Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Sugar cane (Saccharum officinarum) as fresh forage or silage, with or without urea, in diets for ruminants. Apparent digestibility / Cana-de-açúcar (Saccharum officinarum) in natura ou ensilada, adicionadas ou não de uréia , em dietas para ruminantes. Digestibilidade aparente

de Sousa Lucci, Carlos; Valvasori, Edison; Lopes, Ricardo; Capezzuto, Adriana; Fontolan, Valter; Buffarah, Gilberto.
B. Indústr. Anim.; 60(1): 47-53, 2003.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-467303

Resumo

Twenty four lambs were employed to evaluate digestibility of diets with sugar cane as the only roughage. in a factorial 2 x 3 disposition of treatments : sugar cane in natura or as silage, with 0.0%, 0.5% and 1.0% of urea. It was adopted a completely randonmized design, and digestion trial runned in metabolic cages. After a pre-experimental period of 21 days , faeces, feed and refuged were collected for 5 consecutive days, to analize dry matter, crude protein, crude fiber, non nitrogen extratives, eter extract, and neutral detergent fiber. Results of digestibility were better for sugar cane in natura than for silage, with especifically higher digestion coefficents (p 0.01) for dry matter and non nitrogen extractives . Crescent urea levels also showed higher dry matter and non nitrogen extractives digestibility results (p 0.05) when apllyed to sugar cane in natura than to sugar cane silage.
Utilizaram-se 24 ovinos para avaliar a digestibilidade de dietas com cana-de-açúcar como único volumoso, dentro de um arranjo fatorial 2 x 3 : cana in natura ou silagem, com : 0,0%, 0,5% e 1,0% de uréia. Adotou-se o delineamento inteiramente casualizado, e o emprego de gaiolas de metabolismo com animais dotados de bolsas coletoras de fezes . Após um período préexperimental de 21 dias, as fezes, os alimentos e suas sobras foram colhidos durante 5 dias consecutivos, analisando-se os teores de matéria seca, proteina bruta, fibra bruta, extrato etéreo, extrativo não nitrogenado, e fibra em detergente neutro. Os resultados indicaram superioridade da canade- açúcar in natura em relação a sua silagem , com valores de digestibilidade significativamente maiores (p 0,01) para matéria seca e extrativos não nitrogenados. O emprego de níveis crescentes de uréia também resultou em maiores valores de digestibilidade da matéria seca e extrativos não nitrogenados da cana in natura em relação à silagem (p 0,05 ).
Biblioteca responsável: BR68.1