Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 16.984
Filtrar
Mais filtros








Filtros aplicados
Intervalo de ano de publicação
1.
Belo Horizonte; s.n; 20210820. 90 p. ilus, graf.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1337722

RESUMO

Introdução: Estudos demonstram alta prevalência de agressões, abusos e maus-tratos contra estudantes de medicina e que a exposição à violência tem impacto negativo na saúde mental dos estudantes. Estudos sobre esse problema no Brasil são escassos. O objetivo do presente trabalho foi avaliar a percepção dos acadêmicos sobre agressões, abusos e maus tratos durante a graduação em medicina bem como identificar os perpetradores, principais tipos de violência e relacionar as variáveis acadêmicas e sociodemográficas aos tipos de agressões. Metodologia: Estudo educacional, observacional, transversal e de caráter quantitativo com estudantes de medicina de Minas Gerais matriculados do 3º ao 12º períodos entre 01 de novembro de 2020 a 31 de março de 2021. Foi enviado para todos os alunos questionário via on-line, obtivemos uma taxa de resposta de 264 respondentes, destes 237 foram incluídas na análise. Resultados: Os principais perpetradores de violência foram os próprios alunos 89,2% seguido pelos professores com 87,1%. Os tipos de agressões mais frequentes relatadas foram a depreciação ou humilhação 77,9% e os comentários negativos por ser aluno do curso 71,7%. Em nosso trabalho 67,2% dos respondentes desconheciam instâncias de acolhimento psicológico existentes em suas instituições. Foram estatisticamente significativos a maior frequência de violência psicológica (96,2%) e sexual (67,6%) no sexo feminino, maior frequência de violência verbal (68,9%), violência psicológica (97%) e violência sexual (68,2%) nos respondentes insatisfeitos com a aparência. A agressão física foi relatada por 4,2% e a ameaça de agressão física por 10,4% dos respondentes. Conclusão: a frequência percebida de agressões, abusos e maus-tratos foi alta na população estudada. A depreciação ou humilhação foi a agressão mais frequente e os próprios estudantes foram os principais perpetradores, seguidos de perto pelos professores. Torna-se importante que as instituições definam um código de conduta ética adequada que seja conhecido pelos alunos e corpo docente e que existam ouvidorias capacitadas na escuta atenta aos alunos e efetiva na resposta às possíveis situações de violência vivenciadas


Introduction: Studies show a high prevalence of aggression, abuse and mistreatment against medical students, and indicate that exposure to violence has an adverse impact on students' mental health. Studies on this problem in Brazil are scarce. This study aimed to assess the students' perception of aggression, abuse and mistreatment during medical graduation, as well as to identify the perpetrators and the main violence types, and correlate academic and sociodemographic variables with aggression types. Methodology: Educational, observational, cross-sectional and quantitative study carried out on Minas Gerais's medical students enrolled in the 3rd through to the 12th terms between November 1, 2020, and March 31, 2021. An online questionnaire was sent to all students; replies were obtained from 264 respondents, 237 of which were included in the analysis. Results: The main violence perpetrators were students themselves with 89.2%, followed by teachers with 87.1%. The most frequent aggression types reported were depreciation or humiliation with 77.9%, and negative comments for being a student in the course with 71.7%. Our study found that 67.2% of the respondents were unaware of the existence of psychological support centers for medical students in their institutions. A higher frequency of psychological violence (96.2%) and sexual violence (67.6%) against the female gender, as well as a higher frequency of verbal violence (68.9%), psychological violence (97%) and sexual violence (68.2%) among respondents dissatisfied with their appearance, were found statistically significant. Physical aggression was reported by 4.2% of the respondents, and the threat of physical aggression by 10.4% of respondents. Conclusion: the perceived frequency of aggression, abuse and mistreatment was high among the population studied. Depreciation or humiliation was the most frequent aggression type, and students themselves were the main perpetrators, closely followed by teachers. Institutions must define a code of proper ethical conduct that is known by students and faculty alike, and that there are ombudspersons trained in attentive listening to students and effective response to possibly experienced situations of violence


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Estudantes de Medicina , Violência , Agressão , Educação Médica , Bullying , Abuso Emocional , COVID-19
2.
Belo Horizonte; s.n; 20210507. 70 p. ilus, tab.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1282910

RESUMO

A motivação é considerada um dos principais determinantes do rendimento individual. O estudante devidamente motivado apresenta maior probabilidade de atingir melhor desempenho acadêmico. Este estudo teve como objetivo avaliar a motivação dos estudantes de medicina em relação às videoaulas assíncronas sobre anatomia humana, assistidas durante o isolamento social da pandemia de Covid-19, no primeiro semestre de 2020. Utilizou-se o questionário Instructional Materials Motivation Survey, versão validada no Brasil (IMMS-BRV), para avaliação da motivação. Participaram do estudo 211 estudantes, 143 (67,8%) do sexo feminino e 68 (32,2%) do sexo masculino matriculados no primeiro, terceiro e quarto períodos do curso de medicina. O questionário foi aplicado no final do primeiro semestre de 2020 por meio do aplicativo google forms. As videoaulas foram moderadamente motivadoras e muito motivadoras para 72% dos estudantes avaliados. Houve maior motivação nos estudantes do primeiro período quando comparados àqueles do terceiro e quarto períodos. Estudantes do sexo feminino mostraram maior escore médio na dimensão atenção e aqueles que concluíram outro curso superior, previamente, apresentaram maior escore médio na dimensão expectativa do IMMS-BRV. O ensino remoto é um recurso tecnológico facilitador e motivador nas aulas de anatomia combinando linguagem verbal e visual, possibilitando que o estudante administre o seu processo contínuo de aprendizagem


The motivation is a behavior process which is considered to be one of the main determinants of the individual learning achievement. The student who has been accurately motivated has better chance of achieving forward-thinking performance. This study aimed at evaluating the motivation of students of the human anatomy asynchronous video classes, which were carried out during the social isolation due to the Covid-19 pandemic, in the first school semester of the year 2020. The Instructional Materials Motivation Survey questionnaire, on its validated version in Brazil (IMMS-BRV), was used as research instrument to assess the participants'motivation. A number of 211 students were the participates in this study, 143 (67.8%) females and 68 (32.2%) males. The studied academics were enrolled in the first, third and fourth graduation periods of the medical course. The questionnaire was applied at the end of the first half of the year of 2020 by means of google forms application. Female students presented a higher average score in the attention dimension and those who completed another higher education course previously had a higher average score in the expectation dimension of the IMMS-BRV. The findings revealed that the video classes were moderately motivating and very motivating for 72% of the evaluated students. There was greater motivation in students in the first graduation period when compared to those in the third and fourth graduation periods. Female students had a higher average score in the attention dimension and those who completed another higher education course, a higher average score in the expectation of the IMMS-BRV. The remote teaching is a facilitating and motivating technological resource in anatomy classes, enabling the combination of verbal and visual language, qualifying the students to accomplish their continuous learning process


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Adulto Jovem , Estudantes de Medicina , Educação à Distância , Anatomia , Motivação , Filme e Vídeo Educativo , Educação Médica
3.
Belo Horizonte; s.n; 20210202. 64 p. ilus, tab.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1151858

RESUMO

Introdução: A certificação profissional está cada vez mais presente no currículo médico, seja por exigências do mercado, seja por demandas jurídicas. Após longa jornada inicial para a formação, o médico pode escolher entre dois caminhos para obter o título de especialista, uma residência ou uma especialização médica, desde que chanceladas por entidades oficiais. Nesse último modelo, o médico precisa, após a conclusão da especialização, realizar uma prova para a obtenção do título de especialista. A Sociedade Brasileira de Cardiologia, com o auxílio da Comissão Julgadora do Título de Especialista em Cardiologia, promove, anualmente, uma prova com essa finalidade. Em relação à elaboração de itens, até o presente estudo, não havia sido feita nenhuma avaliação psicométrica da prova do Título de Especialista em Cardiologia (TEC), tendo em vista a Teoria Clássica dos Testes (TCT) e a Teoria de Resposta ao Item (TRI). Essas teorias buscam, de forma técnica, avaliar a qualidade dos itens envolvidos em um teste e, de forma estatística, mostram um perfil do teste em relação a grau de dificuldade, poder de discriminação e possibilidade de acertos ao acaso ("chute"), o que nos permite uma análise crítica da qualidade da prova realizada. Objetivos: Avaliar as propriedades psicométricas da prova do TEC no ano de 2019, em relação aos parâmetros da TCT e da TRI . Materiais e métodos: Estudo observacional, com a análise psicométrica das 120 questões da prova realizada por 1120 (mil cento e vinte) candidatos para a obtenção do título de especialista em Cardiologia, no ano de 2019. Resultados: A análise pela TCT demonstrou que a prova apresenta boa distribuição dos itens em relação ao grau de dificuldade, com uma tendência para maior facilidade. Pela TRI, foi possível verificar que, das 118 questões avaliadas, apenas 49 (41,5%) possuem um fator satisfatório de discriminação. Conclusão: Os resultados deste estudo apresentam uma visão inédita da prova do TEC e, para as entidades oficiais que organizam a prova, poderão desencadear uma série de discussões e propostas para as futuras construções de provas no âmbito da cardiologia e das demais especialidades médicas


Introduction: Professional certification is increasingly present in the medical curriculum, ei-ther due to market demands or due to legal demands. After a long initial journey to training, doctors can choose between two paths to obtain the title of specialist, a residency program or a medical specialization, provided they are certified by official entities. In the latter, upon completing the specialization, the doctor must perform a test to obtain the title of specialist. The Brazilian Society of Cardiology, with the assistance of the Judging Panel on Cardiology Specialist Titles, promotes annually a test for this purpose. Regarding the elaboration of items, until the present study, there had been no psychometric evaluation of the test for the Title of Specialist in Cardiology (TSC), considering the Classical Test Theory (CTT) and the Item Re-sponse Theory (IRT). These theories seek, in a technical way, to evaluate the quality of the items involved in a test and, statistically, yield a profile of the test regarding the degree of difficulty, power of discrimination, and possibility of scoring due to guessing, which allows us to critically analyze the quality of the test performed. Objectives: To evaluate the psycho-metric properties of the TEC test in 2019, considering the CTT and IRT parameters. Materials and methods: Observational study, with the psychometric analysis of the 120 questions of the test performed by 1,120 (one thousand and one hundred and twenty) candidates to obtain the Title of Specialist in Cardiology, in the year 2019. Results: The analysis using CTT demonstrated that the test presents a good distribution of the items regarding the degree of difficulty, with a tendency towards ease. Through the IRT, it was possible to verify that, of the 118 questions evaluated, only 49 (41.5%) have a satisfactory discrimination parameter. Conclusion: The results of this study present an unprecedented view of the TEC test and, for the official entities that organize the test, they may trigger a series of discussions and pro-posals for the future elaboration of tests in the scope of Cardiology and other medical special-ties


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Psicometria , Especialização , Cardiologia , Educação Médica , Internato e Residência
4.
Belo Horizonte; s.n; 20210222. 57 p. ilus, tab.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1282915

RESUMO

Introdução: As tecnologias trouxeram mudanças inéditas na forma de comunicação entre as pessoas, bem como novas potencialidades na educação. A ampliação do uso do smartphone trouxe novas perspectivas e pode se apresentar como uma potente ferramenta educacional. Entretanto, impactos negativos do uso excessivo do dispositivo são observados, principalmente na população de jovens universitários, como transtornos físicos e psicológicos. Diante disso, faz-se necessário a compreensão do fenômeno, a identificação e o manejo desta dependência comportamental. Objetivo: Esse estudo teve como objetivo identificar e discutir a dependência de smartphone em estudantes de medicina e suas repercussões na saúde física e emocional, bem como apresentar as formas de identificação da dependência de smartphone e as abordagens destinadas a minimizarem o uso patológico desta tecnologia. Metodologia: Trata-se de um estudo qualitativo de revisão narrativa, necessário para se discutir a dependência do smartphone pelos estudantes de medicina nos dias de hoje. Conclusão: O uso excessivo do smartphone é uma realidade, principalmente na população universitária. O reconhecimento do uso disfuncional do aparelho se faz cada vez mais importante, uma vez que os impactos negativos na saúde física e mental são evidentes em diversas publicações em todo mundo. Entretanto, medidas para manejo da dependência se tornam tão importantes quanto a identificação do problema


Introduction: Technologies have brought unprecedented changes in the way people communicate, as well as new potential in education. The expansion of smartphone use has brought new perspectives and presents itself as a powerful educational tool. However, negative impacts of the excessive use of the device are observed mainly in the population of young university students. Therefore, it is necessary to understand, identify and manage this behavioral dependence. Objective: This study aimed to identify and discuss smartphone dependence in medical students and its repercussions on physical and emotional health, as well as to present ways of identifying smartphone dependence and the approaches aimed at minimizing the pathological use of this technology. Methodology: This is a qualitative study of narrative view, necessary to discuss smartphone dependence among medical students today. Conclusion: The excessive use of the smartphone is a reality, especially in the university population. The recognition of dysfunctional use of the device is becoming increasingly important, since the negative impacts on physical and mental health are evident in several publications worldwide. However, measures to manage addiction become as important as identifying the problem


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Adulto Jovem , Estudantes de Medicina , Smartphone , Transtorno de Adição à Internet , Educação Médica
5.
Belo Horizonte; s.n; 20210214. 102 p. ilus, tab.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1283007

RESUMO

Introdução: Gamificação é a utilização de mecanismos baseados em games, sua estética e lógica para engajar pessoas, motivar atitudes, promover aprendizado e solucionar problemas. Assim, uma forma de incentivar a elaboração, o aprendizado em grupo, bem como a colaboração e a interatividade, é a utilização de jogos educacionais integrados às aulas e seminários. A participação em um jogo incentiva o aprofundamento no objetivo de aprendizagem, possibilitando que o aluno elabore os conceitos que estão sendo abordados e os aplique. Além dos benefícios de memória e desempenho, os jogos e os outros métodos de aprendizagem interativa têm importantes benefícios sociais para os alunos. Objetivo: Avaliar os efeitos da adição de gamificação, nas aulas tradicionais contextualizadas por discussão de casos clínicos, para grupos grandes de estudantes de medicina. Metodologia: Trata-se de pesquisa experimental, aplicada a 39 alunos do terceiro período do curso de medicina do Centro Universitário Presidente Tancredo de Almeida Neves, em São João Del Rei (MG), no primeiro semestre de 2019. Foi ministrada aula comum a todos os participantes versando sobre o diagnóstico diferencial das tireotoxicoses e, posteriormente, a amostra foi randomizada em dois grupos: um grupo para discussão de casos clínicos e o outro grupo para gamificação de casos clínicos. Ao final das intervenções, foram avaliadas a motivação dos estudantes, a retenção do conhecimento (curto e longo prazo) e a transferência do conhecimento para resolução de casos clínicos de tireotoxicose. Resultados: A análise dos grupos revelou maior atenção, confiança e satisfação, dentre os domínios da motivação, dos estudantes que utilizaram o jogo proposto quando comparados aos estudantes do grupo submetido à discussão tradicional de casos clínicos. A retenção do conhecimento, no curto e longo prazo, bem como a transferência do conhecimento foi semelhante entre os dois grupos, mostrando que o jogo educacional, nesse contexto, não é inferior ao método tradicionalmente utilizado. Conclusão: Logo, a introdução da gamificação, como reforço do aprendizado, nas aulas tradicionais, contextualizas por casos clínicos, pode gerar os efeitos próprios do aumento da motivação na atividade instrucional


Introduction: Gamification is the use of mechanisms based on video games, their design and elements of logic in order to engage and motivate people towards better learning and problem solving. Thus, one way to encourage engagement, group learning, collaboration and interaction is the use of educational games integrated into classes and seminars. Being part of a game encourages greater approximation to the learning aim, enabling the student to establish and apply the concepts that are being dealt with. As well as benefiting memory and performance, games and other interactive learning methods have important social benefits for the students. Aim: To assess the affects of adding gamification to traditional lessons that are contextualized through clinical case discussions for large groups of medical students. Methodology: This is an experimental study, given to 39 students from the third period of the medical school at the Presidente Tancredo de Almeida Neves University Center in São João Del Rei (MG), during the first semester of 2019. The same class was given to all the participants, dealing with the diagnostic differentials of Thyrotoxicosis and, following this, the sample was randomized into two groups: one group for clinical cases discussion and another for gamification of the clinical cases. At the end of the activities, assessment was made of student motivation, knowledge retention (short and long term) and knowledge transfer for the resolution of the Thyrotoxicosis clinical cases. Results: Analysis of the groups showed greater attention, confidence and satisfaction, among the motivation constructs, in the students that used the game compared with the students that were submitted to traditional clinical case discussion. Knowledge retention, in the short and long term, as well as knowledge transfer had similar levels between the two groups, showing that the educational game, in this context, is not inferior to the traditional method used. Conclusion: Therefore, the introduction of gamification, for learning reinforcement in traditional classes contextualized by clinical cases, may generate its own effects in increasing motivation in instructional activities


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Adulto Jovem , Estudantes de Medicina , Educação Médica , Aprendizagem , Motivação , Medicina Clínica , Jogos de Vídeo
6.
Belo Horizonte; s.n; 20210223. 72 p. ilus, tab.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1291184

RESUMO

Introdução: A importância de se desenvolver na formação médica os quatro componentes do Método Clínico Centrado na Pessoa (MCCP) fundamenta-se na necessidade dos profissionais compreenderem a dimensão subjetiva do paciente em relação ao processo de saúde e doença. A estratégia educacional de Prática Médica na Comunidade, presente nos dois primeiros anos do curso de medicina da Unifenas-BH, envolve visitas a diferentes cenários de prática com oficinas de trabalho, oferecendo um espaço curricular importante para desenvolvimento dos componentes do MCCP, considerados essenciais para a formação de profissionais mais qualificados para atender a população de uma forma mais ampla e humana. Objetivos: Avaliar o desenvolvimento dos componentes do MCCP na estratégica educacional Prática Médica na Comunidade ao longo dos dois primeiros anos do curso de Medicina. Metodologia: Trata-se de um estudo transversal, descritivo e analítico, qualitativo-quantitativo, feito através da análise do conteúdo de portfólios da estratégia educacional Prática Médica na Comunidade, dos alunos do 1º, 3º e 4º período do curso de Medicina da Universidade José Do Rosário Vellano ­ Unifenas, campus Belo Horizonte. Utilizou-se análise de conteúdo com a técnica análise categorial temática para elaboração deste projeto. Resultados: Incialmente foi feita a análise de conteúdo dos 1848 portfólios referentes ao registro eletrônico dos 320 acadêmicos do 1º, 3º e 4º período, sendo possível observar a presença dos quatro componentes do MCCP dentro da estratégia PMC do curso de medicina da Unifenas Belo Horizonte em consonância com os objetivos de aprendizagem das oficinas de trabalho que fazem parte da estratégia educacional e uma melhora da capacidade reflexiva do aluno, conforme passa para os períodos seguintes, sobre a estratégia e o seu aprendizado. Considerações finais: O aprendizado ultrapassa o limite das salas de aula através da PMC, desenvolvendo um olhar acadêmico crítico e reflexivo, aproximando o aluno da realidade clínica profissional e de sua própria experiência humanística, empática e de autoconhecimento. O qual contribui para o processo de sedimentação do conhecimento e aquisição de competências necessárias à aplicação dos componentes do MCCP


Introduction: In medical training, the importance of developing the four components of the Person-Centered Clinical Method (MCCP) is based on the professionals´ need to understand the patient´s subjective dimension related to the health and disease process. The Clinical Practice in the Community, an educational approach that takes place in the first two years of medical school at Unifenas-BH, involves visits to different practice scenarios through workshops and offers an important curricular space for the development of MCCP components, considered essential for the training of more qualified professionals that can care for the population more broadly and humanely. Objectives: To evaluate the development of the MCCP components in the Clinical Practice in the Community educational approach over the first two years of medical school. Methodology: This is a cross-sectional, descriptive, qualitative-quantitative study carried out by analyzing the content of portfolios of the Clinical Practice in the Community educational approach, of students in the 1st, 3rd, and 4th terms of Medical School at José Do Rosário Vellano University - Unifenas, at Belo Horizonte campus. Content analysis using the thematic categorical analysis technique was used to design this project. Results: Concerning the content analysis of the 1848 portfolios, of the electronic registration of 320 students, the presence of the four components of the MCCP within the PMC educational approach in the first two years of the medical school at Unifenas - Belo Horizonte was observed. This was in accordance with the learning objectives of the workshops that are part of the educational approach. It was also noticed that as the student moves on to the following periods, his ability to reflect on the strategy and his learning improves. Final considerations: Learning goes beyond the limit of classrooms through the PMC, developing a critical and reflective academic perspective. PMC helps bring students closer to professional clinical reality and their own humanistic, empathic, and self-awareness experience. This contributes to the process of sedimentation of knowledge and acquisition of skills necessary to apply the MCCP components.


Assuntos
Estudantes de Medicina , Assistência Centrada no Paciente , Educação Médica , Medicina de Família e Comunidade , Pacientes , Empatia , Aprendizagem
7.
Rio de Janeiro; s.n; 2021. ilus.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1148238

RESUMO

Introdução: O pênfigo paraneoplásico é uma doença autoimune caracterizada pela produção de autoanticorpos por células tumorais neoplásicas. O primeiro sinal da doença são úlceras orais em 45% dos casos. Sua persistência e progressão são características de malignidade, reconhecida ou oculta. O difícil manejo dessa complicação, devido à doença de base não controlada, leva à piora dos sintomas e perda da qualidade de vida do doente. Objetivos: Relato de uma patologia rara, pouco relacionada a neoplasias sólidas, refratária a maioria dos tratamentos e com alta taxa de morbimortalidade. Métodos: Relato de caso de uma paciente com diagnóstico de carcinoma epidermoide de colo do útero, estadio IVa, com doença fora de controle e manifestações de pênfigo paraneoplásico cutâneo e mucoso. Resultados: A paciente apresentou o pênfigo paraneoplásico como complicação do câncer, com dificuldade de diagnóstico pela raridade da doença. Atualmente, sintomática com pouca resposta à corticoterapia. Conclusões: A raridade de algumas doenças torna o atraso no diagnóstico uma dificuldade ao tratamento. Assim como, o padrão de apresentação e a pouca experiência com patologias raras leva, muitas vezes, ao subdiagnóstico e subtratamento de nossos doentes, com perda da qualidade de vida


Background: Paraneoplastic pemphigus is an autoimmune disease characterized by autoantibody production by malignant tumor cells. The first sign of the disease is oral ulcer in 45% of cases. Their persistence and progression are features of malignancy, recognized or hidden. The difficult management of this complication due to uncontrolled underlying disease leads to the worsening of symptoms and loss of the patients' quality of life. Objective: Report a rare pathology, uncommonly related to solid neoplasms, refractory to most procedures and with high rates of morbidity and mortality. Methods: Case report of a patient diagnosed with squamous cell carcinoma of the cervix, stage IVa, with disease out of control and manifestations of skin and mucous paraneoplastic pemphigus. Results: The patient presented paraneoplastic pemphigus as a complication of the cancer, with a difficult diagnosis because of the rarity of the disease. Currently, symptomatic with little response to corticosteroid therapy. Conclusions: The uncommonness of some diseases makes the delay in diagnosing an obstacle to treatment. The presentation pattern and the little experience in rare diseases often lead to the underdiagnosis and undertreatment of our patients and loss of quality of life.


Assuntos
Humanos , Feminino , Adulto , Carcinoma de Células Escamosas/complicações , Pênfigo , Neoplasia Intraepitelial Cervical/complicações , Neoplasias
8.
Rio de Janeiro; s.n; 2021.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1152060

RESUMO

Foram coletados dados de 103 pacientes submetidas a histerectomia radical por via robótica para tratamento de câncer colo uterino inicial no Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA). A maioria da população era parda (51,5%). A mediana da idade em 41 anos. A mediana do tempo de internação em 1 dia. O IMC com mediana em 26,04. A maioria das pacientes foi submetida à histerectomia radical tipo III (46,6%), e à linfadenectomia pélvica em aproximadamente 95% dos casos. Houve 13,6% de complicação pós-operatória em 30 dias e a mais frequente foi a bexiga neurogênica. A curva de aprendizado dos cirurgiões não alterou o tempo cirúrgico, a sobrevida livre de doença e nem a sobrevida global. O tamanho tumoral teve impacto na frequência de recidiva, porém o tamanho estratificado em 2 cm não alterou a sobrevida global e sobrevida livre de doença.


We selected the medical records from 103 patients underwent to radical robotic hysterectomy for early cervical cancer at the Brazilian National Cancer Institute to conduct this review. We found that population was mostly brown (51.5%), median age was 41 years. The median length of stay was 1 day and median BMI was 26.04. Most patients underwent radical type III hysterectomy (46.6%), and pelvic lymphadenectomy was present in approximately 95% of cases. There were 13.6% of postoperative complications in 30 days and the most frequent was the neurogenic bladder. The surgeons' learning curve did not change the surgical time, nor did the disease-free survival and overall survival rate. The tumor size had an impact on recurrence frequency, but the stratified size at 2 cm did not change the overall survival and disease-free survival rate.


Assuntos
Humanos , Feminino , Adulto , Neoplasias do Colo do Útero , Procedimentos Cirúrgicos Robóticos , Histerectomia
10.
São Paulo; s.n; 2021. 37 p. ilus.
Tese em Português | LILACS, Coleciona SUS, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-SUCENPROD, Sec. Est. Saúde SP | ID: biblio-1178995

RESUMO

O gênero Biomphalaria (Preston, 1910), da família Planorbidae, tem importância médica no Brasil, pois inclui três espécies suscetíveis ao trematódeo Schistosoma mansoni Sambon, 1907: Biomphalaria glabrata (Say, 1818), Biomphalaria tenagophila tenagophila (d'Orbigny, 1935) e Biomphalaria straminea (Dunker, 1848). A correta determinação destas espécies depende da observação de caracteres taxonômicos confiáveis. Entretanto, as semelhanças existentes entre determinados táxons levaram alguns especialistas a formarem complexos de espécies. No Brasil, existem dois complexos de espécies no gênero Biomphalaria; o complexo Biomphalaria tenagophila proposto por Spatz e colaboradores (1999) e o complexo Biomphalaria straminea proposto por Paraense (1988), cujos táxons, pertencentes a cada um deles, foram assim agrupados devido às semelhanças morfológicas e genéticas. Dos três táxons que integram o complexo Biomphalaria tenagophila, B. t. tenagophila é a única espécie suscetível ao S. mansoni, tendo grande importância epidemiológica nas regiões sul e sudeste do Brasil (MINISTÉRIO DA SAÚDE, 2014). As semelhanças morfológicas entre os três táxons do complexo Biomphalaria tenagophila podem levar a erros de identificação específica, dificultando o reconhecimento de áreas vulneráveis para transmissão da esquistossomose nas regiões sul e sudeste do país. As estruturas morfológicas de maior valor taxonômico em Biomphalaria estão relacionadas ao sistema reprodutor. No presente estudo, propomos estudar os aspectos morfológicos e histológicos do complexo peniano e região da vagina de B. t. tenagophila para fornecer novos subsídios que auxiliem na sistemática de Planorbidae. Foram coletados moluscos B(AU)


Assuntos
Vagina , Biomphalaria , Moluscos
11.
Rio de Janeiro; s.n; 2021.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1284443

RESUMO

Tumor de Wilms (TW) é a neoplasia maligna primária renal mais comum na infância alcançando taxa de cura de até 90%. No entanto, em países em desenvolvimento, a sobrevida global relatada para TW varia de 50% a 89%. Nesses países, vários desafios são encontrados. Dentre eles, podemos citar a dificuldade de acesso aos serviços especializados no tratamento adequado e cuidados de suporte, desnutrição, recusa e abandono ao tratamento, crença em tratamentos alternativos, analfabetismo e falta de apoio social. Em consequência, muitos pacientes chegam aos serviços especializados apresentando a doença em estádio avançado (estádio III e IV) o que diminui substancialmente a taxa de sobrevivência. Estudos relatam que pacientes com doença metastática compreendem 15 a 17% dos casos. Assim, este estudo visa fazer uma revisão bibliográfica sobre tumor de Wilms unilateral e em particular sobre o estádio IV


Wilms' tumor (WT) is the most common primary renal malignancy in childhood, reaching a cure rate of up to 90%. However, in developing countries the overall survival reported for WT ranges from 50% to 89%. In these countries, several challenges are found. Among them, we can mention the difficulty in accessing specialized services in adequate treatment and supportive care, malnutrition, refusal and abandonment of treatment, belief in alternative treatments, illiteracy and lack of social support. As result, many patients arrive at specialized services presenting the disease in an advanced stage (stages III and IV), which substantially decreases the survival rate. Studies report that patients with metastatic disease comprise 15 to 17% of cases. So, this study aims to perform a literature review on unilateral Wilms' tumor and, particularly, on stage IV


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Tumor de Wilms , Medição de Risco , Metástase Neoplásica , Neoplasias
12.
Porto Alegre; s.n; 2021. 23 p.
Tese em Português | LILACS, Coleciona SUS | ID: biblio-1291759

RESUMO

Introdução: Os cateteres venosos centrais (CVC) são essenciais principalmente em Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Entretanto, podem ocasionar infecção de corrente sanguínea relacionada a cateter venoso central (ICSRCVC). Com isso, é indispensável identificar possíveis potencialidades e falhas nas medidas para prevenção. Objetivo: Avaliar a adesão às medidas de prevenção de ICSRCVC de curta permanência em UTI, em conformidade com o manual "Medidas de Prevenção de Infecção Relacionada à Assistência à Saúde" da agência nacional de vigilância sanitária(ANVISA). Método: Estudo descritivo observacional do tipo transversal com abordagem quantitativa. Realizado na UTI adulto de um hospital público no Rio Grande do Sul entre março a junho de 2020. A amostra foi composta pelos CVC de curta permanência e seus dispositivos dos pacientes internados no local de estudo. Foram incluídos todos os CVC dos pacientes internados na UTI não COVID, no período da coleta de dados. Excluíram-se os cateteres dos pacientes que estavam temporariamente fora da UTI e leitos sem CVC. Observaram-se os CVC à beira do leito uma vez por semana durante quatro meses e analisaram-se descritivamente. Projeto aprovado pelo comitê de ética e pesquisa da instituição sob o número CAEE: 27024919.7.0000.5530. Resultados: Foram observados, classificados e analisados 329 CVC e seus dispositivos em sete itens como atende e não atende, tendo como resultado atende: 92,09% no item Hiperemia e/ou secreção; 93% Validade do curativo; 90,88% Integridade do curativo; 90,27% Identificação no curativo; 79,63% Validade das dânulas; 92,80% Validade de equipos e 45,16% Validade de extensores. Na avaliação de todos os itens de cada cateter, somente 59,57% estavam adequados. Conclusão: Os itens que envolvem diretamente os cuidados do enfermeiro com o CVC apresentaram maior taxa de adequação do que os itens que envolvem ...(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Sistema Único de Saúde , Brasil , Saúde Pública , Cuidados Críticos , Infecções , Cuidados de Enfermagem
13.
Porto Alegre; s.n; 2021. s.p.p
Tese em Português | LILACS, Coleciona SUS | ID: biblio-1291765

RESUMO

Introdução: Atualmente, a pandemia pelo coronavírus (Covid-19) está afetando o mundo inteiro, com mais de 2.16 milhões de mortes globalmente (www.ourworldindata.org). Os pacientes que cursam com a forma grave da doença podem evoluir com insuficiência respiratória aguda, ventilação mecânica (VM) prolongada, uso de sedação e bloqueadores musculares, resultando no aparecimento de fraqueza muscular adquirida na UTI (FMA-UTI). Essa condição pode estar relacionada a maior tempo de internação, mortalidade e aumento dos custos hospitalares. Métodos: Foi conduzido um estudo prospectivo (n=106) no qual foi avaliada a força muscular periférica e a mobilidade dos pacientes com Covid-19 internados na UTI e submetidos à ventilação mecânica invasiva no período de julho a agosto de 2020. Resultados: Foi observada FMA-UTI importante no momento do despertar na UTI. Houve aumento da força muscular (MRC) desde o despertar até a alta da UTI de 35,0±11,9 para 47,7±8,1, (p<0.001) e da escala de mobilidade (ICU-MS), de 2.3 pontos, avaliados 24h após extubação até a alta da UTI (p<0.001). Pacientes mais fracos ao despertar na UTI (MRC menor), permaneceram mais tempo em VM (R=0.43) e maior tempo internados no hospital (R=0.3). Conclusão: Os pacientes apresentaram FMA-UTI, porém houve ganho de força muscular e de mobilidade durante o processo de reabilitação na UTI. (AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Sistema Único de Saúde , Brasil , Saúde Pública , Modalidades de Fisioterapia , Coronavirus
14.
Porto Alegre; s.n; 2021. s.p.p
Tese em Português | LILACS, Coleciona SUS | ID: biblio-1291766

RESUMO

A utilização de plantas medicinais pelo homem é relatada desde a pré-história. Apesar dos avanços e criação de políticas voltadas para o uso de plantas medicinais, com a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares no SUS- PNPIC que inclui a fitoterapia, a prevalência do uso das PICs no Brasil nas práticas de trabalho e ações nos serviços de saúde, ainda é baixa quando comparada a outros países. Dentre as plantas com uso medicinal tradicional no Brasil, Matricaria chamomilla, a Camomila, tem sido utilizada como tratamento de doenças gastrointestinais e alívio de sintomas digestivos. A revisão integrativa, teve como objetivo buscar evidências científicas da ação terapêutica gastrointestinal, do uso popular da camomila, através da busca de dados de fontes primárias com abordagem quantitativa, experimental e quase-experimental. Como resultados, foram encontrados dez estudos de cunho experimental (in vivo e in vitro) oriundos da Biblioteca virtual em saúde- BVS e PUBMED. Nenhum estudo clínico foi encontrado pela busca nos últimos dez anos. As doenças gastrointestinais investigadas foram: Diarreia/hiperperistaltismo, úlcera péptica, Gastrite atrófica e Câncer gástrico, inflamação e dor gástrica e atividade antibacteriana contra Helicobacter pylori e Campylobacter jejuni. Para a maioria das doenças investigadas a Camomila na forma de extrato ou seus componentes isolados (alfa-bisabolol e apigenina), apresentou resultados satisfatórios, sendo necessário que estudos clínicos em humanos, confirmem sua ação nas doenças gastrointestinais investigadas e ofereçam aos profissionais da atenção primária subsídios para orientação da utilização terapêutica da camomila. (AU)


Assuntos
Sistema Único de Saúde , Brasil , Saúde Pública , Modalidades de Fisioterapia , Camomila
15.
Porto Alegre; s.n; 2021. s.p.p
Tese em Português | LILACS, Coleciona SUS | ID: biblio-1291807

RESUMO

Atualmente as condições crônicas são um dos maiores problemas de saúde pública e a mudança no estilo de vida é fundamental para seu tratamento. Devido a importância de identificar como o indivíduo se sente em relação a mudança de comportamento, esse trabalho tem como objetivo descrever o estágio de mudança de comportamento dos usuários com condição crônica em uma unidade de saúde de Porto Alegre. Foi realizado estudo transversal com dados secundários, referente a 2019 a e 2020, com análise do perfil dos indivíduos, absenteísmo nas consultas, motivo de encaminhamento, profissional que encaminhou para nutricionista e o estágio de mudança de comportamento em que os pacientes estavam. Para análise estatística utilizou-se os testes Qui-quadrado e o de Wilcoxon. Obteve-se uma amostra de 152 indivíduos com absenteísmo total de 26,3% na primeira consulta, o principal motivo de encaminhamento foram as condições crônicas (51,3%). Observou-se a evolução do estágio de mudança de comportamento alimentar nos indivíduos da primeira para segunda consulta com nutricionista (p = 0,014). Sendo assim, pode-se pensar que a consulta com nutricionista contribuiu na evolução do estágio de mudança de comportamento, porém é preciso pesquisas que descrevam as consultas e associem à mudança de comportamento, controlando os fatores confundidores. (AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Sistema Único de Saúde , Brasil , Saúde Pública , Ciências da Nutrição
16.
Rio de Janeiro; s.n; 2021.
Tese em Português | Coleciona SUS, Inca | ID: biblio-1291683

RESUMO

O neuroblastoma é o tumor sólido extracraniano mais comum na infância, apresentando alta heterogeneidade clínica. Os pacientes estratificados como alto risco, realizam ciclos de quimioterapia e cirurgia na indução e possuem indicação de terapia de consolidação com altas doses de quimioterapia seguido de resgate celular com o transplante autólogo de células hematopoiéticas (TACH). Apesar de todo o desenvolvimento no tratamento dos pacientes, o neuroblastoma de alto risco ainda é um desafio por apresentar alta mortalidade. A partir deste estudo retrospectivo, com análise de dados clínicos e epidemiológicos coletados por consulta a prontuários médicos de pacientes com neuroblastoma submetidos a TACH no período de 2007 a 2017, no Instituto Nacional de Câncer (INCA), têm-se o objetivo de analisar a sobrevida global, a fim de melhorar o tratamento desses pacientes. Com esse estudo foi possível confirmar a alta mortalidade do neuroblastoma e que ainda há muito a ser estudado sobre essa patologia


O neuroblastoma is the most common extracranial solid tumor in childhood, with high clinical heterogeneity. Patients stratified as high risk, undergo cycles of chemotherapy and surgery during induction and have indication for consolidation therapy with high doses of chemotherapy followed by cell rescue with autologous hematopoietic cell transplantation (AHCT). Despite all the development in the treatment of patients, high-risk neuroblastoma is still a challenge, because of its high mortality. From this retrospective study, with analysis of clinical and epidemiological data collected by consulting medical records of patients with neuroblastoma who underwent AHCT, in the period from 2007 to 2017, at the Brazilian National Cancer Institute (INCA), we analyzed overall survival, in order to improve the treatment of these patients. With this study, it was possible to confirm the high mortality of neuroblastoma and that there is still much to learn about this pathology


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Transplante Autólogo , Análise de Sobrevida , Neoplasias , Neuroblastoma
17.
São Paulo; s.n; 2021. 31 p. ilus.
Tese em Português | LILACS, Coleciona SUS, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-SUCENPROD, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-ESPECIALIZACAOSESPROD, Sec. Est. Saúde SP | ID: biblio-1179000

RESUMO

Os mosquitos da ordem Diptera e família Culicidae, configuram um grupo expressivo dentre os insetos. O gênero Culex é composto por 768 espécies divididas em 26 subgêneros. A estratificação vertical das espécies do gênero Culex varia de acordo com as tendências alimentares e sua oferta, entretanto, as fêmeas necessitam de aporte sanguíneo para a maturação dos ovos. Essa hematofagia faz com que os culicídeos sejam importantes vetores de arboviroses e outras doenças transmitidas pela picada destes insetos. Estudos demonstram que o gênero Culex é de extrema importância epidemiológica, sendo necessária a identificação correta dos insetos em regiões endêmicas como uma ferramenta vital de vigilância. A Morfometria Geométrica Alar (WGM) entra como um reforço, ou mesmo como alternativa, uma vez que tem obtido êxito em identificar corretamente espécies de mosquitos, provando ser uma técnica tão eficiente quanto a taxonomia clássica e a biologia molecular. A Simetria Bilateral usando WGM nos fornece a Assimetria Flutuante como um importante dado derivado, que pode ser definida por pequenos desvios de uma simetria bilateral perfeita para uma determinada característica morfológica. Neste estudo foram utilizadas asas de mosquitos culicídeos do gênero Culex, subgênero Culex previamente armazenadas de coletas realizadas na Fundação Parque Zoológico de São Paulo, Parques Municipais de São Paulo no Brasil e Patagônia, Argentina, entre os anos de 2015 a 2020. Após a identificação taxonômica, ambas as asas foram coletadas e posteriormente fixadas em lâmina e lamínula com Bálsamo do Canadá. Imagens foram capturadas através de lupa estereoscópica Leica com câmera acoplada. Nos resultados observamos que Culex habilitator e Culex coronator apresentaram maior simetria entre as duas asas, enquanto as asas de Culex acharistus e Culex habilitator apresentaram assimetrias mais acentuadas. A árvore fenética agrupou os pares de asas como o esperado, com excessão das asas de Culex habilitator coletadas no ano de 2015. Comparativamente, os Culex habilitator coletados em 2020 apresentaram mais simetria alar do que os coletados em 2015, e valores de reclassificação superiores. Esses resultados indicam que a técnica de WGM aplicada a simetria bilateral se mostra uma ferramenta versátil, permitindo a realização de diferentes testes estatísticos e morfológicos baseado nos mesmos 18 pontos já utilizados para identificação de mosquitos, porém evidenciando de forma mais sensível a influência sofrida por cada população amostrada pelo seu ambiente. Tendo as amostras de Culex bidens e Culex coronator como referências de Assimetria Flutuante mais próximas do ideal, observamos nas amostragens de Culex acharistus variações importantes, porem esperadas, por se tratar de uma população coletada em ambiente menos favorável para o desenvolvimento do mosquito. Também observamos variações importantes dentro das amostragens de Culex habilitator, que podem ter sido causadas por erro de identificação taxonômica ou ação de herbicida, porém essas duas possibilidades precisam ser melhor investigadas.


Assuntos
Classificação , Culex , Bidens
18.
São Paulo; s.n; 2021. 32 p. ilus.
Tese em Português | LILACS, Coleciona SUS, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-SUCENPROD, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-ESPECIALIZACAOSESPROD, Sec. Est. Saúde SP | ID: biblio-1178996

RESUMO

A malária é considerada uma doença infecciosa não contagiosa e de transmissão vetorial, apenas cinco espécies causam malária no ser humano: Plasmodium vivax, Plasmodium falciparum, Plasmodium malariae, Plasmodium ovale e Plasmodium knowlesi, sendo o vetor mosquito do gênero Anopheles. Na região da Mata Atlântica o principal vetor é o Anopheles do subgênero Kerteszia, em especial Anopheles (Kerteszia) cruzii e Anopheles (Kerteszia) bellator, que são os principais vetores da malária humana e símia na Mata Atlântica. Objetivo: Realizar uma revisão bibliográfica e atualização sobre a detecção por plasmódios em anofelinos na Mata Atlântica e conhecer técnicas de Biologia Molecular aplicadas ao tema. Métodos: Para a realização da revisão bibliográfica, foram realizadas buscas nas seguintes bases de dados: Scielo, PubMed, Ministério da Saúde, BVS, entre outros, com as seguintes palavras chaves Malaria, Anopheles, Plasmodium, Mata Atlântica, vetor. Nas práticas laboratoriais foram realizadas: Extração de DNA de anofelinos (kit Quiagen), técnica de PCR em tempo real (TaqMan 18S rRNA) e PCR convencional (Cyt b) para detecção de plasmódios. Resultados: Foram analisados 45 artigos sobre o tema e no treinamento das técnicas foram realizadas extrações de DNA de 60 pools de fêmeas de anofelinos da região de Parelheiros (pesquisa coordenada pela Dra. Ana Maria R. de C. Duarte, FAPESP 2014/10.919-4) e realizadas as reações de PCR para a detecção de plasmódio. Discussão: Foi observado que na região de Mata Atlântica as taxas de infecção dos anofelinos variam nos diferentes estudos, sendo em alguns locais é maior do que em outros, contudo mais estudos deverão ser feitos para uma melhor compreensão da dinâmica de transmissão nos vetores no bioma Mata Atlântica. O principal vetor o An. cruzii, mas foi foram encontrados vetores secundários positivos para P. vivax e P. malariae, como An. strodei, e An. triannulatus, sugerindo que em áreas de borda de floresta, com maior atividade antrópica, esses vetores potencialmente tenham um papel na transmissão, inclusive considerando a circulação de outras espécies de plasmódio, como de P. falciparum. Conclusão: Os estudos analisados apontaram que a taxa de infeção de mosquitos é variável nos anofelinos na Mata Atlântica de acordo com a localização geográfica e existem muitas (AU)


Assuntos
Reação em Cadeia da Polimerase , Doenças Transmissíveis , Biologia Molecular
19.
Porto Alegre; s.n; 2021. 30 p.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1293360

RESUMO

Objetivo: verificar o índice de sucesso e falha da Ventilação Não-Invasiva em crianças internadas na Unidade de Terapia Intensiva Pediátrica do Hospital da Criança Conceição. Metodologia: A amostra foi composta por pacientes com idade entre 28 dias a 13 anos e 364 dias internados na UTIP no período de junho de 2018 a agosto de 2019 que utilizaram VNI no tempo que estavam internados na UTI. Os dados foram coletados através dos prontuários físicos e eletrônicos de cada paciente e posteriormente analisados. Resultados: Foram incluídos 150 episódios de uso de VNI, sendo que 54,7% foram do sexo masculino, com a mediana de idade de 4 (2;10) meses. Sobre a causa de indicação de VNI foi disfunção respiratória 58,7% e com uma mediana de tempo de VNI de 26,5 (13;70) horas. Em relação ao desfecho final foi observado que 60,7% dos casos obtiveram sucesso no uso da VNI e 39,3% falharam. Além disso, o grupo que teve sucesso da VNI apresentou uma diminuição significativa da FC entre os momentos pré uso da VNI e 24h após VNI. Conclusão: Observou-se um índice de sucesso de 60,7% do uso da VNI em crianças internadas na UTIP do HCC com uma mediana de tempo de uso de 26,5 horas, além de apresentarem melhora ou piora de variáveis clinicas dentro das primeiras 24 horas de uso da VNI.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Recém-Nascido , Lactente , Pré-Escolar , Criança , Suporte Ventilatório Interativo , Ventilação não Invasiva , Insuficiência Respiratória , Sistema Único de Saúde , Unidades de Terapia Intensiva Pediátrica , Saúde Pública
20.
São Paulo; s.n; 2021. 58 p.
Tese em Português | Sec. Est. Saúde SP, CONASS, SESSP-ISPROD, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-ISACERVO, SESSP-ESPECIALIZACAOSESPROD, Sec. Est. Saúde SP | ID: biblio-1151752

RESUMO

Introdução: A pandemia COVID-19 devastou o mundo, isolando pessoas, trazendo medo, sobrecarregando os sistemas de saúde e prejudicando a capacidade de cumprir suas funções sociais. Considerando a saúde como um direito incluindo a política de SSR e a parceria do IS com o município de FR na implementação a Linha de Cuidado de Saúde Sexual e Reprodutiva, contida no Caderno da Atenção ao Pré-Natal, Parto e Puerpério na Atenção Básica de Franco da Rocha (2018-2019), buscou-se investigar as barreiras no contexto. Objetivo: Identificar os desafios e respostas organizadas pela APS de FR para a realização da atenção ao pré-natal durante a pandemia da COVID-19 em 2020. Metodologia Estudo de abordagem qualitativa, tendo como campo a APS de FR, em 2020 durante a pandemia de SARS-CoV-2. Utilizou-se dados secundários obtidos pela SMS, e dados primários obtidos pelas entrevistas on-line com roteiro semiestruturado aplicado a gestores e profissionais de linha de frente da AB. Resultados: Em FR, houve redução da média de consultas de pré-natal, em 2019 foi de 4,86, em 2020 a média foi 1,05 consultas. Na percepção dos profissionais a pandemia causou início tardio do pré-natal, devido o medo das usuárias frequentarem os serviços. As estratégias principais foram uso de EPI, a oferta do teleatendimento pela vigilância e a informação sobre as medidas de controle para as gestantes, fazendo com que as mesmas se sentissem seguras para frequentarem a UBS. Discussão A redução de consultas indica falha no acesso ao pré-natal. A não oferta de grupos de pré-natal, e a redução das VD indicam a possibilidade de ter afetado a promoção em saúde e um distanciamento do contexto social, aumentando a probabilidade do pré-natal se limitar a um espaço de exames e prescrições, deixando a margem os aspectos psicossociais.Conclusão: Os desafios provenientes da pandemia mudaram a dinâmica social de todos, dificultando que o sistema mantivesse sua função de oferecer atenção em saúde dentro do ciclo gravídico puerperal. Recomenda-se que outros estudos que investiguem os desfechos da pandemia na RMM e estudos que orientem a implementação de teleconsulta para promoção de ações educativas, com o intuito de preparar o sistema de saúde para cenários pós-pandemia e para enfrentar situações não previstas.


Assuntos
Humanos , Recém-Nascido , Cuidado Pré-Natal , Atenção Primária à Saúde , Infecções por Coronavirus , Saúde Sexual e Reprodutiva
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA