Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Otite canina: etiologia, sensibilidade antibiótica e suscetibilidade animal / Otite canina: etiologia, sensibilidade antibiótica e suscetibilidade animal

Megid, Jane; Cesar de Freitas, Júlio; Eckehardt Müller, Ernst; Leviero Soares Costa, Luciany.
Semina Ci. agr.; 11(1): 45-48, 1990.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-472546

Resumo

The aetiology, antibiotic and animal suscetibility of canine otitis externa were evaluated in 95 materials from animals with clinical history of otitis externa. The most cases were in males (65,3%) and in young animals (5 years old). Pastor Alemão were the most affected (53%) between the animals with a definite race. Staphylococcus sp, Streptococcus sp, Pseudomonas sp and Proteus sp were the more prevalents agents. Gentamicina represented the drug of choice in the differents agents isolated.  
Foram avaliados materiais procedentes de 95 cães com suspeita clínica de otite externa sendo analisada a etiologia, a sensibilidade as drogas e a suscetibilidade animal em função de sexo, idade, raça e época do ano. Observou-se predomínio das otites em machos (65,3%), em animais com menos de 5 anos de idade (64,1%) e com raça definida sendo que dentre eles o Pastor Alemão foi o mais acometido (53%). Não houve variações significantes em função de época do ano. Com relação a etiologia das otites, os Staphylococcus sp, Streptococcus sp, Pseudomonas sp e Proteus sp foram os agentes mais freqüentemente isolados. A gentamicina representou a droga de melhor atuação nos diversos agentes isolados.    
Biblioteca responsável: BR68.1