Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 3 de 3
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
Rev. cuba. estomatol ; 57(1): e2139, ene.-mar. 2020. tab
Artigo em Português | LILACS, CUMED | ID: biblio-1126489

RESUMO

RESUMO Introdução: A saliva humana é constituída de um vasto arsenal de produtos secretórios com imenso potencial informativo e útil para detecção de determinadas patologias. A facilidade de obtenção e a especificidade dos biomarcadores, faz desta uma importante ferramenta clínica como método diagnóstico. Objetivo: Verificar, através de uma revisão de literatura, a utilização da saliva como método diagnóstico para doenças orais e sistêmicas. Métodos: Foram selecionados artigos publicados em inglês, no banco de dados online PubMed com descritores "saliva", "biomarkers" e "diagnosis", entre o período de 2013 a setembro 2018. Foram incluídos artigos no idioma inglês, dos últimos 5 anos. Foram obtidos 245 artigos. O estudo se conteve em 17 destes. Análise e integração da informação: Foi notória a aplicabilidade da saliva como método diagnóstico para uma variedade de doenças, entre as quais se podem citar: doenças bacterianas como a cárie dentária, pela detecção do Streptococcus mutans e Lactobacillus spp.; doenças autoimunes como a Síndrome de Sjögren, indicada não apenas pela redução do fluxo salivar, como também pelo aumento na concentração de sódio, cloro, Imunoglobulina A (IgA), Imunoglobulina G (IgG), e Prostaglandina E2 (PGE2); doenças virais como no diagnóstico auxiliar do HIV 1 e 2 pela expressão de IgG e também no diagnóstico precoce de enfermidades malignas como o carcinoma de células escamosas e o câncer de mama, pela detecção de anticorpos frente à proteína p53 e pela presença de marcadores tumorais como o c-erbB-2. Conclusão: O diagnóstico molecular na cavidade oral por meio da saliva mostra ser um método simples, não invasivo e muito promissor para o diagnóstico e monitoramento de inúmeras patologias(AU)


RESUMEN Introducción: La saliva humana está constituida de un considerable arsenal de productos secretorios con inmenso potencial informativo y útil para la detección de determinadas enfermedades. La facilidad de obtención y la especificidad de los biomarcadores, hace de esta una importante herramienta clínica como método diagnóstico. Objetivo: Verificar, por medio de una revisión bibliográfica, la utilización de la saliva como método diagnóstico para enfermedades bucales y sistémicas. Métodos: Se seleccionaron artículos publicados en inglés, en la base de datos online PubMed con descriptores "saliva", "biomarkers" y "diagnosis", entre el período de 2013 a septiembre de 2018. Se incluyeron artículos en idioma inglés, de los últimos 5 años. Se obtuvieron 245 artículos. El estudio se circunscribió a 17. Análisis e integración de la información: Se observó la aplicabilidad de la saliva como método diagnóstico para una variedad de enfermedades, entre las que cabe citar: enfermedades bacterianas como la caries, por la detección del Streptococcus mutans y Lactobacillus spp.; las enfermedades autoinmunes como el síndrome de Sjögren, indicado no solo por la reducción del flujo salivar, sino también por el aumento en la concentración de sodio, cloro, Inmunoglobulina A (IgA), Inmunoglobulina G (IgG), y Prostaglandina E2 (PGE2); las enfermedades virales como el diagnóstico auxiliar del VIH 1 y 2 por la expresión de IgG y también el diagnóstico precoz de enfermedades malignas como el carcinoma de células escamosas y el cáncer de mama, por la detección de anticuerpos contra la proteína p53 y por la presencia de marcadores tumorales como el c-erbB-2. Conclusiones: El diagnóstico molecular en la cavidad bucal por medio de la saliva muestra ser un método simple, no invasivo y muy prometedor para el diagnóstico y monitoreo de innumerables enfermedades(AU)


ABSTRACT Introduction: Human saliva consists of a vast arsenal of secretory products with huge information potential useful for the detection of certain diseases. The easy availability and the specificity of biomarkers make them an important clinical tool as a diagnostic method. Objective: By means of a bibliographic review, verify the use of saliva as a diagnostic method for oral and systemic diseases. Methods: A bibliographic search was conducted in the online database PubMed for papers published in English from 2013 to September 2018, using the search terms "saliva", "biomarkers" and "diagnosis". Papers written in English in the last five years were selected. Of the 245 papers obtained, the study considered 17. Data analysis and integration: It was found that saliva may be used as a diagnostic method for a variety of diseases. These include bacterial diseases such as dental caries, by detection of Streptococcus mutans and Lactobacillus spp.; autoimmune diseases such as Sjögren's syndrome, indicated not only by the decrease in salivary flow, but also by the increase in the concentration of sodium, chlorine, immunoglobulin A (IgA), immunoglobulin G (IgG), and prostaglandin E2 (PGE2); viral diseases as in the auxiliary diagnosis of HIV 1 and 2 by IgG expression and also in the early diagnosis of malignant diseases such as squamous cell carcinoma and breast cancer by detection of antibodies against p53 protein and the presence of tumor markers such as c-erbB-2. Conclusions: Molecular diagnostic examination of the oral cavity using saliva has shown to be a simple, non-invasive and very promising method for the diagnosis and monitoring of numberless diseases(AU)


Assuntos
Humanos , Saliva/microbiologia , Infecções Bacterianas/diagnóstico , Biomarcadores/análise , Doenças da Boca/diagnóstico , Doenças Autoimunes/epidemiologia , Literatura de Revisão como Assunto
2.
Rev. Salusvita (Online) ; 39(3): 797-809, 2020.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1378677

RESUMO

Introdução: A pigmentação dentária é causada por diversos fatores que acarretam prejuízos na estética e autoestima do paciente. A busca por um sorriso esteticamente perfeito acarretou maior demanda por procedimentos clareadores em que diferentes técnicas, tipos e concentrações de agentes clareadores podem ser utilizados na obtenção de um tratamento eficaz. Objetivo: Verificar, através de uma revisão da literatura, a eficácia, as limitações e os efeitos colaterais relacionados aos diferentes protocolos de clareamento dental caseiro. Metodologia: Foi realizada uma revisão da literatura por meio de buscas nas bases de dados PubMed/MEDLINE, LILACS, SciELO e Google Acadêmico, utilizando os seguintes descritores: "tooth bleaching" OR "supervised tooth bleaching" AND "clinical protocol". Apenas estudos experimentais, publicados nos últimos cinco anos, foram incluídos e não houve restrição quanto ao idioma. Resultados: O peróxido de hidrogênio (PH) e o peróxido de carbamida (PC) são eficazes quando administrados em concentrações de 4% a 16% com aplicações diárias que podem variar de 7 a 14 dias. O tempo de aplicação do PH é de 1 a 4 horas e do PC é de 4 a 8 horas. Géis com menores concentrações provocam menos sensibilidade dentária e irritação gengival, porém, o tempo de tratamento é geralmente prolongado. Conclusão: Para um tratamento eficaz, é indispensável um diagnóstico correto, já que o tipo de pigmento influencia sobremaneira no protocolo a ser empregado. Portanto, é fundamental conhecer a etiologia da mancha para assim estabelecer o tipo do gel, a sua concentração, o tempo e o modo de aplicação adequados.


Introduction: Dental pigmentation is caused by several factors that affect the patient's aesthetics and self-esteem. The search for an aesthetically perfect smile has led to a greater demand for bleaching procedures, in which different techniques, types, and concentrations of bleaching agents can be used to do an effective treatment. Objective: to verify, through a literature review, the application, permission, and effects related to different home tooth whitening protocols. Methodology: A literature review was carried out by searching the PubMed/MEDLINE, LILACS, SciELO, and Google Scholar databases, using the following descriptors: "tooth whitening" OR "supervised tooth whitening" AND "clinical protocol". Only experimental studies, which were published in the last five years, were included. There were no language restrictions. Results: Hydrogen peroxide (PH) and carbamide peroxide (PC) are efficient when administered in 4% to 16% with applications that can vary from 7 to 14 days. The PH application time is 1 to 4 hours and the PC is 4 to 8 hours. Gels with smaller concentrations cause less tooth sensitivity and gingival irritation; however, the treatment time is usually prolonged. Conclusion: A correct diagnosis is indispensable for an effective treatment since the type of pigment greatly affects the protocol to be used. Therefore, it is essential to know the etiology of the stain to define the type of gel, its concentration, time, and method of application.


Assuntos
Clareamento Dental/efeitos adversos , Peróxido de Carbamida , Peróxido de Hidrogênio/administração & dosagem
3.
Rev. Salusvita (Online) ; 38(3): 811-820, 2019.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1052126

RESUMO

Introdução: A doença periodontal (DP) é caracterizada por inflamação crônica em áreas subgengivais, onde uma vasta gama de metabólitos associados à inflamação é provavelmente produzida a partir de quebra do tecido, aumento da permeabilidade vascular e metabolismo microbiano. Apesar dos avanços feitos na patogênese da doença periodontal, a maioria dos diagnósticos ainda se baseia quase que inteiramente na clínica tradicional. Na saliva, a presença de componentes denominados biomarcadores pode estar intimamente relacionada com a condição de saúde e mudar muito quando as doenças afligem o corpo, o que viabiliza seu uso como indicadores de certas patologias, como a doença periodontal. Objetivo: Verificar, através de uma revisão sistemática, a utilização da saliva como método diagnóstico de doenças periodontais. Material e método: Foram selecionados artigos publicados em inglês, nos bancos de dados online Medline/Pubmed e Lilacs com descritores "salivary biomarkers", "periodontal disease", "periodontitis", "gengivitis" e "diagnosis", entre o período de 2014 a abril de 2019. Foram obtidos 753 artigos. O estudo se conteve em 3 destes. Resultados: Os níveis salivares de cálcio, fósforo, fosfatase alcalina, interleucina-1 beta (IL1- ß), metaloproteínases da matriz (MMP-8 y MMP-9) aumentam significativamente à medida que a doença progride, o que faz desses biomarcadores um grande potencial para a detecção e progressão da DP. Conclusão: O diagnóstico molecular na cavidade oral aparenta ser um método simples, não invasivo e muito promissor para o diagnóstico e monitoramento de patologias, como as doenças periodontais.


Introduction: Periodontal disease (PD) is characterized by chronic inflammation in subgingival areas, where a wide range of metabolites associated with inflammation is probably produced from tissue breakdown, increased vascular permeability, and microbial metabolism. Despite the advances made in the pathogenesis of periodontal disease, most diagnoses are still based almost entirely on the traditional clinic. In saliva, the presence of components called biomarkers can be closely related to the health condition and change a lot when diseases afflict the body, which makes it possible to use them as indicators of certain pathologies, such as periodontal disease. Objective: To verify, through a systematic review, the use of saliva as a diagnostic method for periodontal diseases. Material and method: Articles published in English were selected in the online databases Medline/Pubmed and Lilacs with descriptors "salivary biomarkers", "periodontal disease", "periodontitis", "gingivitis" and "diagnosis", between the period 2014 to April 2019. A total of 753 articles were obtained. The study was contained in 3 of these. Results: Salivary levels of calcium, phosphorus, alkaline phosphatase, interleukin-1 beta (IL-ß), matrix metalloproteinases (MMP-8 and MMP-9) increase significantly as the disease progresses, making these biomarkers a major potential for the detection and progression of PD. Conclusion: The molecular diagnosis in the oral cavity seems to be a simple, non-invasive and very promising method for the diagnosis and monitoring of pathologies, such as periodontal diseases.


Assuntos
Biomarcadores/análise , Doenças Periodontais
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...