1 ano foram cedidos pela Divisäo Nacional de Epidemiologia - MS. Secretaria de Saúde do Estado e fichas clínico-hospitalares. O estudo das causas básicas e associadas baseou-se nos critérios da IX Reuniäo da Classificaçäo Internacional de Doenças - OMS. A avaliaçäo do estado nutricional segundo a relaçäo peso x idade, foi realizada com base no padräo NCHS e na classificaçäo de Gómez. Os resultados mostraram uma reduçäo da mortalidade infantil de 78.9 para 39.5 óbitos por mil nascidos vivos no período de 1979 a 1988, com maior participaçäo do componente pós-neonatal. Na distribuiçäo por local de residência, as áreas de melhor condiçäo sócio-econômica, apreseentaram percentual de óbitos neonatais superior a 2/3 dos óbitos infantis. Apesar da reduçäo da mortalidade infantil as causas básicas de morte se mantiveram, representadas pelas doenças infecciosas intestinais, respiratórias e desnutriçäo, mais freqüentes nos seis primeiros meses de vida e entre os meses de março e maio. A avaliaçäo nutricional revelou que 74.3% e 80.9% das crianças que foram a óbito eram desnutridas segundo o padräo do NCHS e a classificaçäo de Gómez, respectivamente. As causas básicas de morte foram as doenças...