Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

SELETIVIDADE FISIOLÓGICA DE INSETICIDAS UTILIZADOS EM CULTURA CAFEEIRA SOBRE OVOS E ADULTOS DE CRYPTOLAEMUS MONTROUZIERI MULSANT

Rocha, L.C.D.; Carvalho, G.A.; Moura, A.P.; Moscardini, V.F.; Rezende, D.T.; Santos, O.M..
Arq. Inst. Biol.; 77(1)2010.
Artigo em Português | VETINDEX-Express | ID: vti-759775

Resumo

ABSTRACT On coffee plantations, the association between selective compounds and natural enemies composes an important tool for the pest management. The objective of this study was to evaluate some pesticides used on coffee plantations in regard to their lethal and sublethal effects on eggs and adults of Cryptolaemus montrouzieri Mulsant under laboratory conditions. The bioassays were carried out in the Laboratory of Selectivity Studies, Department of Entomology of the Universidade Federal de Lavras UFLA, Brazil, under controlled conditions (climatic chamber) at 25 ± 2º C, RH of 70 ± 10% with a 12 h photophase. The pesticides and doses in g or mL of i.a. L-1 were: thiamethoxam (0.5), imidacloprid (0.7), mineral oil (13.3), endosulfan (2.63) and dimethoate (0.48). Distilled water was used as a control. The sprayings of the pesticides were accomplished using a Potters tower. The parameters evaluated were: specimen survival after the application of the compounds, oviposition and eggs viability. Thiamethoxam, imidacloprid and endosulfan were the most harmful to the treated individuals. When sprayed on eggs, thiamethoxam increased the embryonic period length (7.1 days). Mineral oil was the only compound that did not affect the reproduction of C. montrouzieri. In function of the selectivity presented by mineral oil, it can be recommended to be used in integrated pest management on coffee plantations in association with this predator.
RESUMO Em cafeeiros, a associação de inimigos naturais com produtos fitossanitários seletivos é uma importante estratégia no manejo de pragas. O objetivo do presente estudo foi avaliar os efeitos letais e subletais de produtos fitossanitários utilizados na cultura cafeeira sobre ovos e adultos de Cryptolaemus montrouzieriMulsant em laboratório. Os bioensaios foram realizados sob 25 ± 2º C, UR de 70 ± 10% e fotofase de 12h. Os inseticidas utilizados e suas respectivas dosagens de aplicação, em g ou mL de i.a. L-1 foram: tiametoxam (0,5), imidacloprido (0,7), óleo mineral (13,3), endossulfam (2,63) e dimetoato (0,48). A testemunha foi composta apenas por água destilada. A aplicação dos produtos foi realizada por meio de torre de Potter. Avaliaram-se a viabilidade de ovos, a sobrevivência dos espécimes e os efeitos dos compostos sobre os parâmetros reprodutivos do predador. Tiametoxam provocou prolongamento na duração do período embrionário (7,1 dias) em ovos tratados e junto com imidacloprido foram classificados como nocivos, seguidos do endossulfam e dimetoato que apresentaram toxicidade intermediária e do óleo mineral que foi seletivo. Em função da seletividade do óleo mineral, pode-se recomendá-lo visando à compatibilização com o predador C. montrouzieri em programas de manejo integrado de pragas na cultura cafeeira.
Biblioteca responsável: BR68.1