Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
XML
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Percepções de residentes em urgência e emergência sobre sua formação: desafios para a aprendizagem / Perceptions of residents in urgency and emergency about their training: challenges for learning

Artico, Geisiane Aparecida; Lopes, Maria Tereza Soares Rezende; Omena, Malenna Beattriz Santos Ferreira de; Rodrigues, Thamires Fernandes Cardoso da Silva; Cardoso, Luana Cristina Bellini; Radovanovic, Cremilde Aparecida Trindade; Gil, Nelly Lopes de Moraes.
Ciênc. cuid. saúde ; 19: e50149, 20200000.
Artigo em Português | LILACS, BDENF | ID: biblio-1122145

Objetivo:

identificar a percepção de profissionais integrantes de um Programa de Residência Multiprofissional em Urgência e Emergência acerca de sua formação.

Método:

estudo descritivo, exploratório, qualitativo, desenvolvido com residentes do segundo ano de um programa de residência multiprofissional. A coleta de dados ocorreu entre junho a agosto de 2018, por meio de entrevista individual e semiestruturada. Para processamento dos dados utilizou-se o software IRAMUTEQ®, e a análise ancorou-sena modalidade temática.

Resultados:

participaram 11 residentes, entre enfermeiros, farmacêuticos e psicólogos. Da convergência entre a organização dos dados e da análise emergiram duas categorias Contribuições da residência para o desenvolvimento profissional; Desarticulação entre o eixo transversal e o específico. Considerações Finais a residência proporcionou aos participantes experiências de aprendizado teórico-prático, compartilhamento de conhecimentos e saberes, por meio de discussões de casos clínicos por equipe multiprofissional. Entretanto, notou-se intensa insatisfação com a organização do programa e o processo de trabalho, devido à escassez de aporte teórico dos docentes e preceptores, e também sua dificuldade para articular as atividades assistenciais e educacionais de forma multi e interdisciplinar, além da sobrecarga de trabalho com consequente desvio de suas atividades.
Biblioteca responsável: BR513.1