Your browser doesn't support javascript.

Portal de Búsqueda de la BVS

Información y Conocimiento para la Salud

Home > Búsqueda > ()
XML
Imprimir Exportar

Formato de exportación:

Exportar

Email
Adicionar mas contactos
| |

A neurose obsessiva, veredas freudianas: breves considerações

Torres Dantas Júnior, Alirio.
Revista de Psicanálise, Porto Alegre; 27(1): 157-167, abril 2020.
Artículo en Portugués | Bivipsil | ID: psa-2043
O artigo aborda a neurose obsessiva de acordo com a obra de Freud,
usada como ponto inicial para a argumentação do autor, enfatizando a
sua dinâmica metapsicológica. Com base na hipótese clínica de que o
pensamento torna-se fonte de angústia, destaca o fato do recalque dos
componentes sádicos da libido constituir o ponto de partida da neurose.
O autor enfatiza que, como escreveu Freud, a luta defensiva é a sua
principal característica, distinguindo-a das demais neuroses. Ele sugere
que uma fragilidade da estrutura narcísica primária é uma das condições
necessárias para a forma peculiar da apresentação da angústia e de suas
defesas. Ao argumentar que o pensamento torna-se fonte de angústia,
destaca as dificuldades técnicas resultantes e sustenta que o manejo da
transferência representa a única solução clínica possível

Asunto(s)

Psicoanálisis

Descriptores locales

Sociedade Psicanalítica de Porto Alegre; SPPA; NEUROSE OBSESSIVA; METAPSICOLOGIA; ANGUSTIA; LUTO; DEFESA; NARCISISMO; TRANSFERÊNCIA; REPRESSÃO.
Biblioteca responsable: UY113.1