Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Esofagoplastia cervical em caninos com enxerto homólogo de cartilagem conchal preservada em glicerina

António Tadeu Pigatto, João; Luís Pippi, Ney; Marchionatti, Anair; Antonio Contesini, Emerson; Lühers Graça, Dominguita; L.B. de Godoy, Carmem; Lopes de Souza, Roberto.
Ci. Rural; 28(4)1998.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-703422

Resumo

The efficacy of conchal cartilage as an alternativo to correct lesions in the esophageal wall was tested. Twenty one mongrel adult dogs, whose weight rangedfrom 11 to 14kg, were randomiy divided in three groups (A, B e C). These animais were submitted to an esophageal segment excision of l x 2cm. The defect was corrected with conchal cartilage alograft. The postoperative attendance and evaluation was done with clinical observation, laboratorial and radiologic examinations during a period of twenty ( group A), forty five (group B) and sixty days (group C). At the end of these periods the animais were euthanized, necropsied and the esophageal segment was evaluated by gross an microscopic examination. It was observed an epitelial growth at the place were the conchal cartilage was sutured. This homograft can be used with sucess in the partial reconstruction of cervical esophageal wall in dogs.
A eficiência da cartilagem conchal como alternativa para a correção de lesões na parede esofágica cervical, foi avaliada em vinte um cães, sem raça definida, de ambos os sexos e com peso variando de 11 a 14 quilos, aleatoriamente separados em três grupos (A, B e C). O esôfago cervical desses animais foi submetido à ressecçâo de um segmento retangular com as dimensões de l x 2cm, que foi substituído pela fixação de aloenxerto de cartilagem conchal preservada em glicerina 98%. O acompanhamento pós-operatório foi realizado através de avaliação clínica, análises laboratoriais e exames radiológicos. Os períodos de observação foram de 20 (grupo A), 45 (grupo B) e 60 dias (grupo C). Ao final desses períodos, os animais foram sacrificados e necropsiados. Foi removido um segmento esofágico, envolvendo a área enxertada, para avaliações macro e microscópica. Observou-se crescimento epitelial no local onde a cartilagem conchal foi colocada. Foi demonstrado que a utilização da cartilagem homóloga, preservada em glicerina 98%, mostrou-se eficiente para a reparação de defeitos produzidos na parede cervical esofágica em caninos.
Biblioteca responsável: BR68.1