Your browser doesn't support javascript.

Portal Regional da BVS

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
XML
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Resultado em longo prazo da trabeculectomia no tratamento do glaucoma congênito primário / Long-term results of trabeculectomy in the treatment of primary congenital glaucoma

Rev. bras. oftalmol; 63(5/6): 326-333, maio-jun. 2004. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-433703

OBJETIVO:

Avaliar o resultado da trabeculectomia a 180º superiores como primeiro procedimento em paciente com glaucoma congênito primário.Local: Serviço de Oftalmologia do Hospital Municipal da Piedade - Universidade Gama Filho - RJ.

MÉTODOS:

Foram avaliados 35 olhos de 23 pacientes portadores de glaucoma congênito primário submetidas a trabeculotomia no Hospital Municipal da Piedade, avaliadas e operadas sempre pelo mesmo cirurgião. Todos os pacientes foram submetidos a exame sob narcose 1 mês após a cirurgia e de acordo com o resultado cirúrgico a intervalos trimestrais ou semestrais. Foram considerados controlados olhos com pressões oculares menores ou iguais a 17 mmHg, ou redução da pressão ocular de pelo menos 20 por cento após a cirurgia, sem sinais de evolução da doença e considerados como sucesso absoluto, controle do glaucoma com apenas um procedimento, sucesso relativo quando a doença estava estabilizada com um procedimento e medicação tópica complementar e insucesso quando foram necessários mais de um procedimento cirúrgico.

RESULTADOS:

O período médio de acompanhamento foi de 44,48 meses variando de 12 a 126 meses. Do total dos pacientes, 88,5 por cento foram operados antes de 1 ano de idade. O índice de sucesso absoluto foi de 62,9 por cento e relativo de 22,8 por cento com sucesso total de 85,7 por cento. A pressão ocular pré-operatória média foi de 20,9 +/- 4,5 mmHg e pós-operatória de 12,6 +/- 4,1mmHg, havendo diferença estatisticamente significativa (p+0,0000). Nos pacientes operados até 3 meses de idade obtivemos índice de sucesso de 93,75 por cento, nos operados entre 3 e 6 meses 81,8 por cento, 75 por cento entre 6 meses e uma ano e 75 por cento após um ano de idade. Não houve diferença significativa na medida do diâmetro horizontal da córnea pré e pós-operatória (p+0,18).

CONCLUSÕES:

A trabeculectomia é uma técnica segura e com alto índice de sucesso quando realizada como primeiro procedimento cirúrgico no glaucoma congênito.
Biblioteca responsável: BR1.2