Your browser doesn't support javascript.

Bibliografia do SUS

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Avaliação de gestores, trabalhadores, conselheiros de saúde e usuários do SUS sobre a Política de Promoção da Saúde / An assessment of the National Policy on Health Promotion by SUS managers, employees, health counselors, and users

Alexandre, Veruska Prado; Rocha, Dais Gonçalves; Marcelo, Vânia Cristina; Lima, Jacqueline Rodrigues de.
Ciênc. saúde coletiva; 21(6): 1717-1726, Jun. 2016. tab
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: lil-783924

Resumo

Resumo A emergência de um tema à agenda pública é um processo complexo que envolve a interpretação da realidade e a construção de consensos. Este artigo analisa a avaliação feita por gestores, trabalhadores, conselheiros de saúde e usuários do SUS sobre a inclusão, exclusão e revisão de componentes da Política Nacional de Promoção da Saúde (PNaPS). Esta pesquisa compôs o processo de revisão da PNaPS. Estudo descritivo, realizado por meio de questionário eletrônico entre novembro/2013 a março/2014. No total, participaram 1545 pessoas. O questionário avaliou os componentes da primeira edição da PNaPS – 2006 (objetivos, diretrizes, ações específicas) e os eixos operativos construídos para a segunda. Os participantes concluíram que os componentes da PNaPS 2006 estavam adequados às demandas do campo para a atualidade. No entanto sugeriram complementações quanto a: gestão e planejamento; determinantes sociais da saúde; intrassetorialidade e intersetorialidade; equidade; desenvolvimento de habilidades pessoais, etc. Quanto aos eixos operacionais foi dado destaque também à formação profissional e à sustentabilidade das ações. As contribuições dos participantes apontam para as necessidades atuais do campo. Sugere-se que a PNaPS seja avaliada nas diferentes esferas públicas.
Abstract Emergence of a subject into the public agenda is a complex process that involves interpretation of the current reality, and consensus-building. This paper analyzes assessments made by managers, employees, health counselors and users of Brazil’s Unified Health System (SUS) on the inclusion, exclusion or revision of components of the Brazilian National Health Promotion Policy (NHPP). The survey is part of the process of review of the NHPP. It is a descriptive study, carried out by web questionnaire in November 2013 – March 2014, with 1,545 participants. The questionnaire assessed the components of the first version of the NHPP – published in 2006 (objectives, guidelines, specific actions), and the central operational guidelines constructed for the second version (2014). The participants concluded that the components of the 2006 NHPP were adequate for the demands of the field in the current situation. However, they suggested some contributions to complement the Policy, including, among others: management and planning; social determinants of health; intra-sectoral and intersectoral actions; equity; and development of personal skills. Participants emphasized professional education and the sustainability of actions in operational strategies. The contributions that the participants made do indeed point to the present needs in the field. We suggest that the NHPP should be evaluated in the various public spheres.
Biblioteca responsável: BR1.1