Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Calcium and vitamin D levels in prelaying and laying diet on performance and eggshell quality of commercial laying hens - DOI: 10.4025/actascianimsci.v27i1.1242 / Níveis de cálcio e vitamina D nas rações de pré-postura sobre o desempenho e qualidade da casca do ovo de poedeiras comerciais - DOI: 10.4025/actascianimsci.v27i1.1242

Aparecida Rodrigues, Eliana; Mack Junqueira, Otto; de Oliveira Andreotti, Marcelo; Cardoso Cancherini, Luciana; Carlos de Laurentiz, Antonio; Maria Cesatelli, Elenice; da Silva Filardi, Rosemeire.
Acta Sci. Anim. Sci.; 27(1): 61-66, 2005.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-724512

Resumo

An experiment was carried out to evaluate the effects of calcium and vitamin D levels on performance and egg shell quality of commercial laying hens. Two hundred-forty pullets at 16 weeks of age were allotted in completely randomized experimental design, 3 x 2 factorial arrangement (3 calcium levels 1.3; 1.8 and 2.3% and 2 vitamin D levels 1,200 and 2,400 IU/kg of diet), with five replications of eight birds each. The performance of the parameters was not influenced by dietary treatments. Egg specific gravity was improved by the increased level of vitamin D in the diet. Result shows that 1.3% calcium and 1,200 IU/kg of vitamin D are enough to achieve the best performance of the Hisex Brown laying hens
Foi conduzido um experimento para avaliar o efeito de níveis de cálcio e vitamina D na ração de pré-postura sobre o desempenho e a qualidade da casca dos ovos de poedeiras comerciais. Foram utilizadas 240 frangas com 16 semanas de idade, distribuídas em um delineamento experimental inteiramente casualizado em arranjo fatorial 3 x 2 (três níveis de cálcio - 1,3%; 1,8% e 2,3% - e dois níveis de vitamina D - 1.200Ul/kg e 2.400 UI/kg de ração) totalizando seis, tratamentos com cinco repetições de oito aves cada. Os tratamentos não influenciaram os parâmetros de desempenho. A gravidade específica foi influenciada pelos níveis de vitamina D, sendo uma maior gravidade específica para o nível mais elevado de vitamina D na ração. Concluiu-se que 1,3% de cálcio e 1.200 UI/kg de vitamina D são suficientes para as aves Hisex Brown apresentarem bom desempenho e boa qualidade de casca
Biblioteca responsável: BR68.1