Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Aplicações pré-colheita de cálcio na qualidade pós-colheita de maçãs 'Fuji'

Brackmann, Auri; Renan Weber Schorr, Márcio; Alfredo Vilela Pinto, Josuel; Liberalesso Venturini, Thiago.
Ci. Rural; 40(6)2010.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-706689

Resumo

This study aimed to evaluate the effect of different numbers of calcium chloride (CaCl2) application in the orchard during the fruit formation on the physico-chemical qualities of 'Fuji' apples after storage in controlled atmosphere (CA). The experiment was conducted in completely randomized design with five replications of 12 fruit. The evaluated treatments were: control, three, six and 9 applications of CaCl2 (0.6%). Fruits were stored in AC with 1.2kPa of O2 and 0.0kPa of CO2 during 9.5 months at -0.5°C. The production of ethylene and respiration were measured at the 6th day at 20°C and the other parameters after 7 days exposure at 20°C. The number of CaCl2 applications did not influence the acidity and fruit respiration. Nine applications provide greater flesh firmness and less decay incidence. The decay incidence showed inverse relationship with the flesh firmness. The increase in applications number of CaCl2 decreased the ethylene production and increase the total solids soluble (TSS) of 'Fuji' apples after 9,5 months in CA.
Este trabalho teve como objetivo avaliar o efeito de diferentes números de aplicações de cloreto de cálcio (CaCl2) no pomar, durante a formação do fruto, sobre as qualidades físico-químicas de maçãs 'Fuji', após o armazenamento em atmosfera controlada (AC). O experimento foi conduzido no delineamento inteiramente casualizado, com cinco repetições e 12 frutos por unidade experimental. Os tratamentos avaliados foram: controle, três, seis e nove aplicações de CaCl2 (0,6%). O armazenamento em AC se deu na condição de 1,2kPa de O2 e 0,0kPa de CO2 durante 9,5 meses, a -0,5°C. A produção de etileno e respiração foi avaliada aos seis dias, a 20°C, e os outros parâmetros foram avaliados aos sete dias de exposição à temperatura de 20°C. O número de aplicações de CaCl2 não interfere na acidez titulável e respiração dos frutos. Nove aplicações proporcionam maior firmeza de polpa e menor incidência de podridões. A incidência de podridões apresentou relação inversa com a firmeza de polpa. O aumento no número de aplicações de CaCl2 diminui a produção de etileno e aumenta o teor sólidos solúveis totais (SST) de maçãs 'Fuji' após 9,5 meses em AC.
Biblioteca responsável: BR68.1