Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Effect of natural shade and shearing on the behavior of Texel and Hampshire Down sheep during the day period in the northwestern region of Paraná / Efeito da sombra natural e da tosquia no comportamento de ovelhas das raças Texel e Hampshire Down, ao longo do período diurno, no Noroeste do Estado do Paraná

Ortêncio Filho, Henrique; Rus Barbosa, Orlando; Shiguero Sakaguti, Eduardo; Mendonça Onorato, Walber; de Assis Fonseca de Macedo, Francisco.
Acta Sci. Anim. Sci.; 23: 981-993, 2001.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-724597

Resumo

The behavior of 16 sheep was reported during a twelve-month period, comprising hot and cold seasons, for three days each month, from 6 to18h. The eight Texel and eight Hampshire Down sheep, aged three and four years, were analyzed with regard to grazing, rumination, resting in the sun and in the shade, respectively, and watering. Four animals of each breed were sheared. Quantity of green leaves, crude protein and pasture FDA were analyzed. Climate data were reported hourly and rainfall monthly. Rise in shade seeking was recorded in proportion to increase in solar radiation. Silk oak grove was used for shade and leaf consumption. Only the shade of the pen in the eucalyptus grove was used. Grazing conditions and climatic variables may have changed sheeps behavior. Sheared animals were more tolerant to the sunrays. Although breeds have adapted themselves extremely well to the region, the importance of groves must be enhanced.
Durante 12 meses, divididos em estações quente e fria, durante três dias mensais, das 6 às 18 h, registraram-se os comportamentos ligados ao pastejo, ruminação e ócio ao sol e à sombra, respectivamente, e frequência ao bebedouro em 16 ovelhas, com idade entre três e quatro anos, sendo oito da raça Texel e oito Hampshire Down, tosquiando-se quatro animais por raça. Avaliou-se a quantidade de folhas verdes, proteína bruta e FDA da pastagem. Os dados climáticos foram registrados a cada hora e a precipitação, mensalmente. A busca de sombra elevou-se devido ao aumento da radiação solar. O bosque de grevíleas foi utilizado na busca de sombra, bem como no consumo da folhagem. No piquete, com bosque de eucalipto, apenas a sombra da instalação foi utilizada. As condições da pastagem e as variáveis climáticas podem ter alterado o comportamento. Os animais tosquiados foram mais tolerantes ao sol. As raças apresentaram-se adaptadas à região, destacando a importância de bosques.
Biblioteca responsável: BR68.1