Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Situational diagnosis of the popular use of medicinal plants in pediatrics

Freire, C. J.; Santos, R. G. A.; Costa, J. G.; Miranda, P. R. B.; Santos, A. F..
Artigo em Inglês | VETINDEX-Express | ID: vti-759728

Resumo

Abstract This study aimed to describe the use of medicinal plants for the relief and treatment of pediatrics pathologies performed by parents of children registered in a Basic Health Unit. This is a cross-sectional, observational and analytical study that occurred from March until May 2016, with the participation of 176 individuals, using a semi-structured questionnaire as a research instrument. Descriptive statistics were applied for data analysis, using frequency distribution and chi-square test. Among all 177 indications of medicinal use of plants in childhood, considering the plant part and administration method, 61.6% converged with scientific data, 21.5% differed and 16.9% were new indications without a similar record in the literature. These results support the popular use of medicinal plants and show to need for greater awareness about the rational use of phytotherapy and stimulate scientific research, as they bring new elements about the therapeutic potential of different species.
Resumo O objetivo deste estudo foi descrever o uso de plantas medicinais para alívio e tratamento de patologias em pediatria realizado por pais de crianças cadastradas em uma Unidade Básica de Saúde. Trata-se de um estudo transversal, observacional e analítico, que ocorreu nos meses de março a maio de 2016, com a participação de 176 indivíduos, utilizando como instrumento de investigação um questionário semiestruturado. Para análise dos dados aplicou-se a estatística descritiva, com uso da distribuição de frequências e o teste do qui-quadrado. Das 177 indicações de uso medicinal de plantas na infância, considerando a parte da planta utilizada e sua forma de uso, 61,6% convergiram com os dados científicos, 21,5% divergiram e 16,9% foram novas indicações, sem registro semelhante na literatura. Esses resultados, ao mesmo tempo em que respaldam o uso popular de plantas medicinais, apontam a necessidade de maior conscientização sobre o uso racional da fitoterapia e estimulam a investigação científica, pois trazem novos elementos sobre o potencial terapêutico de diferentes espécies.
Biblioteca responsável: BR68.1