Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Pemphigus foliaceus in a sheep / Pênfigo foliáceo em uma ovelha

Cavalcanti, Aline Antas Cordeiro; Campos, Ana Claudia; Moraes, Aline Guedes Mamede; Pessoa, Clarice Ricardo de Macêdo; Riet-Correa, Franklin; Melo, Marcia Almeida; Azevedo, Edisio Oliveira.
Semina Ci. agr.; 40(2): 1001-1004, Mar.-Apr. 2019. ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-19477

Resumo

Pemphigus foliaceus (PF) is an autoimmune disease of the skin and is the most common form of pemphigus in domestic animals. This work reports a case of pemphigus foliaceus in a Santa Inês hair sheep. The ewe presented with multifocal bilateral crusted alopecic dermatitis affecting the chest, abdomen, and pelvic and thoracic limbs. Parakeratotic hyperkeratosis and acanthosis, in addition to subcorneal pustules, were observed histologically, and acantholytic cells and neutrophils were observed within the pustules. In the superficial and deep dermal tissues, there was intense eosinophilic infiltration and the presence of rare macrophages. These microscopic findings were characteristic of PF, and treatment with dexamethasone was ineffective. This disease is rare in sheep, and this is the first case report to be published in Brazil.(AU)
Pênfigo foliáceo (PF) é uma doença autoimune da pele e é a forma mais comum de pênfigo em animaisdomésticos. Este trabalho relata um caso de pênfigo foliáceo em uma ovelha Santa Inês. A ovelhaapresentava dermatite alopécica crostosa bilateral e assimétrica no tórax, abdômen, e membros pélvicose torácicos. Hiperceratose paraqueratótica e acantose, além de pústulas subcorneais, foram observadoshistologicamente, e células acantolíticas e neutrófilos foram observadas dentro das pústulas. Naderme superficial e profunda, havia intenso infiltrado de eosinófilos e raros macrófagos. Os achadosmicroscópicos são característicos de PF, e o tratamento com dexametasona foi ineficiente. Esta doençaé rara em ovinos e este é o primeiro relato de caso a ser publicado no Brasil.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1