Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Applicability of polyamide 12 intramedullary locked rods in the stabilization of induced humeral fracture in cockerels (white plymouth rock) - in vivo study / Aplicabilidade da haste intramedular bloqueada de poliamida 12 na estabilização de fratura umeral induzida em galos (Plymouth Rock Branca) - estudo in vivo

Cherobini, E. P; Carvalho, L. L; Garcia, D. O; Dias, F. G. G; Malta, C. A. S; Facin, A. C; Mattos-Junior, E; Magalhães, G. M; Dias, L. G. G. G.
Arq. bras. med. vet. zootec; 69(4): 771-776, jul.-ago. 2017. ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-17991

Resumo

The aim of this study was to evaluate the use of polyamide 12 intramedullary rods in osteotomized humerus in cockerels (White Plymouth Rock) and analyze, by radiography and histopathology, bone consolidation and the formation of bone callus. Ten cockerels were subjected to transverse osteotomy of the right humeral diaphysis followed by the insertion of polyamide 12 locked rods, with two nails in each bone fragment. Radiographies obtained at the immediate pre and post-operative period, and every 7 days for 3 months revealed no perioperatory complications. Radiography revealed a radiopaque bone callus between the 4th and 5th week post-surgery. Histopathology detected an amphophylic material (polyamide 12 rod) in the intramedullary region and the proliferation of highly vascularized connective tissue between the rod and the cortical bone. This connective tissue was highly cellular with differentiation into osteoblasts. The collagen fibers varied from loose to dense and a differentiated bone matrix, containing osteocytes in gaps and the development of bone marrow, was also observed; indicating the formation of a bone callus without signs of implant rejection. The polyamide 12 intramedullary rod was effective in the stabilization of the fractures used in this experimental model, with no rejection reaction for at least 90 days.(AU)
O presente estudo teve como objetivo avaliar a implantação de hastes intramedulares de poliamida 12, em úmeros osteotomizados de galos (Plymouth Rock Branca), bem como avaliar a consolidação óssea, por meio da verificação da formação de calo ósseo, analisando exames radiográficos e histopatológicos. Os galos foram submetidos à osteotomia transversa da diáfise do úmero direito, sendo implantadas posteriormente as hastes de poliamida 12 bloqueada com dois parafusos em cada fragmento ósseo. Após o procedimento cirúrgico, foram realizadas radiografias nos momentos pré e pós-operatório imediato e, posteriormente, a cada sete dias, durante três meses, até a realização da eutanásia. Não houve complicações perioperatórias. Ao exame radiográfico, os animais apresentaram formação de calo ósseo radiopaco entre a quarta e quinta semanas de pós-operatório. Ao exame histopatológico, foi possível notar, em todos os animais, presença de material anfofílico (haste de poliamida 12) ocupando a região intramedular óssea, e entre a haste e as corticais ósseas, proliferação de tecido conjuntivo altamente vascularizado. Tal tecido apresentou-se altamente celular com diferenciação em osteoblastos. Notaram-se também fibras colágenas, variando de aspecto frouxo a denso, e observou-se formação de matriz óssea diferenciada com osteócitos em lacunas e formações de medula óssea, denotando formação de calo ósseo sem sinais de rejeição do implante. A haste intramedular de poliamida 12 foi eficaz para estabilização das fraturas utilizando-se esse modelo experimental, sem reação de rejeição pelo período de 90 dias.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1