Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Gradientes de diversidade nas comunidades de peixes da bacia do rio Iguatemi, Mato Grosso do Sul, Brasil

Rondon Súarez, Yzel; Petrere Júnior, Miguel.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-437468

Resumo

In order to verify the importance of longitudinal and seasonal variations and the effect of physical and chemical water characteristics to fish species diversity we accomplished three-month samplings, between November/1999 and August/2000, in three selected points in the Jogui River and eight points in the Iguatemi River-MS. The longitudinal variation was more important than seasonal variation in determining richness and number of individuals in the Jogui River, however, evenness did not present statistically significant differences either longitudinal or seasonal. In the Jogui River 78.3% of species richness, 81.6% of number of individuals and 41.1% of evenness variation was explained by the water chemical and physical characteristics. In the Iguatemi River we did not detect longitudinal or seasonal statistically significant differences in the analyzed community descriptors nor significant influence of environmental factors.
Com o objetivo de verificar a importância da variação longitudinal, sazonal e a influência das características físicas e químicas da água sobre a diversidade de espécies de peixes realizamos amostragens trimestrais, entre Novembro/1999 e Agosto/2000, em três pontos amostrais no rio Jogui e oito pontos amostrais no rio Iguatemi-MS. A variação longitudinal foi mais importante que a variação sazonal na determinação da riqueza e número de indivíduos no rio Jogui, no entanto, a equitabilidade não apresentou diferença significativa sazonal ou longitudinal. No rio Jogui 78,3% da variação na riqueza de espécies, 81,6% no número de indivíduos e 41,1% na equitabilidade foram explicadas pelas características físicas e químicas da água. No rio Iguatemi nós não detectamos diferenças estatisticamente significativas longitudinais ou sazonais nos descritores analisados das comunidades nem influência significativa dos fatores ambientais.
Biblioteca responsável: BR68.1