Your browser doesn't support javascript.

Secretaria de Estado da Saúde - BVS

Rede de Informação e Conhecimento

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Estratificação de risco para eventos cardíacos maiores em pacientes submetidos ao implante de stents farmacológicos. Escore DESIRE / Cardiovascular Risk Stratification for Patients Treated with Drug-eluting Stents: Development and Validation of the DESIRE score

Moreira, Adriana Costa.
São Paulo; s.n; 2017. 166 p. ilus, tab.
Tese Português | LILACS, SES-SP, SES SP - Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia, SES-SP | ID: biblio-1085049

INTRODUÇÃO:

A estratificação de risco, pré intervenção coronária percutânea, é um elemento-chave para auxiliar na tomada de decisão oferecendo o nível de expectativas de resultados imediatos e tardios. Esta investigação tem como objetivo desenvolver o escore DESIRE para predizer o risco de ocorrência de eventos cardíacos maiores(ECM) em pacientes(P) submetidos ao implante de stents farmacológicos(SF) na prática clínica diária.

MÉTODOS:

Desde 2002 todos os pacientes consecutivos, tratados com 1 SF , foram incluídos no Registro DESIRE (Drug-Eluting Stents In REal world), não-randomizado. Desenvolvemos o escore DESIRE, a partir da análise retrospectiva dos dados dos P incluídos entre janeiro de 2007 e dezembro de 2012 uma vez que esta população representava melhor a prática contemporânea da cardiologia intervencionista. As associações das variáveis com os eventos foram testadas pelos testes chi-quadrado e t de Student. Devido às diferenças entre as fases analisadas, decidimos por dois modelos de predição de riscos hospitalar (Regressão logística) e tardio (Cox) estimando o tempo até o primeiro evento. Após o desenvolvimento, o escore foi aplicado prospectivamente nos pacientes incluídos entre janeiro de 2013 e dezembro de 2014. As estimativas de risco obtidas foram comparadas às taxas de ECM observadas, validando o escore DESIRE nas duas fases...
Biblioteca responsável: BR79.1
Localização: BR79.1; TWG168, M8139e
Selo DaSilva