Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 24.205
Filtrar
1.
Psicol. ciênc. prof ; 40: 1-12, jan.-maio 2020.
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: biblio-1100748

RESUMO

Constata-se, a partir da experiência dos autores enquanto psicólogos recém-graduados por diferentes universidades brasileiras, uma desproporção tanto nas oportunidades oferecidas aos graduandos para que se envolvam com pesquisas quanto no que diz respeito à comunicação daquilo que se produz na pós-graduação. Fazendo uso da metodologia de relato de experiência, objetiva-se refletir de que maneira a interlocução entre ensino e pesquisa contribui para a integração entre a graduação e a pós-graduação. Com isso, pretende-se discutir a inserção da psicanálise enquanto método de pesquisa e de produção de saber na universidade, problematizando a relação entre o campo científico e os psicanalistas que se dedicam à atividade de pesquisa. Uma vez que os programas de pós-graduação e os órgãos de fomento de pesquisa priorizam candidatos que tenham experiência em pesquisa científica fim de selecionar pesquisadores melhor preparados, é fundamental entender como se dá a transmissão da pesquisa em psicanálise para alunos da graduação. A aposta deste trabalho é que a transmissão da pesquisa acadêmica pode suscitar o interesse e a qualificação necessária nos graduandos para o ingresso na pós-graduação, bem como o desenvolvimento da psicanálise enquanto método de pesquisa acadêmica. ..(AU)


Based on the experience of the authors as psychologists recently graduated from different Brazilian universities, there is a disproportion in the opportunities offered to undergraduates to engage in research and in relation to the communication of what is produced in the graduate courses. Therefore, using the experience reporting methodology, the objective of this work was to think on how the interlocution between teaching and research contributes to the integration between undergraduate and graduate studies. With that, the purpose is to discuss the insertion of psychoanalysis as a method of research and production of knowledge in the university, problematizing the relationship between the scientific field and the psychoanalysts who are engaged in research activity. Since graduate programs and research funding agencies prioritize candidates who have experience in scientific research in order to select better-prepared researchers, it is critical to understand how the transmission of research in psychoanalysis to undergraduates occurs. This work defends that the transmission of academic research can raise the interest and qualification necessary for undergraduate students to join the graduate courses, as well as the development of psychoanalysis as a method of academic research...(AU)


Según la experiencia de los autores como psicólogos recién graduados de diferentes universidades brasileñas, existe una desproporción tanto en las oportunidades que se ofrecen a los estudiantes de pregrado para involucrarse en la investigación como en la comunicación de lo que se produce en la escuela de posgrado. Utilizando la metodología de informes de experiencia, el objetivo es reflexionar sobre cómo el diálogo entre la enseñanza y la investigación contribuye a la integración entre los cursos de pregrado y posgrado. Con esto, se pretende discutir la inserción del psicoanálisis como método de investigación y producción de conocimiento en la universidad, cuestionando la relación entre el campo científico y los psicoanalistas que se dedican a la actividad de investigación. Dado que los programas de posgrado y las agencias de promoción de la investigación priorizan a los candidatos que tienen experiencia en investigación científica para seleccionar investigadores mejor preparados, es esencial comprender cómo se transmite la investigación del psicoanálisis a los estudiantes universitarios. La apuesta de este trabajo es que la transmisión de la investigación académica puede aumentar el interés y la calificación necesaria en los estudiantes de pregrado para ingresar al postgrado, así como el desarrollo del psicoanálisis como método de investigación académica...(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Psicanálise , Psicologia , Pesquisa , Universidades , Pós , Pesquisadores , Instituições Acadêmicas , Conhecimento , Promoção da Pesquisa
2.
Psicol. ciênc. prof ; 40: 1-14, jan.-maio 2020.
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: biblio-1100383

RESUMO

O propósito deste trabalho é discutir os problemas da idealização da maternidade em teorias psicanalíticas. Adotamos o livro The Reproduction of Mothering como objeto para análise em função de sua repercussão histórica na psicanálise e no feminismo, bem como pela fundamentação teórica utilizada também em recentes estudos psicanalíticos sobre a maternidade. O estudo permitiu evidenciar que, mesmo partindo de uma perspectiva feminista, o livro analisado reproduz a idealização da maternidade, não considerando as ambivalências presentes no cuidado de crianças, nem a possibilidade de mulheres não terem desejo de maternar. A hipótese trabalhada é a de que a perspectiva psicanalítica que dá base para as formulações da autora facilita a prescrição sobre quem pode ou não exercer o cuidado e a reduzir a importância do universo social e desejante de quem cuida. A psicanálise de Jean Laplanche é apresentada como alternativa potencialmente mais aberta para a diversidade presente no cuidado de crianças. Pretendemos com este trabalho evidenciar a necessidade do contínuo debate entre psicanálise e perspectivas de crítica social, como o feminismo, bem como instigar a problematização dos pressupostos das teorias psicanalíticas que se propõe atualmente a discutir os temas da maternidade e do cuidado de crianças...(AU).


The aim of this paper is to discuss the problems of maternity idealization present in psychoanalytical theories. We adopt the book The Reproduction of Mothering as analysis' object because of its historical repercussion in psychoanalysis and feminism, as well as because of its theoretical reasoning also used in recent psychoanalytical studies about maternity. The paper allowed to show that, even starting from a feminist perspective, the analyzed book reproduces the idealization of maternity, not considering the ambivalences present in children care, not even the possibility of women not desiring to be mothers. The hypothesis worked through is that the psychoanalytical perspective that lays the foundation for the author's formulations facilitates the prescription about who can or cannot exercise the care and to reduce the importance of the social and desiring universe of the person who cares. Jean Laplanche's psychoanalysis is presented as a potentially more open alternative to diversity present in children care. We intend with this paper to show the necessity of continuous debate between psychoanalysis and social critic perspectives, as feminism, as well as to instigate the problematization of purposes of psychoanalytical theories that presently propose to discuss themes about maternity and children care...(AU).


El propósito de este trabajo es discutir los problemas de la idealización de la maternidad en teorías psicoanalíticas. Adoptamos el libro The Reproduction of Mothering como objeto para análisis en función de su repercusión histórica en el psicoanálisis y en el feminismo, así como por la fundamentación teórica utilizada también en recientes estudios psicoanalíticos sobre la maternidad. El estudio permitió evidenciar que, aunque partiendo de una perspectiva feminista, el libro analizado reproduce la idealización de la maternidad, no considerando las ambivalencias presentes en el cuidado infantil, ni la posibilidad de que mujeres no tengan deseo de maternizar. La hipótesis trabajada es la de que la perspectiva psicoanalítica que da base para las formulaciones de la autora facilita la prescripción sobre quien puede o no ejercer el cuidado y a reducir la importancia del universo social y deseante de quien cuida. El psicoanálisis de Jean Laplanche se presenta como alternativa potencialmente más abierta para la diversidad presente en el cuidado infantil. Pretendemos con este trabajo evidenciar la necesidad del continuo debate entre el psicoanálisis y las perspectivas de la crítica social, como el feminismo, así como instigar la problematización de los supuestos de las teorías psicoanalíticas que actualmente se proponen a discutir los temas de la maternidad y del cuidado infantil...(AU).


Assuntos
Humanos , Feminino , Adulto , Psicanálise , Poder Familiar , Feminismo , Empatia , Papel , Teoria Psicanalítica , Reprodução , Mulheres , Trabalho , Exercício Físico , Cuidado da Criança , Mães
3.
Psicol. ciênc. prof ; 40: 1-15, jan.-maio 2020. ilus
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: biblio-1100626

RESUMO

O artigo apresenta revisão bibliográfica sobre estratégias formativas em serviços-escola de Psicologia. Reúne artigos completos disponíveis na Biblioteca Virtual de Saúde em Psicologia (BVS-psi), publicados entre 2011 e 2015. A pesquisa a partir dos termos, em separado: formação de psicólogos; formação profissional e clínica-escola, identificou 13 artigos, que foram organizados em três blocos temáticos: ensino/transmissão da psicanálise; relatos de procedimentos pedagógicos; referências a supervisor e/ou supervisão. Ainda é expressiva, nas publicações, a presença da área da Psicologia Clínica, com destaque para a prática da psicoterapia. A psicanálise tem sido revisitada, em especial, quanto à possibilidade de sua transmissão na Universidade. Relatos de procedimentos pedagógicos e produções sobre a relação supervisão-estagiário/a têm a importante função de ampliar o debate sobre projeto político-pedagógico e sua execução na rotina das instituições de ensino e de serviços-escola. Entendemos que a psicanálise tem encontrado mediações para a questão que lhe é peculiar de questionar-se sobre a possibilidade de sua transmissão em instituição com regras próprias, como a Universidade. Os relatos de procedimentos explicitam estratégias micropolíticas na relação docente-estudante, supervisor/a-estagiário/a. As questões sobre supervisor/a e/ou supervisão indicam a complexidade de aspectos envolvidos na relação e as especificidades de vivência de cada um dos envolvidos. Consideramos que o tema em questão carece de estudos que explicitem estratégias macropolíticas de formação, bem como pesquisas que abordem o que se passa com o/a estagiário/a em seu processo formativo. Otimistas, acreditamos que a riqueza de experiências em torno das estratégias formativas, não necessariamente ganharam as páginas de periódicos...(AU)


The article presents a literature review on educational strategies in Psychology School-Services. It brings together complete articles available in the Virtual Library of Health in Psychology (BVS-psi), published between 2011 and 2015. The research of the terms, individually: training of psychologists; professional training and clinical-school, identified 13 articles, which were organized into three thematic blocks: teaching/transmission of psychoanalysis; reports of pedagogical procedures; references to supervisor and/or supervision. It is still expressive in the publications the presence of the area of Clinical Psychology, with emphasis on the practice of psychotherapy. Psychoanalysis has been revised, in particular, regarding the possibility of its transmission in the University. Reports of pedagogical procedures and productions on the supervisor-intern relationship have the important function of broadening the debate on Psychology's political-pedagogical project and its execution in the routine of educational institutions and School-Services. We understand that psychoanalysis has found mediations for its peculiar question of the possibility of its transmission in an institution with its own rules, such as the University. The reports of procedures explain micropolitical strategies in the teacher-student relationship, supervisor/intern. Supervisory and/or supervision issues indicate the complexity of aspects involved in the relationship and the specificities of the experience of each of those involved. We consider that the subject in question needs studies that explain macro-political educational strategies, as well as research that addresses what happens to the intern in his/her educational process. Optimists, we believe that the wealth of experiences around the educational strategies hasn't necessarily been brought to the pages of journals...(AU)


El artículo presenta una revisión bibliográfica sobre estrategias de capacitación en servicios escolares de psicología. Reúne artículos completos disponibles en la Biblioteca Virtual en Salud en Psicología (BVS-psi), publicados entre 2011 y 2015. La investigación basada en los términos, por separado: capacitación de psicólogos; la formación profesional y la clínica-escuela identificaron 13 artículos, que se organizaron en tres bloques temáticos: enseñanza/transmisión del psicoanálisis; informes de procedimientos pedagógicos; referencias al supervisor y/o supervisión. La presencia del área de Psicología Clínica sigue siendo significativa en las publicaciones, con énfasis en la práctica de la psicoterapia. El psicoanálisis ha sido revisado, en particular, con respecto a la posibilidad de su transmisión en la Universidad. Los informes de procedimientos pedagógicos y producciones sobre la relación supervisión-pasante tienen la importante función de expandir el debate sobre el proyecto político-pedagógico y su ejecución en la rutina de las instituciones educativas y los servicios escolares. Entendemos que el psicoanálisis ha encontrado mediaciones para el tema que le es peculiar: cuestionarse sobre la posibilidad de su transmisión en una institución con sus propias reglas, como la Universidad. Los informes de procedimiento explican las estrategias micro-políticas en la relación profesor-alumno, supervisor(a)/pasante. Las preguntas sobre el supervisor(a) y/o supervisión indican la complejidad de los aspectos involucrados en la relación y los detalles de la experiencia de cada uno involucrado. Consideramos que el tema en cuestión carece de estudios que expliquen las estrategias de capacitación macro-política, así como de investigaciones que aborden lo que sucede con el pasante en su proceso de capacitación. Optimistas, creemos que la riqueza de experiencias en torno a las estrategias de capacitación, no necesariamente han tenido destaque en las páginas de los periódicos...(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Adulto Jovem , Organização e Administração , Psicanálise , Psicologia , Psicologia Clínica , Ensino , Capacitação Profissional , Psicoterapia , Publicações , Pesquisa , Instituições Acadêmicas , Universidades , Organizações , Bibliotecas Digitais
4.
Hist Psychiatry ; 31(3): 294-310, 2020 Sep.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-32447989

RESUMO

This article explores the antagonism between Sigmund Freud and the German neurologist and sexologist Albert Moll. When Moll, in 1908, published a book about the sexuality of children, Freud, without any grounds, accused him of plagiarism. In fact, Moll had reason to suspect Freud of plagiarism since there are many parallels between Freud's Drei Abhandlungen zur Sexualtheorie and Moll's Untersuchungen über die Libido sexualis. Freud had read this book carefully, but hardly paid tribute to Moll's innovative thinking about sexuality. A comparison between the two works casts doubt on Freud's claim that his work was a revolutionary breakthrough. Freud's course of action raises questions about his integrity. The article also critically addresses earlier evaluations of the clash.


Assuntos
Dissidências e Disputas/história , Relações Interprofissionais , Plágio , Psicanálise/história , Sexologia/história , Áustria , Alemanha , História do Século XIX , História do Século XX , Humanos
5.
Psychiatr Danub ; 32(1): 15-21, 2020.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: covidwho-73345

RESUMO

The coronavirus (COVID-19) outbreak was labeled a global pandemic by the WHO in March of 2020. Understanding how crisis influence an individual's reactions to stressful events (and vice versa) is important in order to create meaningful and effective interventions. Our literature search have revealed lack of the papers related to psychodynamic approach to recent crisis. Psychodynamic places a large emphasis on defense mechanisms and unconscious mind, where upsetting feelings, urges, and thoughts that are too painful for us to directly look at are housed. Even though these painful feelings and thoughts are outside of our awareness, they still influence our behavior in many ways. Optimal application of psychodynamic approach offers the frame for acceptance of psychological stress in a more positive way and benefits psychological growth. We believe that including psychodynamic approach in the national public and mental health emergency system will empower Croatia and the world during (and after) COVID-19 pandemic crisis.


Assuntos
Infecções por Coronavirus/psicologia , Saúde Mental , Pneumonia Viral/psicologia , Psicanálise , Estresse Psicológico , Betacoronavirus , Defesa Civil , Croácia , Humanos , Pandemias
6.
Arq. bras. psicol. (Rio J. 2003) ; 72(1): 8-24, jan.-abr. 2020.
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: biblio-1114669

RESUMO

O texto discute as relações do autista com a linguagem a partir do referencial teórico da psicanálise de orientação lacaniana. Pergunta; "Poderia um ser humano não ser afetado pela linguagem?" Assinala a divergência de posições atuais sobre a presença de alienação significante no autista e considera a hipótese de uma alienação parcial. Aprofunda a reflexão sobre o tema a partir de vasta literatura especializada, dados clínicos, relatos autobiográficos. Afirma, com base em dados empíricos de pesquisas sobre a lalação/balbucio de crianças autistas, que o autista sofre o impacto de lalíngua. Aponta a fuga do olhar observada nos primeiros meses de vida da criança autista como indicador do efeito parasitário da linguagem. Para tanto, distingue o afeto da angústia, próprio ao humano, da emoção, própria aos animais. Explicita a especificidade da alienação significante no autista como referida à retenção da voz, que impede a operacionalidade do significante mestre.


The paper discusses the relationship of the autist with language from the theoretical standpoint of Lacanian-oriented psychoanalysis. The authors question: "Could a human being not be affected by language?". The study challenges the current position on the presence of signified alienation in the autist and considers the hypothesis of a partial alienation. It also deepens the reflection on the topic based on the extensive specialized literature, clinical data, and autobiographical quotes. The paper affirms, based on empirical data from researches on babble of autistic children that the autist does suffer the impact of "lalangue". The writing shows the escape of the eye gaze, observed during the first months of life of the autistic child, as an indicator of the parasitic effect of language. For this purpose, the paper distinguishes affection from distress, something typical of humans, from emotion, typical of animals. Finally, the article explains the specificity of the signified alienation in the autist linking it to the retention of the voice, which blocks the operationality of the master-signifier.


El texto discute las relaciones del autista con el lenguaje a partir del referencia teórico del psicoanálisis de orientación lacaniana. Pregunta; " ¿Podría un ser humano no ser afectado por el lenguaje?" Señala la divergência de posiciones actuales sobre la presencia de alienación significante en el autista y considera la posibilidad de una alienación parcial. Profundiza la reflexión sobre el tema a partir de amplia literatura especializada, datos clínicos, relatos clínicos autobiográficos.Afirma, basándose en datos empíricos de investigaciones sobre la lalación/balbuceo de niños autistas, que el autista sufre el impacto de lalengua. Señala la fuga de la mirada observada en los primeros meses de vida del niño autista como indicador del efecto parasitario del lenguaje. Para tanto, distingue el afecto de angústia, propio al humano, de la emoción, propia de los animales. Explicita la especificidad de la alienación significante en el autista como referida a la retención de la voz, que impide la operatividad del significante amo.


Assuntos
Psicanálise , Transtorno Autístico , Alienação Social , Criança , Linguagem Infantil , Idioma
7.
Arq. bras. psicol. (Rio J. 2003) ; 72(1): 40-54, jan.-abr. 2020.
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: biblio-1114671

RESUMO

Discute a respeito das ressonâncias do debate entre Butler e os psicanalistas sobre a diferença sexual, levando em consideração a perspectiva de Rancière sobre o "desentendimento". A proposta é empreender uma história do presente, no sentido de destacar o contexto de problematizações sobre a identidade sexual, em que a verdade referente ao sujeito é formulada. Como resultado desta investigação teórica, ressalta-se que Butler evoca descontinuidades históricas que provocam impasses nas abordagens da Psicanálise sobre o Mundo. Do lado desta ciência, breve revisão de literatura demonstrou a importância da referência ao último Lacan. Ao submeter os resultados à perspectiva de Rancière, situa-se a Psicanálise num espaço maior de preocupação com o sujeito e com o lugar que lhe é designado entre a ciência e o Mundo. Já Butler, por meio de sua inquietude com a legitimação da experiência, investe em expandir as barreiras inteligíveis do sujeito universal.


This article discusses the resonances of the debate between Butler and the psychoanalysts about sexual difference, taking Rancière's perspective on "disagreement" into account. The proposal is to undertake a history of the present, in order to highlight the context of problematizations about sexual identity, in which the truth regarding the subject is formulated. As a result of this theoretical investigation, it is emphasized that Butler evokes historical discontinuities that cause impasses in the approaches of Psychoanalysis on the World. On the side of this science, a brief literature review demonstrated the importance of the reference to the last Lacan. By subjecting the results to Rancière's perspective, Psychoanalysis is situated in a larger space of concern about the subject and the place assigned to him between science and the World. Still, Butler, through her uneasiness with the legitimation of experience, invests in expanding the intelligible barriers of the universal subject.


Discute a respecto de las resonancias del debate entre Butler y los psicoanalistas sobre la diferencia sexual, teniendo en cuenta la perspectiva de Rancière sobre el "desentendimiento". La propuesta es emprender una historia del presente, para resaltar el contexto de problematización sobre la identidad sexual, en el que se formula la verdad sobre el tema. Como resultado de esta investigación teórica, se enfatiza que Butler evoca discontinuidades históricas que causan puntos muertos en los enfoques de Psicoanálisis en el Mundo. Del lado de esta ciencia, una breve revisión de la literatura demostró la importancia de la referencia al último Lacan. Al presentar los resultados a la perspectiva de Rancière, el Psicoanálisis se coloca en un espacio más amplio de preocupación con el tema y con su lugar asignado entre la ciencia y el Mundo. Butler, a través de su preocupación por la legitimación de la experiencia, invierte en expandir las barreras inteligibles del sujeto universal.


Assuntos
Psicanálise/história , Ciência/história , Identidade de Gênero
8.
Fractal rev. psicol ; 32(1): 12-20, abr. 2020.
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: biblio-1098265

RESUMO

Neste artigo, resultado de estudos realizados no doutorado e pós-doutorado, é investigada, no ensino de Lacan, a participação e importância do psicanalista (e de seu desejo) como o agente (suporte do objeto a) que opera a ética da psicanálise. Com o objetivo de aprofundar as relações dessa ética (suas premissas e princípios) ao proceder do psicanalista - sua escuta e atos -, merece destaque a expressão usada por Lacan: o desejo do psicanalista. Esta expressão nos mostrou haver uma consistência elementar entre o campo da ética e a operacionalização da psicanálise por meio de seu agente/suporte transferencial, o psicanalista, durante a condução do tratamento, naquilo que o próprio Lacan formulou, em seu ensino, como essencial à formação do psicanalista: a psicanálise em intensão. Lateralmente, são abordadas expressões correlatas, e nem por isso sem importância, no campo da ética da psicanálise: o ato do psicanalista, o discurso do psicanalista e o saber do psicanalista.(AU)


In this article, the result of studies carried out during PhD and postdoctoral researchs, it is investigated, in the Lacan's teaching, the psychoanalyst's participation and importance (and of your desire) as the agent (supports of the object the) that operates the ethics of the psychoanalysis. With the objective of deepening the relationships of that ethics (its premises and principles) when proceeding of the psychoanalyst - its listens and acts - we highlighted the expression used by Lacan: the psychoanalyst's desire. This expression revealed an elementary consistence between the field of the ethics and the operation of the psychoanalysis through its agent/transferential support, the psychoanalyst, during the conduction of the treatment, in what Lacan himself formulated during his teaching as essential to formation of the psychoanalyst: psychoanalysis in intensity. Laterally, correlated and important expressions are discussed in the field of psychoanalysis ethics: the psychoanalyst's act, the psychoanalyst's discourse and the psychoanalyst's knowledge.(AU)


Assuntos
Psicanálise , Ética
9.
Fractal rev. psicol ; 32(1): 3-11, abr. 2020.
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: biblio-1098263

RESUMO

Freud insistia no papel do analista como aquele capaz de "pôr em movimento" um trabalho que aposta no inconsciente. Muito se discute sobre este papel da transferência, mas pretendemos abordá-la como uma ferramenta útil ao diagnostico diferencial, a partir do binômio crença/certeza. Sob a compreensão de que o diagnóstico em psicanálise se refere a mecanismos próprios a cada estrutura, nossa proposta é demonstrar este valor de ferramenta na clínica da neurose e da psicose, a partir do binômio crença/certeza. Logo, este artigo se propõe a realizar uma investigação que visa esclarecer as posições de crença e certeza, desveladas sob transferência, como aportes ao diagnostico diferencial. Desse modo, iremos percorrer as obras de Freud e de Lacan, auxiliados por seus comentadores e por autores contemporâneos que se dedicam ao tema. Nossa investigação permite-nos considerar que a relação do sujeito com o saber pode nos servir como importante índice clínico para a realização do diagnóstico diferencial. Em uma época marcada pela "descrença no saber inconsciente", cabe ao analista investigá-la em busca da distinção entre uma vacilação da crença, própria à neurose, e uma impossibilidade de crença, própria à psicose.(AU)


Freud had insisted in the role of psychoanalyst which one is capable for make one work in progress that bet on unconscious. Many discussions are about this role of transference, but we want to approach like one useful tool to differential diagnosis, from belief/certainty binomial. From the understanding that the diagnosis in psychoanalysis refers to mechanisms specific to each structure, our proposal is to demonstrate this tool value in the clinic of neurosis and psychosis, from the belief / certainty binomial. Therefore, this article proposes to carry out an investigation that aims to clarify the positions of belief and certainty, unveiled under transference, as contributions to the differential diagnosis. In this way, we will go through the works of Freud and Lacan, aided by their commentators and contemporary authors dedicated to the theme. Our research allows us to consider that the subject's relationship to knowledge can serve as an important clinical index to carry out the differential diagnosis. In an era marked by "unbelief in unconscious knowledge", it is up to the analyst investigates it in search of the distinction between a belief of hesitation, own neurosis, or a belief impossibility own psychosis.(AU)


Assuntos
Psicanálise , Diagnóstico Diferencial
10.
Ágora (Rio J. Online) ; 23(1): 94-102, Jan.-Apr. 2020.
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: biblio-1059209

RESUMO

RESUMO: Em Freud, a mulher é irremediavelmente ligada a uma reivindicação fálica jamais satisfeita e a assunção da feminilidade coincide com a maternidade. Que o feminino não se deixe recobrir inteiramente pela mãe é, por outro lado, destacado por Lacan. A prática da conversação com adolescentes mães e gestantes realizada no âmbito de uma pesquisa revela que, apesar das diversas conquistas das mulheres nas últimas décadas, a maternidade fornece ainda hoje significado e imagem com os quais se revestem o feminino pela via do ter fálico. Contudo, a tentativa de encerrar o feminino na mãe não cessa de fracassar.


Abstract: For Freud, the woman is inexorably linked to a phallic claim and the assumption of feminility does coincide with motherhood. For Lacan, on the other hand, the feminility does not overlap completely with motherhood. The conversation practice we conducted with teenagers, both mothers and pregnant, has shown that, in spite of all the progress made by women in the last decades, the meaning and the image of motherhood around the feminility are still defined by the phallic. However, all the efforts to close the feminility in motherhood does not stop failing.


Assuntos
Psicanálise , Mulheres , Poder Familiar , Adolescente
11.
Ágora (Rio J. Online) ; 23(1): 30-38, Jan.-Apr. 2020.
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: biblio-1059210

RESUMO

RESUMO: O artigo aborda a psicanálise como função e ética do analista: o ato psicanalítico, a interpretação e as construções. O ato psicanalítico de instaurar a transferência como pivô do trabalho de análise, equívoco do suposto saber ato inaugural de uma análise e em todo seu trajeto. A interpretação, leitura da escrita do sintoma que opera pela função do significante, estrutura de linguagem. As construções, leitura que reescreve a história (e pré-história) pulsional escrita no sintoma, tocando o limite do ahistórico.


Abstract: The article approaches psychoanalysis as the analyst's function and ethics: the psychoanalytic act, the interpretation and the constructions. The psychoanalytic act of instituting transference as the pivot of the work of analysis, the misunderstanding of supposed knowledge the inaugural act of an analysis and its entire course. The interpretation, reading of the writing of the symptom that operates by the function of the signifying, language structure. The constructions, reading that rewrites the history (and prehistory) harm written in the symptom, reaching the limit of the ahistorical.


Assuntos
Psicanálise , Sinais e Sintomas , Encenação
12.
Ágora (Rio J. Online) ; 23(1): 111-120, Jan.-Apr. 2020.
Artigo em Inglês | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: biblio-1059211

RESUMO

ABSTRACT: This article aims to demonstrate how perversion, as a subject, activates investigation. As a starting point, it explores Freud's idea surrounding fetishism as a paradigm of itself; a necessary interval between neurosis and psychosis. This analysis is followed by a presentation of various notions developed by Lacan in his teachings. Subsequently, the article analyzes Haneke's 2001 film "The piano teacher", here considered as a case of substitute perversion that adds to the few documented cases of this nature. The movie contributes elements that allow to think about and further develop the notion of substitute perversion in psychosis. In it, "the teacher" demonstrates the separation between love, desire, juissance and what Lacan calls "false hole" through borromean rings. Lastly, questions are posed regarding perversion; organized by answers, opposite the two aforementioned structures.


Resumo: O artigo ocupa-se de mostrar como a perversão é uma temática que ativa a pesquisa. Explora, inicialmente, a ideia de Freud sobre o fetichismo como paradigma desse operador clínico, intervalo necessário entre a neurose e a psicose. Depois apresenta noções formuladas por Lacan em seus ensinamentos. Examina, posteriormente, o filme A professora de piano, de Haneke (2001), considerando-o material que contribui diante da escassez de casos sobre perversão. Encontra no filme elementos para pensar e indagar a suplência perversa na psicose. A professora ensina a propósito da amarração do nó borromeano entre amor, desejo, gozo e do estabelecimento do que Lacan chama: "falso furo". O artigo, finalmente, formula questões sobre essa estrutura clínica que, diferentemente das outras duas, se organiza não em certezas, mas adiantando respostas.


Assuntos
Psicanálise , Transtornos Psicóticos , Sexualidade
13.
Ágora (Rio J. Online) ; 23(1): 75-83, Jan.-Apr. 2020.
Artigo em Português | LILACS, IBECS | ID: biblio-1059212

RESUMO

Resumo: Neste artigo, buscaremos aprofundar nosso entendimento clínico acerca dos fenômenos psicossomáticos como uma escrita direta no corpo, articulando sua distinção dos sintomas enquanto formações do inconsciente, como a psicanálise os concebe. Enfatizaremos o contraste entre essas formações clínicas psicopatológicas e os sintomas enquanto metáfora, abordando hipóteses possíveis para a direção do tratamento.


Abstract: In this article we will seek to deepen our clinical understanding about psychosomatic phenomena as a direct writing in the body, articulating its distinction from symptoms as formations of the unconscious, as how psychoanalysis conceives them. We will emphasize the contrast between these psychopathological clinical formations and the symptoms as a metaphor, addressing possible hypotheses for the direction of treatment.


Assuntos
Psicanálise , Transtornos Psicofisiológicos , Sinais e Sintomas
14.
Ágora (Rio J. Online) ; 23(1): 49-56, Jan.-Apr. 2020.
Artigo em Inglês | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: biblio-1059213

RESUMO

ABSTRACT: This article aims to analyze the Lacanian notion of jouissance and its connection to the notion of death drive. Our purpose is to highlight the evolution of the articulation between these two notions across Lacan's teaching. When Lacan first gives a theoretical basis to the notion of jouissance, he criticizes the validity of death drive as a concept. Ten years later, death drive is rehabilitated and partially assimilated to jouissance. Between these two moments, jouissance plays a central role in the French psychoanalyst's teaching.


Resumo: Este artigo tem como objetivo analisar a noção lacaniana de gozo e sua conexão com a noção de pulsão de morte. Nosso objetivo é destacar a evolução da articulação entre essas duas noções através do ensino de Lacan. Quando Lacan primeiro fornece uma base teórica à noção de gozo, ele critica a validade da pulsão de morte como um conceito. Dez anos depois, a pulsão de morte é reabilitada e parcialmente assimilada ao gozo. Entre esses dois momentos, o gozo desempenha um papel central no ensino do psicanalista francês.


Assuntos
Psicanálise , Inconsciente Psicológico , Morte
15.
Ágora (Rio J. Online) ; 23(1): 39-48, Jan.-Apr. 2020.
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: biblio-1059215

RESUMO

RESUMO: O objetivo deste artigo é discutir os efeitos das alianças inconscientes na restrição à extensão da psicanálise no que se refere à construção do conhecimento psicanalítico sobre os grupos. Cinquenta e cinco textos publicados na Revista Brasileira de Psicanálise RBP, entre 1967 e 1976, foram analisados a partir do referencial teórico-metodológico proposto por René Kaës. Numa breve reconstrução histórica, operou-se com o conceito de alianças inconscientes com o propósito de investigar as bases narcísicas presentes desde as origens da psicanálise; que restringiram a capacidade de pensar o grupo no campo da psicanálise. Benefícios narcísicos foram extraídos destas resistências que ainda hoje dificultam a extensão da psicanálise no que diz respeito à inclusão do grupo como objeto teórico.


Abstract: Contributions of René Kaës to the epistemology of psychoanalysis. The objective of this article is to discuss the effects of the unconscious alliances on extension of psychoanalysis. 55 texts published in the Revista Brasileira de Psicanálise between 1967 and 1976 were analyzed under the theoretical framework of René Kaës. A brief historical reconstruction with the concept of unconscious alliances in order to investigate the narcissistic bases present since the origins of psychoanalysis; that restricted the capacity to think in the group in the field of psychoanalysis. Narcissistic benefits were extracted of this resistance, that still today difficult the extension of the psychoanalysis for the inclusion of the group as a theoretical object.


Assuntos
Psicanálise , Inconsciência , Conhecimento
16.
Ágora (Rio J. Online) ; 23(1): 21-29, Jan.-Apr. 2020.
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: biblio-1059216

RESUMO

Resumo: O objetivo é demonstrar que a reflexão sobre a cura é central para o surgimento da psicanálise entre a tradição clínica e a psicoterápica. Além de uma clínica ou uma psicoterapia, a psicanálise deve ser reconhecida como uma experiência de cura. Por fim, defenderemos que, por ter a cura como a realização de uma experiência singular em seu seio, a psicanálise freudiana estabelece uma proposta de cura de caráter universal: em cada realização singular da cura não teremos a integração da singularidade a nenhuma totalidade. A cura como a realização de uma experiência singular não será idêntica a nada.


Abstract: The objective is to demonstrate that the discussion about cure is central to the emergence of psychoanalysis between the clinical and psychotherapeutic tradition. In addition to a clinic or psychotherapy, psychoanalysis must be recognized as a cure experience. Finally, we will propose that, by affirming the cure as the realization of a singular experience, Freudian psychoanalysis establishes a proposal of universal healing: in each singular realization of healing we will not have the integration of the singularity into any totality. Cure as the realization of a singular experience will not be identical to anything.


Assuntos
Psicanálise , Psicoterapia , Teoria Freudiana
17.
Ágora (Rio J. Online) ; 23(1): 57-65, Jan.-Apr. 2020. graf
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: biblio-1059219

RESUMO

RESUMO: Considerando que Thomas Ogden é um dos psicanalistas representantes da psicanálise contemporânea transmatricial (FIGUEIREDO; COELHO JÚNIOR, 2018), o artigo apresenta a passagem e transformação do conceito de identificação projetiva (KLEIN, 1946) para o de terceiro analítico (OGDEN, 1994) por meio da análise e discussão de publicações do autor, em que faz articulações tanto com conceitos de Winnicott, quanto de Bion. Para Ogden, os conceitos são metáforas que nomeiam diferentes aspectos do funcionamento mental, e as transformações conceituais estariam, então, nos pequenos deslizamentos de sentidos, nas sutilezas do texto e no uso diverso das expressões.


Abstract: Considering Thomas Ogden is one of the psychoanalysts representing the contemporary transmatrix psychoanalysis (FIGUEIREDO; COELHO JÚNIOR, 2018), the article presents the passage and transformation from the projective identification concept (KLEIN, 1946) into the analytic third (OGDEN, 1994) by means of the analysis and discussions of publications by the author, in which he makes articulations both with Winnicott's and Bion's concepts. To Ogden, concepts are metaphors which name different aspects of the mental functioning, and the conceptual transformations are, therefore, in the small changes in meaning, in the subtlety of the text and the diverse use of expressions.


Assuntos
Projeção , Psicanálise , Ego
18.
Psychiatr Danub ; 32(1): 15-21, 2020.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-32303024

RESUMO

The coronavirus (COVID-19) outbreak was labeled a global pandemic by the WHO in March of 2020. Understanding how crisis influence an individual's reactions to stressful events (and vice versa) is important in order to create meaningful and effective interventions. Our literature search have revealed lack of the papers related to psychodynamic approach to recent crisis. Psychodynamic places a large emphasis on defense mechanisms and unconscious mind, where upsetting feelings, urges, and thoughts that are too painful for us to directly look at are housed. Even though these painful feelings and thoughts are outside of our awareness, they still influence our behavior in many ways. Optimal application of psychodynamic approach offers the frame for acceptance of psychological stress in a more positive way and benefits psychological growth. We believe that including psychodynamic approach in the national public and mental health emergency system will empower Croatia and the world during (and after) COVID-19 pandemic crisis.


Assuntos
Infecções por Coronavirus/psicologia , Saúde Mental , Pneumonia Viral/psicologia , Psicanálise , Estresse Psicológico , Betacoronavirus , Defesa Civil , Croácia , Humanos , Pandemias
19.
Ágora (Rio J. Online) ; 23(1): 66-74, Jan.-Apr. 2020. graf
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: biblio-1059208

RESUMO

Resumo: A transfobia, enquanto prática de violência e exclusão, é infligida de diversas formas contra indivíduos travestis e transexuais, sendo as trans significativamente mais atingidas. Neste artigo, estabelecemos um diálogo com o conceito de corpos abjetos de Judith Butler e as formulações da psicanálise acerca da constituição do sujeito e teoria da sexuação com o objetivo de pensar a transfobia enquanto um fenômeno de segregação. Nossa hipótese é que a trans pode funcionar como uma lente de aumento sobre o gozo não codificado pela linguagem, essa espécie de aberração que espreita todo ser falante, mas da qual nada queremos saber.


Abstract: Transphobia, as a practice of violence and exclusion, is inflicted in several ways against transvestites and transsexuals, but the "trans" women are significantly more affected. In this article we make a dialogue between Judith Butler's concept of abject bodies and Psychoanalysis formulations about the constitution of the subject and the theory of sexuation, aiming to think transphobia as a phenomenon of segregation. Our hypothesis is that the "trans" women figures may work as a magnifying glass over the jouissance not encoded by language, this type of aberration that peeks every speaking being, which we don't want to know about.


Assuntos
Psicanálise , Transexualidade , Transfobia
20.
Ágora (Rio J. Online) ; 23(1): 12-20, Jan.-Apr. 2020. graf
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: biblio-1059218

RESUMO

RESUMO: Neste artigo, são discutidas possibilidades de tecitura entre os pressupostos da Reforma Psiquiátrica Brasileira e a lógica diagnóstica psicanalítica. Veicula-se brevemente a história desse importante movimento. Posteriormente, são apresentados elementos do diagnóstico em psicanálise, enfatizando o lugar do sujeito e sua dimensão irredutível frente aos discursos sociais hegemônicos. Demonstra-se o quanto a clínica psicanalítica coincide com um processo de "crítica da ideologia", levantando questões da lógica diagnóstica predominante nos serviços substitutivos aos manicômios, de modo que são assinaladas as convergências entre o trabalho psicossocial e a clínica. Por fim, destaca-se que a psicanálise se constitui como uma forma específica de oferecer escuta, visando efeitos de desalienação e reconhecimento da diferença.


Abstract: In this article, are discussed possibilities of interlacing between the presuppositions of the Brazilian Psychiatric Reform and the psychoanalytical diagnostic logic. The history of this important movement is briefly conveyed. Posteriorly, elements of the diagnosis in psychoanalysis are presented, highlighting the place of the subject and its irreducible dimension in front of the hegemonic social discourses. It is demonstrated how much the psychoanalytic clinic coincides with a process of "critique of ideology", raising questions on the diagnostic logic currently prevalent in the substitute services to asylums, so that the convergences between the psychosocial and the clinical work are pointed. Finally, it is highlighted that the psychoanalysis constitutes a specific form of listening, aiming at the effects of de-alienation and recognition of difference.


Assuntos
Psicanálise , Sujeitos da Pesquisa
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA