Your browser doesn't support javascript.
loading
Show: 20 | 50 | 100
Results 1 - 20 de 14.592
Filter
1.
J. Health Biol. Sci. (Online) ; 10(1): 1-6, 01/jan./2022.
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1364019

ABSTRACT

Objetivos: conhecer a atuação do enfermeiro e os cuidados desempenhados em saúde mental na Estratégia de Saúde da Família. Método: estudo descritivo e qualitativo, tendo como cenário um polo de matriciamento em saúde mental. A coleta de dados foi realizada por meio de entrevista individual, com questionário semiestruturado. Resultados: os resultados obtidos foram agrupados e discutidos por meio das seguintes categorias: ações de enfermagem no campo da saúde mental desenvolvidas na Estratégia de Saúde da Família e apoio matricial em Saúde Mental como elemento facilitador da prática de enfermagem. Conclusão: os enfermeiros têm desenvolvido ações de enfermagem no campo da saúde mental na Estratégia de Saúde da Família, e o apoio matricial atua como principal elemento facilitador da prática de enfermagem, reafirmando a Reforma Psiquiátrica Brasileira. Em contrapartida, a sobrecarga de ações e a restrita formação em saúde mental são elementos que dificultam o trabalho desse profissional.


Objectives: to know the role of nurses and the care performed in mental health in the Family Health Strategy. Method: a descriptive, exploratory, and qualitative study, with a scenario of matrix support in mental health. Data collection was carried out through individual interviews and with a semi-structured questionnaire. Results: the results obtained were grouped and discussed through the following categories: Nursing actions mental health field developed in the Family Health Strategy, and Matrix Support in Mental Health as a facilitating element of nursing practice. Conclusion: nurses have developed nursing actions mental health field in the Family Health Strategy and matrix support acts as the main facilitator of nursing practice, reaffirming the Brazilian Psychiatric Reform. On the other hand, the overload of actions and the limited training in mental health are elements that hinder the work of these professionals.


Subject(s)
Mental Health , National Health Strategies , Nurses , Primary Health Care , Mental Disorders , Nurses, Male , Nursing Care
2.
Rev. baiana saúde pública ; 46(1): 294-303, 20220707.
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1379959

ABSTRACT

A pandemia pelo Covid-19¹ levou o Brasil ao maior colapso sanitário-hospitalar de sua história. O Programa Mais Médicos (PMM) prevê a qualificação profissional dos médicos, além de contar com as instituições públicas de educação superior por meio da supervisão acadêmica2. Contudo, a situação pandêmica restringiu as visitas de supervisão, as quais passaram a ser realizadas virtualmente. Com isto, este artigo busca conhecer o olhar dos supervisores acadêmicos na atuação dentro do PMMB, no contexto da pandemia do Covid-19, a luz das fragilidades e potencialidades no que tange à atuação na atenção básica. Trata-se de um relato de experiência realizado com base nos relatórios de acompanhamento do processo de supervisão acadêmica. Foram realizados nos momentos de avaliação das supervisões, elaborado pela tutoria, com os 16 supervisores, entre 2020 e 2021. Como resultado, notamos a indisponibilidade de internet estável nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), perda da vinculação, devido a distância física não propiciar o fortalecimento do vínculo com os gestores das secretarias de saúde, dificuldades no manejo clínico das infecções respiratórias, a realização de diagnósticos diferenciais, a gestão da demanda reprimida e prejuízos frente à saúde mental dos profissionais. Portanto, o uso de ferramentas virtuais para manter o vínculo com seus supervisionados foi a estratégia mais efetiva nesse período de distanciamento social. A pandemia pelo Covid-19 trouxe desafios para os profissionais médicos, porém mesmo diante das fragilidades apontadas, à presença do supervisor acadêmico, se possibilitou a educação permanente, diante de uma doença nova e com atualizações de propedêutica recorrentes, bem como o apoio organizacional e ético.


The Covid-19 pandemic resulted in the biggest health system collapse in Brazil's history. Within the Mais Médicos Program (PMM), professional qualification by academic supervision relied on public higher education institutions, activity that became restricted to virtual meetings due to the pandemic situation. Given this context, this experience report investigates how academic supervisors evaluate their performance within the PMM during the Covid-19 pandemic, focusing on the weaknesses and potentialities in primary health care. Data were collected from the academic supervision monitoring reports on tutoring evaluation carried out by 16 supervisors, between 2020 and 2021. Poor internet connection (instability, loss of connection) in the UBS hinders strengthening the bond between physicians and health management. Results point to difficulties in the clinical management of respiratory infections, in performing differential diagnoses, in managing pent-up demand and mental health issues. During social distancing, the use of virtual tools was the most effective strategy to maintain the academic bonds. Notwithstanding the challenges brought and weaknesses revealed by the pandemic, the academic supervision enabled permanent education in the face of a new disease and recurrent propaedeutic updates, as well as organizational and ethical support.


La pandemia del COVID-19¹ llevó a Brasil al mayor colapso sanitario hospitalario de su historia. El Programa Más Médicos (PMM) prevé la calificación profesional de los médicos y de las instituciones  de educación superior públicas, a través de la supervisión académica. Sin embargo, la situación pandémica ha restringido las visitas de supervisión, que ahora se han realizado de manera virtual. Ante lo anterior, este artículo tiene como objetivo conocer la perspectiva de los supervisores académicos en el desempeño del PMM en el contexto de la pandemia del COVID-19, a la luz de las debilidades  y potencialidades en cuanto al desempeño en la atención primaria. Este es un informe de experiencia basado en los informes de seguimiento del proceso de supervisión académica, realizado por la tutoría en los momentos de evaluación de las supervisiones, en la que participaron 16 supervisores en el período entre 2020 y 2021. La indisponibilidad de internet estable en la Unidad Básica de Salud (UBS) y la pérdida de conexión por distanciamiento físico no brindan el fortalecimiento del vínculo con los directivos de los departamentos de salud. Se observaron dificultades en el manejo clínico de las infecciones respiratorias, realización de diagnósticos diferenciales, manejo de la demanda acumulada y problemas de salud mental entre los profesionales. Se concluye que el uso de herramientas virtuales para mantener el vínculo con sus supervisados fue la estrategia más efectiva en este período de distanciamiento social. La pandemia del COVID-19 ha generado desafíos para los profesionales médicos. Sin embargo, en estas debilidades, la presencia del supervisor académico posibilitó  la educación permanente frente a una nueva enfermedad y con actualizaciones propedéuticas recurrentes, además de apoyo organizacional y ético.


Subject(s)
Primary Health Care , Environmental Monitoring , Education, Medical, Continuing , Health Consortia , Pandemics , COVID-19
3.
Rev. méd. Paraná ; 80(1): 1-5, jan. 2022.
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1380881

ABSTRACT

O diabete melito está entre as principais causas de mortalidade no mundo e pode ser agravada pela inatividade física. O objetivo deste estudo descritivo transversal foi identificar as barreiras percebidas para a prática de atividade física sob a perspectiva dae pacientes diabéticos tipo 2. Participaram 220 pacientes (111 mulheres e 109 homens), com média de idade de 62,9 anos. Foram coletados índice de massa corporal, dados sociodemográficos e informações relacionadas ao histórico de doenças preexistentes. Para a análise das barreiras percebidas para a prática de atividades físicas, utilizou-se um questionário estruturado e validado para a população adulta brasileira proposto por Martins&Petroski. As barreiras foram analisadas individualmente e agrupadas em domínios ambiental, comportamental, físico e social. Em conclusão, as barreiras percebidas foram a falta de interesse (38,6%), cansaço físico (32,3%) e jornada de trabalho extensa (26,3%) e, assim, medidas devem ser adotadas visando minimizar os efeitos dessas barreiras e promover a atenção primária à saúde à essa população


Diabetes is among the leading causes of mortality in the world and can be aggravated by physical inactivity. This descriptive cross-sectional study aimed to identify the perceived barriers to the practice of physical activity from the perspective of type 2 diabetic patients. 220 diabetic patients participated in the research (111 women and 109 men), with a mean age of 62.9 years. Body mass index, sociodemographic data and information related to the history of preexisting diseases were collected. For the analysis of perceived barriers to the practice of physical activities, a structured and validated questionnaire for the Brazilian adult population proposed by Martins&Petroski was used. Barriers were analyzed individually and grouped into environmental, behavioral, physical and social domains. In conclusion, the main barriers perceived were lack of interest (38.6%), physical fatigue (32.3%) and long working hours (26.3%) and, them, measures should be taken to minimize the effects of these barriers, in order to promote primary health care in this population


Subject(s)
Humans , Male , Female , Middle Aged , Primary Health Care , Exercise , Body Mass Index , Cross-Sectional Studies , Diabetes Mellitus , Sedentary Behavior
4.
Porto Alegre; Editora Rede Unida; 20220706. 256 p.
Monography in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1378837

ABSTRACT

As abordagens interdisciplinares e perspectivas intersetoriais são uma grande contribuição para o enfrentamento político e sociopedagógico da presença cada vez maior da população em situação de rua. As respostas do chamado "poder público", além de insuficientes e inadequadas, são sempre de tutela e não facilitadoras e vivenciais da construção da autonomia. As chamadas "políticas públicas" são mantedoras da miséria, das desigualdades sociais. A população em situação de rua é condenada a viver os efeitos da política capitalista neoliberal, do descarte. A população em situação de rua é indesejável e sofre todas as consequências de ações violentas e higienistas travestidas de discursos pseudo-humanistas e com lógica do desprezo, preconceito e racismo estrutural. Que o presente, complexo e profundo trabalho ajude a aguçar um olhar crítico, histórico e de compromisso. Uma luta desigual, da qual, muitas vezes, sairemos derrotados. As derrotas e conflitos alimentaram nossa perseverança na luta contínua e permanente contra toda forma de opressão. Coniventes com a perversidade não seja nunca a nossa opção ou posição. Na academia, na convivência nas ruas, praças, vielas, quilombos e comunidades, unidos na uta pela liberdade a partir dos esquecidos e abandonados.


Subject(s)
Humans , Male , Female , Infant , Child, Preschool , Child , Adolescent , Adult , Middle Aged , Aged , Aged, 80 and over , Young Adult , Primary Health Care , Homeless Persons , Basic Health Services , Delivery of Health Care , Public Policy , Socioeconomic Factors , Adaptation, Psychological , Public Power
5.
Porto Alegre; Editora Rede Unida; 20220704. 277 p.
Monography in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1378838

ABSTRACT

A Atenção Primária é sabidamente o pilar de todo sistema de atenção à saúde que aspira à eficiência e à cobertura universal. No Brasil, o Sistema Único de Saúde (SUS), embora operando com um padrão de financiamento ainda restritivo, garante esse horizonte de trabalho com uma capilaridade, cobertura multidisciplinar e resultados que o tornam referência para muitas outras nações. Seu desenvolvimento depende, dentre tantos fatores, de um trabalho contínuo de diagnóstico da realidade do país, ou mais precisamente das realidades diversas do país, e da avaliação da execução de seus programas e ações. Neste ponto, entre outros, o SUS e as Universidades atuam de modo convergente e integrado. A experiência acumulada do trabalho executado no sistema público de saúde gera uma agenda de investigações para pesquisadores e a pesquisa científica realizada no âmbito das instituições acadêmicas torna-se insumo para o aperfeiçoamento das políticas públicas em diferentes contextos. Este livro consolida contribuições de estudos da Atenção Básica à Saúde no estado do Pará, conduzidos no contexto do Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAQ-AB) por docentes, discentes e técnicos (as) da Universidade Federal do Pará (UFPA), participantes do Grupo de Estudo e Pesquisa em Saúde Coletiva na Amazônia (GEPESCA/UFPA). A realidade investigada é complexa e diversa, como o território e o perfil populacional amazônicos e suas correspondentes demandas por serviços de saúde. O retrato produzido informa sobre as exigências peculiares a que estão expostos os profissionais da saúde, assim como alguns dos obstáculos frequentes ao atendimento de qualidade na região. Nestes tempos de crise sanitária, humanitária, econômica, social sem precedentes, com mais de 620 mil mortes por Covid-19 no Brasil, em grande parte decorrentes da ação de um governo negacionista e neoliberal que promoveu a disseminação do vírus e da discórdia, debruçar-se sobre estes resultados de um trabalho dedicado ao fortalecimento do SUS é um alento.


Subject(s)
Primary Health Care , Basic Health Services , Health Policy , Public Policy , Unified Health System , Delivery of Health Care , Growth and Development , Health Services
6.
Lima; Perú. Ministerio de Salud. Dirección General de Intervenciones Estratégicas en Salud Pública. Dirección de Salud Mental; 2 ed; Jul. 2022. 56 p. ilus.
Monography in Spanish | LILACS, LIPECS, MINSAPERU | ID: biblio-1380416

ABSTRACT

En el presente documento se enmarca dentro del tercer lineamiento de la política sectorial en salud mental que determina las acciones para el cuidado integral de la salud mental de la población, con énfasis en grupos en condiciones de mayor vulnerabilidad. Asimismo, surge como complemento a las orientaciones para el cuidado integral de la salud mental de las personas con Trastorno del Espectro Autista (TEA), el cual enfatiza la necesidad de realizar una detección e intervención temprana en niñas y niños con riesgo de TEA para favorecer su desarrollo. Además, responde a la necesidad de fortalecer las competencias de los profesionales del primer nivel de atención, en la detección temprana del TEA, y contar con una herramienta de uso práctico que pueda orientar en la toma de decisiones y desarrollar habilidades para la detección y abordaje inicial de esta condición. Los objetivos del presente documento son facilitar la detección temprana del TEA en los profesionales del primer nivel de atención y proveer las pautas para la intervención inicial con las familias


Subject(s)
Primary Health Care , Autistic Disorder , Risk Groups , Mental Health , Comprehensive Health Care , Autism Spectrum Disorder
7.
Nursing (Säo Paulo) ; 25(290): 8079-8090, julho.2022.
Article in English, Portuguese | LILACS, BDENF | ID: biblio-1379861

ABSTRACT

Objetivo: Descrever a respeito das orientações dadas pelo enfermeiro na Atenção Primária à Saúde sobre o Aleitamento Materno Exclusivo, frente aos obstáculos apresentados por mães primíparas. Método: Trata-se de uma revisão integrativa da literatura realizada nas bases de dados, SCIELO, LILACS, BDENF, MEDLINE E CAPES sendo selecionados 10 artigos. Para a pergunta norteadora, utilizou-se a estratégia PICO e, para análise dos resultados, foi utilizado o fluxograma PRISMA. As buscas abrangeram o período de 2017 a 2022. Resultados: Com base na análise descritiva, evidenciou-se que os artigos que propuseram essa revisão apresentam considerações acerca das dificuldades apresentadas por primíparas e orientações dadas pelo enfermeiro sobre Aleitamento Materno Exclusivo. Conclusão: Os principais obstáculos encontrados por primíparas são referentes a orientações sobre o ato de amamentar, aspectos relacionados à mama, fatores sociodemográficos, culturais, familiares, processos emocionais e fisiológicos da mulher.(AU)


Objetivo: Descrever a respeito das orientações dadas pelo enfermeiro na Atenção Primária à Saúde sobre o Aleitamento Materno Exclusivo, frente aos obstáculos apresentados por mães primíparas. Método: Trata-se de uma revisão integrativa da literatura realizada nas bases de dados, SCIELO, LILACS, BDENF, MEDLINE E CAPES sendo selecionados 10 artigos. Para a pergunta norteadora, utilizou-se a estratégia PICO e, para análise dos resultados, foi utilizado o fluxograma PRISMA. As buscas abrangeram o período de 2017 a 2022. Resultados: Com base na análise descritiva, evidenciou-se que os artigos que propuseram essa revisão apresentam considerações acerca das dificuldades apresentadas por primíparas e orientações dadas pelo enfermeiro sobre Aleitamento Materno Exclusivo. Conclusão: Os principais obstáculos encontrados por primíparas são referentes a orientações sobre o ato de amamentar, aspectos relacionados à mama, fatores sociodemográficos, culturais, familiares, processos emocionais e fisiológicos da mulher.(AU)


Objetivo: Describir acerca de las orientaciones dadas por enfermeras en la Atención Primaria de Salud sobre Lactancia Materna Exclusiva, frente a los obstáculos presentados por las madres primíparas. Método: Se trata de una revisión integrativa de la literatura realizada en las bases de datos SCIELO, LILACS, BDENF, MEDLINE Y CAPES, con 10 artículos seleccionados. Para la pregunta orientadora se utilizó la estrategia PICO y para el análisis de los resultados se utilizó el diagrama de flujo PRISMA. Las búsquedas abarcaron el período de 2017 a 2022. Resultados: Con base en el análisis descriptivo, se evidenció que los artículos que propusieron esta revisión presentan consideraciones sobre las dificultades que presentan las primíparas y orientaciones dadas por el enfermero sobre Lactancia Materna Exclusiva. Conclusión: Los principales obstáculos encontrados por las primíparas se refieren a orientaciones sobre el acto de amamantar, aspectos relacionados con la mama, factores sociodemográficos, culturales, familiares, procesos emocionales y fisiológicos de la mujer.(AU)


Subject(s)
Primary Health Care , Breast Feeding , Child Health
8.
Nursing (Säo Paulo) ; 25(290): 8103-8112, julho.2022.
Article in English, Portuguese | LILACS, BDENF | ID: biblio-1379888

ABSTRACT

Objetivo: descrever a elaboração de um instrumento de notificação de evento adverso/incidente na atenção primária à saúde. Método: pesquisa descritiva, exploratória, de abordagem qualitativa, realizada em um município da região metropolitana de Curitiba-PR, em julho de 2017 a setembro de 2018, com 23 enfermeiros da estratégia de saúde da família. Resultados: a ação estratégica apontada pelos enfermeiros no grupo focal para segurança do paciente na atenção primária a saúde foi a elaboração da ficha de notificação como forma de conhecer e monitorar os eventos. Conclusão: a ficha de notificação foi elaborada como uma ferramenta que promoverá o levantamento dos danos/incidentes decorrentes da assistência para gerar informação que subsidie ações de prevenção.(AU)


Objective: to describe the development of an adverse event/incident notification instrument in primary health care.Method: descriptive, exploratory research, with a qualitative approach, carried out in a city in the metropolitan region of Curitiba-PR from July 2017 to September 2018, with 23 nurses from the family health strategy. Results: the strategic action pointed out by the nurses in the focus group for patient safety in primary health care was the elaboration of the notification form as a way of knowing and monitoring the events. Conclusion: the notification form was developed as a tool that will promote the survey of damages/incidents resulting from the assistance to generate information that subsidizes prevention actions.(AU)


Objetivo: describir el desarrollo de un instrumento de notificación de eventos adversos/incidentes en la atención primaria de salud. Método: investigación descriptiva, exploratoria, con enfoque cualitativo, realizada en una ciudad de la región metropolitana de Curitiba-PR, de julio de 2017 a septiembre de 2018, con 23 enfermeros de la estrategia de salud de la familia. Resultados: la acción estratégica señalada por los enfermeros del grupo focal de seguridad del paciente en la atención primaria de salud fue la elaboración del formulario de notificación como forma de conocimiento y acompañamiento de los eventos. Conclusión: el formulario de notificación fue desarrollado como una herramienta que promoverá el levantamiento de daños/ incidentes resultantes de la asistencia para generar información que subsidie las acciones de prevención.(AU)


Subject(s)
Primary Health Care , Notification , Patient Safety
9.
Nursing (Säo Paulo) ; 25(290): 8173-8182, julho.2022.
Article in English, Portuguese | LILACS, BDENF | ID: biblio-1379911

ABSTRACT

Objetivo: descrever, com base na literatura, quais as estratégias utilizadas na transição do cuidado de usuários do hospital para a atenção primária. Método: trata-se de revisão integrativa realizada a partir de coleta de artigos publicados entre 2016 e 2020 nas bases de dados LILACS, MEDLINE, por meio da PubMed, e Sci-Verse Scopus. Foram selecionados 13 artigos que atendiam aos critérios de inclusão. Resultados: estratégias descritas na literatura, envolvem a ação multidisciplinar, com destaque para a atuação do enfermeiro. Compreendem ações de transição do cuidado, planejamento de visitas e consultas. Conclusão: são estratégias apontadas na literatura para a transição do cuidado: clínica de transição com equipe de atenção primária; cronograma estruturado para visitas domiciliares; avaliação clínica e social; clínicas de cuidado transitório; programa de coordenação do cuidado.(AU)


Objective: to describe, based on the literature, which strategies are used in the transition of care for hospital users to primary care. Method: this is an integrative review based on the compilation of articles published between 2016-and 2020 in the LILACS, MEDLINE databases, through PubMed, and Sci-Verse Scopus. Thirteen articles that met the inclusion criteria were selected. Results: strategies describer in the literature include multidisciplinary actions with emphasis on the role of nurses. They comprise care transition actions, planning of visits and consultations. Conclusion: strategies identified in the literature for the transition of care are: transition clinic with a primary care team; structured schedule for home visits; clinical and social assessment; transitional care clinics; care coordination program.(AU)


Objetivo: describir, con base en la literatura, qué estrategias se utilizan en la transición de la atención de los usuarios del hospital para la atención primaria. Método: se trata de una revisión integradora basada en la recopilación de artículos publicados entre 2016 y 2020 en las bases de datos LILACS, MEDLINE, a través de PubMed y Sci-Verse Scopus. Se seleccionaron trece artículos que cumplieron con los criterios de inclusión. Resultados: las estrategias descritas en la literatura implican una acción multidisciplinar, con énfasis en el papel de los enfermeros. Comprenden acciones de transición asistencial, planificación de visitas y consultas. Conclusión: las estrategias identificadas en la literatura para la transición de la atención son: clínica de transición con equipo de atención primaria; horario estructurado para visitas domiciliarias; evaluación clínica y social; clínicas de atención transitoria; programa de coordinación de cuidados.(AU)


Subject(s)
Primary Health Care , Continuity of Patient Care , Transition to Adult Care
10.
São Paulo; s.n; 20220609. 100 p.
Thesis in Portuguese | LILACS, BBO | ID: biblio-1372957

ABSTRACT

Introdução: O Ministério da Saúde do governo Jair Bolsonaro instituiu por meio da Portaria nº. 2.979/2019 o programa "Previne Brasil, criando um novo modelo de financiamento de custeio para a Atenção Básica à Saúde (ABS) no Sistema Único de Saúde (SUS). Além de estimular a captação de pessoas que utilizam o serviço por meio de uma oferta focalizada e seletiva de procedimentos, o programa Previne Brasil encerra o repasse federal destinado à contratação de profissionais para compor as equipes multiprofissionais dos Núcleos Ampliados de Saúde da Familia e Atenção Básica, os Nasf-AB. Objetivo: neste cenário mais recente de desmonte da saúde pública, esta dissertação tem como principal objetivo discutir os efeitos do Previne Brasil nos processos de trabalho das equipes Multiprofissionais Nasf-AB que atuam no Brasil. Metodologia: para atingir os objetivos desta pesquisa, utilizou-se três momentos metodológicos distintos. Primeiro, realizou-se uma revisão de literatura sobre seletividade e neoseletividade no âmbito das políticas públicas de saúde. Em um segundo momento, foi realizada uma revisão sistemática do tipo metassíntese qualitativa sobre os processos de trabalho dos Núcleos Ampliados de Saúde da Família e Atenção Básica. Por último, elaboramos uma análise dos resultados da metassíntese à luz da neoseletividade das políticas públicas de saúde. Resultados: A partir da identificação dos artigos inseridos na metassíntese, foi possível organizar os resultados em 2 grandes grupos a saber: 1) considerações sobre os processos de trabalho; 2) potencialidades e desafios. Os grupos potencialidades e desafios foram subdivididos ainda em: a) acesso; b) organização dos processos de trabalho; c) qualidade do trabalho e d) saúde do trabalhador. 1) Considerações sobre os processos de trabalho: diferentes arranjos de apoio e organização dos processos de trabalho, assim como a coexistência de diferentes tipos de apoio dentro dos serviços; Perfil e identificação com o trabalho nas equipes Nasf-AB, predomínio de trabalhadoras mulheres e aumento dos encaminhamentos. 2) potencialidades e desafio: a) Acesso: melhora no acesso, porém, ainda insuficiente e restrito; b) Organização dos processos de trabalho: Arranjo matricial é visto como potente pelos trabalhadores. Estes não são formados para a atuação matricial e interdisciplinar. Reuniões, discussões de casos, articulações com a rede de saúde são potencialidades e servem como espaços de formação em serviço e educação permanente; c) Qualidade do trabalho: maior resolutividade da ABS com as atividades desenvolvidas pelas equipes Nasf-AB junto às equipes de saúde, maior articulação da ABS com a RAS, qualificação dos encaminhamentos, maior articulação intersetorial, maior planejamento e integralidade das ações, maior vínculo e responsabilização por usuários, famílias, comunidades e trabalhadores de saúde, além de melhoras estruturais. Apesar de todas as melhoras descritas acima, observase ainda limitações em todos os aspectos a cima citados. d) Saúde do Trabalhador: respeito, interação, valorização, tolerância, comprometimento, atitude de mudança, humildade, ética, liderança, empatia, disponibilidade, colaboração, autonomia, liberdade criativa, amadurecimento, formação profissional, adaptação e flexibilidade nas equipes NASF, boa compreensão, valorização e organização do apoio matricial, satisfação e prazer com as trocas profissionais, resiliência, aceitação e efetivação da proposta NASF, além do predomínio de vínculo estatutário e baixa rotatividade profissional são potencialidades identificadas. Contratações sem concurso e sem critérios, insegurança trabalhista e inexperiência profissional, vulnerabilidade e violência territorial, isolamento e sensação de não pertencimento, presença de muitos fatores disparadores de estresse, conflitos e sofrimento, além de falta de solidariedade e baixo reconhecimento profissional são desafios identificados.


Subject(s)
Patient Care Team , Primary Health Care , Unified Health System , Health Management
11.
Notas enferm. (Córdoba) ; 22(39): 54-63, junio 2022.
Article in Spanish | LILACS, BDENF, BINACIS, UNISALUD | ID: biblio-1380372

ABSTRACT

Describir e identificar las razones por las cuales los padres o tutores no completaron el calendario de vacunación infantil en un Centro de Atención Primaria de Salud de la Ciudad de Corrientes en el año 2021. Metodología: Estudio descriptivo, transversal. Población: padres o tutores de niños con esquemas incompletos. Recolección de datos mediante encuesta validada en prueba piloto. Los datos plasmados en una matriz fueron sometidos a análisis descriptivos. Se contó con aval del Comité de Ética. Resultados: La muestra se integró con 53 unidades de análisis. Edad media 28 años; 79% eran las madres; 62% ya tenían dos o más hijos; 74% eran soltero/as; 47% no había concluido el secundario o la primaria; la mayoría eran desempleados o percibían planes sociales. El 66% pensaba que las vacunas curaban enfermedades;89% que las prevenían y 89% pensaban que eran seguras. Fuentes de información: el equipo médico y enfermería, 17% de familiares o amigos, 30% en internet o medios de comunicación. En motivosde incumplimiento, lo más frecuente falta de vacunas (31%), horarios de trabajo de padres o tutor (15%), enfermedades del infante (10%). Conclusión: La información sobre vacunas era brindada por equipo de salud, familias y medios de comunicación. Aunque afirmaban que prevenían enfermedades y eran seguras muchos sostenían que curaban enfermedades. Se señalaron como motivos del incumplimiento falta de vacunas, horarios laborales de los entrevistados y enfermedades del menor, restricciones horariasdel vacunatorio y por la pandemia[AU]


Describe and identify the reasons why parents or guardians did not complete the childhood vaccination schedule in a Primary Health Care Center of the City of Corrientes in the year 2021. Methodology: Descriptive, cross-sectional study. Population: parents or guardians of children with incomplete schemes. Data collection through a survey validated in a pilot test. The data captured in a matrix were subjected to descriptive analysis. It was endorsed by the Ethics Committee. Results: The sample was integrated with 53 units of analysis. Mean age 28 years; 79% were mothers; 62% already had two or more children; 74% were single; 47% had not completed secondary or primary school; most were unemployed or received social plans. 66% thought that vaccines cured diseases; 89% prevented them and 89% thought they were safe. Sources of information: the medical and nursing team, 17% from family or friends, 30% on the internet or the media. In non-compliance reasons, the most frequent lack of vaccines (31%), parent or guardian work schedules (15%), infant diseases (10%). Conclusion: The information on vaccines was provided by the health team, families and the media. Although they claimed that they prevented diseases and were safe, many maintained that they cured diseases. Reasons for non-compliance were noted as lack of vaccines, work schedules of the interviewees and illnesses of the minor, time restrictions of the vaccination and those given by the pandemic[AU]


Descrever e identificar os motivos pelos quais os pais ou responsáveis não completaram o calendário de vacinação infantil em um Centro de Atenção Primária à Saúde da Cidade de Corrientes no ano de 2021. Metodologia: Estudo descritivo, transversal. População: pais ou responsáveis de crianças com esquemas incompletos. Coleta de dados por meio de questionário validado em teste piloto. Os dados capturados em uma matriz foram submetidos à análise descritiva. Foi aprovado pelo Comitê de Ética. Resultados: A amostra foi integrada com 53 unidades de análise. Idade média 28 anos; 79% eram mães; 62% já tinham dois ou mais filhos; 74% eram solteiros; 47% não concluíram o ensino médio ou fundamental; a maioria estava desempregada ou recebia planos sociais. 66% achavam que as vacinas curavam doenças; 89% os preveniram e 89% acharam que eram seguros. Fontes de informação: equipe médica e de enfermagem, 17% de familiares ou amigos, 30% na internet ou na mídia. Nos motivos de não conformidade, a falta de vacinas mais frequente (31%), horários de trabalho dos pais ou responsáveis (15%), doenças infantis (10%). Conclusão: As informações sobre vacinas foram fornecidas pela equipe de saúde, famílias e mídia. Embora afirmassem que preveniam doenças e eram seguros, muitos sustentavam que curavam doenças. Os motivos da não adesão foram apontados como falta de vacinas, horários de trabalho dos entrevistados e doenças do menor, restrições de horário da vacinação e as dadas pela pandemia[AU]


Subject(s)
Humans , Male , Female , Primary Health Care , Attitude to Health , Parenting , Immunization Programs , Treatment Adherence and Compliance , Cross-Sectional Studies
12.
Int. j. cardiovasc. sci. (Impr.) ; 35(3): 318-326, May-June 2022. tab, graf
Article in English | LILACS | ID: biblio-1375642

ABSTRACT

Abstract Background: Uncontrolled blood pressure has been associated with poor adherence to drug treatment. Objectives: To assess blood pressure control in hypertensive patients attending primary health centers after implementation of a pharmaceutical follow-up program in a city of the north of Brazil. Methods: Observational, cross sectional, descriptive study with 163 hypertensive patients attending public primary health care centers - one located on the riverside and one in the urban area of the city of Santarem, western Pará, Brazil. Adherence to the anti-hypertensive treatment was assessed using the eight-item Morisky test. Pharmacotherapy follow-up (Dader method) of patients with uncontrolled hypertension and non-adherent to anti-hypertensive treatment was performed. Results of the normality test showed that the data did not follow a normal distribution. Continuous variables were then compared using the Wilcoxon signed-rank test, and categorical variables by the likelihood ratio and the McNemar tests. Statistical significance was set at 5%. Results: Of the total sample, 94.5% were not adherent to anti-hypertensive drug therapy and 77.2% had uncontrolled hypertension. Adherence rate was higher in men than women (p=0.006). Pharmacotherapy follow-up improved blood pressure levels, particularly systolic blood pressure (p<0.001). Conclusion: An individualized pharmacotherapeutic follow-up, considering regional and cultural specificities, can contribute to the treatment of hypertensin in the primary care.


Subject(s)
Humans , Male , Female , Adolescent , Adult , Middle Aged , Aged , Aged, 80 and over , Young Adult , Pharmacists , Pharmaceutical Services , Primary Health Care/methods , Medication Adherence , Hypertension/drug therapy , Personal Health Services/methods , Brazil , Health Centers , Urban Health , Drug Therapy/methods , Hypertension/prevention & control
14.
Porto Alegre; Editora Rede Unida; 20220629. 763 p.
Monography in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1378840

ABSTRACT

Resumo: A população que (sobre)vive nas ruas se caracteriza, muitas vezes, pela ruptura dos vínculos sociais e pelo uso de drogas, necessitando de cuidados de saúde e de assistência social. Objetivo: Identificar e analisar as percepções dos profissionais terapeutas ocupacionais e dos usuários sobre a atuação e especificidade da terapia ocupacional junto às pessoas em situação de rua atendidas pelo Centro de Atenção Psicossocial álcool e drogas (CAPS-ad III) e pela Unidade de Acolhimento (UA). Método: Trata-se de um estudo exploratório de abordagem qualitativa realizada a partir de entrevistas semiestruturadas com 3 terapeutas ocupacionais e 5 usuários de um CAPS-ad III do Distrito Federal e da UA referenciada por este CAPS-ad III; os dados foram analisados a partir do método de Análise de Conteúdo de Bardin. Resultados: Os dados foram organizados em três categorias temáticas: (1) uso de drogas, a situação de morador de rua e o tratamento no CAPS-ad III; (2)o cotidiano de atuação da Terapia Ocupacional; e (3) Terapia Ocupacional e Reinserção Social. CONCLUSÃO: A Terapia Ocupacional atua com população em situação de rua com olhar para o cotidiano e desempenho de Atividades de Vida Diária (AVD), trabalhando na perspectiva da Redução de Danos como forma de buscar uma maior qualidade de vida dos usuários. Torna-se necessário levar espaços de saúde e de assistência social para o contexto do usuário, realizar ações extrapolando o espaço físico do CAPS-ad e colocando o usuário como participante ativo desse processo.


Subject(s)
Primary Health Care , Homeless Persons , Public Health , Quality of Life , Social Support , Sensitivity and Specificity , Occupational Therapy , Harm Reduction , Empathy , User Embracement , Psychiatric Rehabilitation
15.
Porto Alegre; Editora Rede Unida; 20220626. 222 p.
Monography in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1378841

ABSTRACT

Este livro pretende discutir a questão da clínica como parte do cuidado em saúde, tomando como foco e analisador o conceito de projeto terapêutico. Há uma relação direta entre clínica, cuidado e projeto terapêutico, e esta relação tem sua origem no conceito de corpo. Ou seja, para discutir estes temas, temos que pensar inicialmente: o que é um corpo?, ou, lidarmos com a pergunta ontológica de Spinoza (2011): o que pode um corpo? A premissa, ao fazer estas perguntas, é que a ideia que se faz de clínica, que conduz a certas práticas, tem por base o conceito de corpo. Ou seja, dependendo da resposta a "o que é um corpo", pensa-se uma prática de saúde, as ferramentas enquanto saberes para lidar com este corpo e os modos de cuidar. Foi tentando buscar a origem do conceito que encontramos em Foucault (1998), no seu consagrado livro "O Nascimento da Clínica", as primeiras pistas para pensar o tema. O autor estava buscando compreender como e de onde nasce a clínica atual, e vai pesquisar a prática médica do século XVII. Diz o autor que até este período o corpo era considerado sagrado, e havia proibição por parte da igreja, que na época exercia um grande poder ­ equivalente ao do estado - quanto a mexer neste corpo após a morte. O corpo intocado era uma barreira ao avanço da pesquisa, e por isto, médicos, principalmente patologistas e cirurgiões, começam clandestinamente a abrir o corpo para entendê-lo, e a compreender seu funcionamento. O avanço da ciência impõe a realidade de que os estudos da medicina deveriam prosseguir, com autorização para o manejo e a pesquisa, usando os cadáveres para isto. Assim foi possível avançar na compreensão da anatomia e fisiologia humanas.


Subject(s)
Primary Health Care , Education, Continuing , Evidence-Based Practice , Health Services Accessibility , Research , Anatomy
16.
Porto Alegre; Editora Rede Unida; 20220524. 282 p.
Monography in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1378998

ABSTRACT

Este livro compõe a Série Saúde & Amazônia e foi composto com capítulos produzidos por pesquisadores da rede científica que se ocupa da pesquisa "Prevenção e controle da COVID-19: a transformação das práticas sociais da população em territórios de abrangência da Atenção Básica em Saúde no Estado do Amazonas". São contribuições teóricas, metodológicas e empíricas que permitem uma aproximação analítica do contexto do sistema de saúde e das respostas locais à pandemia. Com os levantamentos iniciais, percebemos que o exercício de aproximação sucessiva com a realidade dos municípios estudados se beneficiava muito da pesquisa empírica em materiais provenientes da "literatura cinza", principalmente nesses tempos em que as redes sociais compartilham os mais diferentes discursos, tornando-os visíveis e facilmente acessáveis. O exercício epistêmico de identificar e analisar informações disponíveis em documentos e bases de informação de acesso público foi um enorme aprendizado da pesquisa. Tão habituados aos imaginários hierárquicos da investigação tradicional, aprendemos que as respostas às perguntas da pesquisa, muitas vezes, estão ao alcance do olhar que quebra o saber disciplinar e mergulha na aventura epistêmica de produzir conhecimentos oportunos em cenários de complexidade, desafio enorme à ciência nesse período de crises. Os capítulos que compõem o livro destacam a produção de dados em diferentes fontes documentais e secundárias como estratégia de pesquisa em saúde coletiva e, ao mesmo tempo, de um movimento ascendente na construção de modelos de análise, onde a escuta ao contexto local ajusta e torna mais precisa a abordagem transversal da pesquisa. Dessa forma, compartilhar esta etapa da produção também é validar um percurso que foi feito, em grande medida, ao caminhar pelas etapas iniciais da pesquisa.


Subject(s)
Primary Health Care , Health Consortia , Research Design , Social Behavior , Health Systems , Public Health , Education, Continuing , Humanization of Assistance , COVID-19
18.
São Paulo; s.n; 20220609. 84 p.
Thesis in Portuguese | LILACS, BBO | ID: biblio-1371692

ABSTRACT

O panorama atual da atenção às oclusopatias no Brasil se caracteriza por elevada incidência e insuficiente capacidade de cobertura. As oclusopatias ocupam ainda o terceiro lugar dentre os agravos bucais mais prevalentes no mundo em que mais da metade da população brasileira nas idades de 5 a 12 anos é acometida. A capacidade de cobertura da rede instalada mostra-se aquém das necessidades da população e a atenção prestada é ofertada principalmente pelo setor privado. Diante do exposto se faz necessário identificar as evidências disponíveis e experiências relevantes ao cuidado das oclusopatias, de modo a guiar a tomada de decisão em políticas públicas de saúde. O objetivo desta pesquisa é analisar e sintetizar as evidências voltadas às oclusopatias a fim de informar a tomada de decisão com consequente planejamento de uma proposta de intervenção na APS para o enfrentamento do problema e das grandes filas vivenciadas no serviço público de Suzano/SP. A metodologia é abordada neste trabalho, de forma segmentada, em três fases: 1 - EVIDÊNCIA PARA TOMADA DE DECISÃO, em que foi realizada uma revisão de escopo para a identificação das evidências disponíveis para uma possível solução ao problema; 2 - PROPOSTA DE INTERVENÇÃO NA APS, em que se estruturou um curso de capacitação via ambiente virtual de aprendizado Moodle para o enfrentamento das oclusopatias na APS e avaliação das percepções da ESB em relação às competências desenvolvidas no curso e contribuição para a prática no serviço; 3 MELHORAMENTO CONTÍNUO, em que se realizou um Diálogo Deliberativo como estratégia de identificar a perspectiva dos stakeholders e aprimoramento necessário para a sustentabilidade da intervenção proposta e implementação como política pública de saúde. De 1.393 artigos identificados na base de dados consideradas na revisão de escopo, foram incluídos no estudo apenas 6 artigos para sua análise e extração dos dados de caracterização, constatando-se que apesar de abrangente as evidências disponíveis na literatura referente às oclusopatias, estudos sobre o enfrentamento ao problema no âmbito do serviço público de saúde é escasso. Após a realização do curso de capacitação, a maioria dos profissionais se sentiu apto para atuação no cuidado às oclusopatias dentro da APS, somado a alta taxa de aceitação da intervenção (97%). O Diálogo Deliberativo identificou a proposta como uma política pública viável ao enfrentamento do problema, em que se evidenciou um grande avanço na atenção prestada às oclusopatias na APS, assim como redução do número de encaminhamentos desnecessários para o CEO. Conclui-se, portanto que se deve explorar ao máximo a potencialidade das RAS e posicionar a APS como o local em que a atenção às oclusopatias deve ser iniciada, de modo a viabilizar sua identificação precoce e cuidado, evitando tratamentos mais complexos e onerosos para o sistema público de saúde e contribuindo para a integralidade no cuidado. O curso de capacitação foi o produto educacional desenvolvido neste trabalho para atuação no cuidado às oclusopatias na Atenção Primária à Saúde.


Subject(s)
Orthodontics , Primary Health Care , Unified Health System , Oral Health , Health Policy
19.
Rev. Ciênc. Méd. Biol. (Impr.) ; 21(1): 79-84, maio 05,2022. tab
Article in Portuguese | LILACS | ID: biblio-1370714

ABSTRACT

Objetivo: analisar as mudanças no processo de trabalho do Agente Comunitário de Saúde, entre os anos de 2019 e 2020, em meio ao cenário da pandemia da COVID-19. Metodologia: caracteriza-se por um estudo documental, quantitativo, do tipo ecológico, de série temporal. Os dados foram coletados na base de dados do Sistema de Informação em Saúde para a Atenção Básica. As variáveis do estudo tratam-se de dados referentes às atividades do Agente Comunitário de Saúde quanto às atividades coletivas, visitas domiciliares e os indicadores de desempenho elencados pelo sistema. Os dados foram analisados no SPSS versão 24.0, por meio de um cálculo do percentual de variação (%V) entre os anos coletados. Logo após, foi realizado o Teste T de Student para verificar diferenças estatisticamente relevantes entre os anos avaliados (p<0,05). Resultados: quanto às atividades coletivas, houve redução significativa (p<0,001) de 51,1% entre os anos. As visitas domiciliares também apresentaram uma diminuição do percentual de variação (18,6%); já os indicadores de desempenho não demonstraram significativas mudanças. Conclusões: diante do estudado, as ações de prevenção e promoção da saúde foram as mais prejudicadas nesse cenário, sendo necessário um maior empenho do Poder Público para a melhoria desses indicadores.


Objective: to analyze the changes in the work process of the Community Health Agent, of the Family Health Strategy, between 2019 and 2020, amid the COVID-19 pandemic scenario. Methods: characterized by a documentary, quantitative, ecological study, with a time series. Data were collected from the database of the Health Information System for Primary Care. The study variables are data referring to the activities of the Community Health Agent regarding collective activities, home visits, and the performance indicators listed by the system. Data were analyzed using SPSS version 24.0, by calculating the percentage of variation (%V) between the years collected. Soon after, the Student's T-test was performed to verify statistically relevant differences between the evaluated years (p<0.05). Results: regarding collective activities, there was a significant reduction (p<0.001) of 51.1% between the years. Home visits also showed a decrease in the percentage of variation (18.6%); performance indicators did not show significant changes. Conclusions:given the study, prevention, and health promotion actions were the most affected in this scenario, requiring greater efforts by the Government to improve these indicators.


Subject(s)
Humans , Female , Pregnancy , Primary Health Care , Unified Health System , Community Health Workers , National Health Strategies , COVID-19 , Ecological Studies , Evaluation Studies as Topic
20.
Nursing (Säo Paulo) ; 25(288): 7814-7825, maio.2022.
Article in English, Portuguese | LILACS, BDENF | ID: biblio-1372437

ABSTRACT

Objetivo: compreender as barreiras no acesso aos serviços de saúde por residentes de comunidades rurais. Método: Trata-se de uma revisão integrativa da literatura, realizada no período de agosto a novembro de 2021, nas bases de dados Scientific Eletronic Library Online, Medical Literature Analysis and Retrieval System Online e ScienceDirect. Resultados: A busca nas bases de dados resultou em um total de 44 artigos selecionados. Aplicados os critérios de inclusão e exclusão, foi elencado para análise, o total de 21 artigos os quais foram lidos na íntegra. Destes, 3 foram excluídos, pois não contemplaram o objeto abordado e 18 artigos foram selecionados para integrar este estudo. Conclusão: Foi possível compreender a estrutura de acesso aos serviços de saúde primários pela população residente de comunidades rurais, identificando as barreiras e dificuldades enfrentadas, permite prover e pensar em estratégias que minimizem os impactos sobre a saúde desta população(AU)


Objective: to understand the barriers in accessing health services by residents of rural communities. Method: This is an integrative literature review, carried out from August to November 2021, in the Scientific Electronic Library Online, Medical Literature Analysis and Retrieval System Online and ScienceDirect databases. Results: The search in the databases resulted in a total of 44 selected articles. After applying the inclusion and exclusion criteria, a total of 21 articles were listed for analysis, which were read in full. Of these, 3 were excluded, as they did not contemplate the object addressed and 18 articles were selected to integrate this study. Conclusion: It was possible to understand the structure of access to primary health services by the population residing in rural communities, identifying the barriers and difficulties faced, allowing to provide and think of strategies that minimize the impacts on the health of this population(AU)


Objetivo: comprender las barreras en el acceso a los servicios de salud por parte de los habitantes de las comunidades rurales. Método: Se trata de una revisión integrativa de la literatura, realizada de agosto a noviembre de 2021, en las bases de datos Scientific Electronic Library Online, Medical Literature Analysis and Retrieval System Online y ScienceDirect. Resultados: La búsqueda en las bases de datos arrojó un total de 44 artículos seleccionados. Después de aplicar los criterios de inclusión y exclusión, se listaron para su análisis un total de 21 artículos, los cuales fueron leídos en su totalidad. De estos, 3 fueron excluidos, por no contemplar el objeto abordado y 18 artículos fueron seleccionados para integrar este estudio. Conclusión: Fue posible comprender la estructura de acceso a los servicios primarios de salud por parte de la población residente en las comunidades rurales, identificando las barreras y dificultades enfrentadas, permitiendo brindar y pensar estrategias que minimicen los impactos en la salud de esta población(AU)


Subject(s)
Primary Health Care , Rural Population , Rural Planning , Holistic Health
SELECTION OF CITATIONS
SEARCH DETAIL