Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 742
Filtrar
1.
Buenos Aires; OPS; 2022-05-20. (OPS/ARG/22-0001).
em Espanhol | PAHO-IRIS | ID: phr2-56014

RESUMO

El saneamiento básico es un conjunto de acciones que se pueden aplicar sobre el ambiente para reducir los riesgos sanitarios, prevenir la contaminación y, consecuentemente, lograr mejores niveles de salud. Tiene tres pilares fundamentales que serán abordados en a lo largo de este documento: agua segura, disposición sanitaria de excretas y manejo sanitario de la basura. En muchas ocasiones, diversas comunidades rurales no cuentan con servicios externos que las provean de agua segura, que se encarguen del tratamiento de sus excretas o de la disposición de su basura, lo cual convierte estos problemas cotidianos en parte de su vida diaria. El objetivo de este cuadernillo es proporcionar información clara y concisa sobre el saneamiento básico, con un enfoque intercultural en áreas rurales, ya sea para uso unifamiliar, como así también para aquellos que necesiten transmitir conocimientos. Se describirán los procedimientos sobre cómo obtener agua segura a nivel domiciliario para cualquier fuente de agua disponible; los sistemas de tratamiento de excretas adecuados a las zonas rurales; y las buenas prácticas para el tratamiento de la basura. Cuenta con ilustraciones que ayudan a la buena comprensión y que pueden ser utilizadas en futuras capacitaciones. Todavía falta mucho por hacer para que millones de personas, sobre todo en ámbitos rurales, accedan a servicios de saneamiento básico seguro. Este cuadernillo busca transmitir conocimientos a aquellas personas, familias y/o comunidades, cualesquiera sean las condiciones actuales de saneamiento básico con las que cuentan, para lograr solucionarlas a corto plazo y así mejorar sus condiciones de salud.


Assuntos
Saneamento Básico , Água , Poluição da Água , Resíduos Sólidos , Eliminação de Excretas , Zona Rural
2.
Rev. latinoam. cienc. soc. niñez juv ; 20(1): 255-280, ene.-abr. 2022.
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: biblio-1365874

RESUMO

Resumen (analítico) La extensión de la escolaridad en Argentina y la creación de escuelas secundarias en el campo ha significado transformaciones en el espacio rural y las juventudes rurales. A partir de una investigación realizada desde el enfoque histórico-etnográfico en el norte de la provincia de Entre Ríos, advertimos que la escuela secundaria es el espacio privilegiado de sociabilidad de las y los jóvenes y nos centramos en la Fiesta del Estudiante Rural para comprender los procesos de identificación de estas juventudes. La condición de juventud y la condición de estudiante están estrechamente implicadas en el espacio rural y las y los jóvenes construyen identificaciones por oposición a sus pares urbanos y en relación con el campo, entendido en tanto paisaje natural escindido de las actividades productivas y laborales de la ruralidad.


Abstract (analytical) he rollout of public education across the country in Argentina and the building of secondary schools in the countryside generated transformations for rural areas and rural youth. This study uses a historical-ethnographic approach to conduct research in the northern area of the province of Entre Ríos. The authors identified that secondary school is a privileged space for the social development of young people, focusing on the Rural Student Festival to understand these youth identities. The youth condition and the student condition are closely linked to rural areas. Rural young people construct identifications that are in opposition to urban students and aligned with the countryside, which they understand as a natural landscape that is unrelated to agricultural and labor activities.


Resumo (analítico) A extensão da escolaridade na Argentina e a criação de escolas secundárias no campo geraram transformações no meio rural e na juventude rural. A partir de uma investigação realizada a partir de uma abordagem histórico-etnográfica no norte da província de Entre Ríos, afirmamos que o ensino médio é o espaço privilegiado de sociabilidade dos jovens e nos concentramos no Festival do Estudante Rural para compreender as identidades destes jovens. A condição de jovem e a condição de estudante estão intimamente envolvidas no meio rural e os jovens constroem identificações em oposição aos estudantes urbanos e em relação ao campo, entendido como paisagem natural alheia às atividades produtivas e laborais do campo.


Assuntos
Estudantes , Zona Rural , Ensino Fundamental e Médio , Escolaridade , Adolescente
3.
Rev. latinoam. cienc. soc. niñez juv ; 20(1): 303-327, ene.-abr. 2022. tab, graf
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: biblio-1365876

RESUMO

Resumen (analítico) El proyecto de vida de la juventud rural colombiana transita por dificultades en su planeación y desarrollo. Por ende, este estudio busca identificar los factores que interfieren en la construcción del proyecto de vida en jóvenes rurales, con una metodología de investigación cualitativa, enfoque etnometodológico y diseño transversal. Se emplearon como técnicas de recolección de información entrevistas semies tructuradas, grupos focales, observación y análisis documental. Participaron 117 adolescentes, ocho docentes y seis padres de familia. Los resultados facilitaron comprender los factores individuales y sociales que inciden en el proyecto de vida de la juventud rural desde el modelo ecológico, que aborda la relación del adolescente rural con las características de su contexto y específicamente desde el microsistema, mesosistema, exosistema y macrosistema.


Abstract (analytical) The life projects of Colombian young people in rural areas are facing difficulties in terms of planning and implementation. This study sought to identify the factors that affect rural young people's construction of life projects. This involved the use of a qualitative research methodology, ethnomethodological approach and cross-sectional design. Semi-structured interviews, focus groups, participant observation and documentary analysis were selected as data collection techniques. A total of 117 adolescents, 8 teachers and 6 parents participated. Using the ecological model, the results facilitated understanding of the individual and social factors that influence the life projects of rural youth. The study identified the importance of the relationship of rural adolescents with the characteristics of their context and specifically the microsystems, mesosystems, exosystems and macrosystems they inhabit.


Resumo (analítico) O projeto de vida da juventude rural colombiana está passando por dificuldades em seu planejamento e desenvolvimento, portanto, este estudo procura identificar os fatores que interferem na construção do projeto de vida na juventude rural, com uma metodologia de pesquisa qualitativa, abordagem etnometodológica e desenho transversal. Foram utilizadas entrevistas semiestruturadas, grupos de foco, observação e análise documental como técnicas de coleta de dados. Participaram um total de 117 adolescentes, 8 professores e 6 pais participaram. Os resultados facilitaram uma compreensão dos fatores individuais e sociais que influenciam o projeto de vida dos jovens rurais a partir do modelo ecológico, que aborda a relação dos adolescentes rurais com as características de seu contexto e especificamente do microssistema, mesossistema, exossistema e macrossistema.


Assuntos
Zona Rural , Pesquisa Qualitativa , Crescimento e Desenvolvimento
4.
Washington, D.C.; OPS; 2022-03-28.
em Espanhol | PAHO-IRIS | ID: phr-55873

RESUMO

Esta publicación tiene por objetivo disponer de una obra que sintetice y actualice la evidencia disponible sobre los factores e intervenciones que contribuyen a incrementar la atracción, captación y retención del personal de salud en las zonas rurales, remotas y desatendidas. El propósito es que esta evidencia sirva para fundamentar discusiones sobre políticas de salud que permitan aumentar la disponibilidad de recursos humanos para la salud capacitados y distribuidos de manera adecuada, con el fin último de lograr una salud universal, de calidad y equitativa. La revisión contiene una reseña de los desafíos que enfrenta la Región de la Américas para disponer de personal de salud, así como de las dinámicas que intervienen entre los diferentes sectores, como el educativo y el laboral, e inciden en la atracción, captación y retención de profesionales de la salud en las zonas rurales, remotas y desatendidas. En este trabajo se presentan los resultados sobre los factores e intervenciones que contribuyen a incrementar la atracción, captación y retención en el primer nivel de atención de las zonas rurales, remotas y desatendidas.


Assuntos
Zonas Remotas , Zona Rural , Recursos Humanos , Mercado de Trabalho , Condições de Trabalho , Serviços de Saúde , Sistemas de Saúde
5.
Semina cienc. biol. saude ; 43(1): 51-74, jan./jun. 2022. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1354417

RESUMO

A educação médica passou por transformações constantes ao longo da História e no Brasil assume características específicas. Recentemente, entre outros aspectos, têm-se debatido sobre a importância da variedade de cenários de ensino e de uma abordagem integral e generalista para o desenho de um perfil de egresso mais próximo às necessidades de saúde da população. Este estudo apresenta uma avaliação qualitativa e quantitativa da experiência de acadêmicos de Medicina, professores e profissionais de saúde envolvidos no internato médico rural em Medicina de Família e Comunidade da Universidade de Caxias do Sul, estado do Rio Grande do Sul, Brasil. Perfis dos participantes, motivadores de estágio, influências sobre opções de trabalho futuro, impacto nas equipes de saúde e aspectos positivos e negativos da experiência são apresentados e discutidos à luz da literatura internacional no tema. O internato rural aparece como uma experiência positiva na formação médica, com potencial agregador qualitativo para os envolvidos e influência na opção futura de trabalho, ajudando a reduzir a defasagem de recursos humanos em áreas rurais. O diálogo entre as comunidades, equipes de saúde, universidade e gestores locais é essencial para a superação dos desafios cotidianos e para a manutenção das atividades, assim como o suporte institucional aos alunos e qualificação do corpo docente. Sugestões de futuras linhas de pesquisa na área são apresentadas.


Medical education has undergone constant transformations throughout history and in Brazil it takes on specific characteristics. Recently, among other aspects, there has been debate about the importance of the variety of teaching scenarios and of an integral and generalist approach to the design of an egress profile closer to the population's health needs. This study presents a qualitative and quantitative evaluation of the experience of medical students, professors and health professionals involved in the rural medical internship in Family and Community Medicine at the Universidade de Caxias do Sul, Rio Grande do Sul state, Brazil. Profile of participants, internship motivators, influences on work options future, impact on health teams and positive and negative aspects of the experience are presented and discussed in the light of international literature on the subject. The rural internship appears as a positive experience in medical training, with qualitative aggregating potential for those involved and influence on the future work option, helping to reduce the gap in human resources in rural areas. Dialogue between communities, health teams, universities and local managers is essential to overcome daily challenges and to maintain activities, as well as institutional support for students and qualification of the teaching staff. Suggestions for future lines of research in the area are presented.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Saúde , Medicina de Família e Comunidade , Política de Saúde , Internato e Residência , Zona Rural , Pessoal de Saúde , Medicina Comunitária , Educação Médica , Docentes , Saúde da População
6.
Rev. latinoam. cienc. soc. niñez juv ; 19(3): 1-24, sep.-dic. 2021.
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: biblio-1357356

RESUMO

Resumen (analítico) El artículo analiza las implicaciones de la guerra en la configuración del ser joven rural en Colombia en La Merced (Caldas) y Vista Hermosa (Meta). Es una investigación cualitativa con enfoque narrativo, que indaga en las experiencias de tres sobrevivientes de la violencia entre los años 1995 y 2005, por medio de marcadores de juventud. De los resultados se desprende que la guerra trazó cursos de vida a los jóvenes rurales, como ser cultivadores de hoja de coca e integrantes de grupos armados, marcándose transiciones en las que se restringieron las capacidades para agenciar posibilidades de futuro fuera de los marcos de la guerra, pero también cursos de vida en resistencia vinculados a la acción colectiva con otros jóvenes.


Abstract (analytical) This article analyzes the implications of war in the configuration of rural youth in Colombia in La Merced, Caldas and Vista Hermosa, Meta. It describes qualitative research that uses a narrative approach to analyze the experiences of three survivors of violence between 1995 and 2005 through the telling of significant events that occurred during their youth. The results show that the war established specific life courses for rural youth, such as growing coca leaf and being a member of armed groups. These transitions demonstrate how their capacity to pursue possible life paths outside the frame-work of war were restricted, but also highlight life paths involving resistance to the war that were linked to collective action with other young people.


Resumo (analítico) O artigo analisa as implicações da guerra na configuração da juventude em zonas rurais da Colômbia, em La Merced, Caldas e Vista Hermosa, Meta. É uma pesquisa qualitativa com abordagem narrativa a partir da qual são analisadas as vivências de três sobreviventes de violência entre 1995 e 2005, por meio dos marcadores juvenis. Os resultados mostram que a guerra traçou rumos de vida para a juventude rural, como ser cultivadores de folha de coca e membros de grupos armados, marcando transições em que se restringiam as capacidades de encontrar possibilidades de futuro fora dos marcos da guerra, mas também, cursos de vida em resistência vinculados à ação coletiva com outros jovens.


Assuntos
Violência , Guerra , Zona Rural , Sobreviventes , Conflitos Armados , Narração , Pesquisa Qualitativa , Coca
7.
Rev. latinoam. cienc. soc. niñez juv ; 19(3): 257-275, sep.-dic. 2021. tab
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: biblio-1357367

RESUMO

Resumen (analítico) El artículo propicia la comprensión del problema del trabajo infantil rural y urbano desde perspectiva interpretativa, a partir de los significados y las conceptualizaciones de las acciones de la práctica del trabajo, propias de niños y niñas en una zona rural del municipio de Tello y en la ciudad de Neiva en el departamento del Huila, Colombia. El enfoque metodológico empleado es una aproximación a la teoría fundamentada, configurada a partir de tres substanciales categorías: el capital social, el reconocimiento y el enfoque de capacidades. Se producen hallazgos respecto a la diferenciación sobre la lectura que los niños y niñas construyen sobre el significado de trabajo infantil remunerado, doméstico y relacionado con la dinámica y los vínculos que se tejen en el hogar y el entorno escuela.


Abstract (analytical) The paper seeks to understand the problem of rural and urban child labor using an interpretive perspective based on the meanings and conceptualizations of child labour in in the rural municipality of Tello and the city of Neiva, both located in the department of Huila, Colombia. The methodological approach used is an approximation of grounded theory that is configured with three categories: social capital; recognition; and the capabilities approach. The authors identify differentiations in the meanings constructed by children regarding the meaning of paid child labor, domestic work and the dynamics and links that form part of their home and school environments.


Resumo (analítico) Este artigo promove a compreensão da problemática do trabalho infantil rural e urbano em uma perspectiva interpretativa, a partir dos significados e conceituações das ações da prática laboral, típicas de meninos e meninas de uma zona rural do município de Tello e na cidade de Neiva no departamento de Huila, Colômbia. A abordagem metodológica empregada é uma aproximação à teoria fundamentada, configurada a partir de três categorias substanciais: capital social, reconhecimento e abordagem das capacidades. São produzidos resultados sobre a diferenciação na leitura que meninos e meninas constroem sobre o significado de trabalho infantil remunerado, trabalho doméstico e em relação às dinâmicas e vínculos que se tecem no ambiente doméstico e escolar.


Assuntos
Trabalho Infantil , Zona Rural
8.
Revista brasileira de ciência e movimento ; 29(1): [1-16], nov. 2021. tab, ilus
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1343346

RESUMO

O presente estudo teve como objetivo identificar e comparar os níveis motivacionais para a prática esportiva de escolares de instituições rurais e urbanas. Ao todo participaram do estudo 848 estudantes, sendo 424 da escola do campo e 424 da escola urbana, com idades compreendidas entre 10 a 19 anos de ambos os sexos. Para a avaliação do quadro motivacional esportivo foi utilizado o instrumento de pesquisa "Sport Motivation Scale" (SMS), que visa mensurar e avaliar componentes intrínsecos e extrínsecos da motivação. Para a análise estatística foram utilizados os testes de Mann Whitney para comparação de grupos e o teste qui quadrado para a associação das variáveis. Após a interpretação dos dados, os resultados indicaram que os alunos das zonas rurais de ensino encontravam-se mais motivados que os estudantes do perímetro urbano, sobretudo, quando a comparação se deu entre escolares do sexo feminino e em etapas mais avançadas de escolaridade. Em consonância a esses dados, quando realizado um teste de associação entre o tipo de escola e a classificação motivacional, constatou-se que a maioria dos discentes das escolas rurais estavam classificados em um nível de motivação considerado alto. Em suma, a partir deste estudo, verificamos que o ambiente onde os escolares estudam ou residem, em alguma medida, pode influenciar na motivação esportiva. Embora não esteja claro as razões pelas quais os escolares do campo se evidenciaram mais motivados, acreditamos que no contexto rural existe uma limitação quanto à diversidade de atividades, o que acaba contribuindo para uma maior atenção para as práticas esportivas. Como na cidade o jovem tem a sua disposição um leque maior de espaços de convivência social, é provável que o esporte passe a ser dividido com outras ocupações e, por isso, ocorra um maior arrefecimento motivacional no espaço urbano quando comparado com o meio rural.(AU)


The present study aimed to identify and compare the motivational levels for the sport practice of students from rural and urban schools. The study included 848 students, being 424 of the rural school and 424 of the urban school, aged between 10 and 19 years of both sexes. For the evaluation of the sport motivational framework, we used the research instrument "Sport Motivation Scale" (SMS) to measure and evaluate the intrinsic and extrinsic components of motivation. For the statistical analysis was performed Mann Whitney tests for comparison of groups and chi-square test for the association of variables. After the data were interpreted, the results indicated that students in rural areas were more motivated than students in the urban perimeter, especially when the comparison was made between female students and at more advanced levels of schooling. In line with these data, when a test of association between the type of school and the motivational classification was carried out, it was found that the most of rural schoolchildren were classified as having a high motivation level. In short, from this study, we verified that the environment where the students study or reside can influence sport motivation. Although it is not clear why rural schoolchildren were more motivated, we believe that in the rural context there is a limitation on the diversity of activities, which contributes to greater attention to sport practices. As in the city the youth has at its disposal a wider range of social coexistence, it is probably that the sport will be divided with other occupations, which contributes to the reduction of the sports motivation when compared to rural students.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Criança , Adolescente , Adulto , Esportes , Zona Rural , Área Urbana , Motivação , Educação Física e Treinamento , Instituições Acadêmicas , Estudantes , Ensino , Educação
9.
Rev. bras. ciênc. vet ; 28(4): 206-210, out./dez. 2021. il.
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1363766

RESUMO

Toxoplasma gondii is a protozoan parasite with worldwide distribution. Dogs are considered sentinel animals, useful for the detection of environmental infections and outbreaks of disease through serological surveys. Considering this, we aimed to assess the seroprevalence of toxoplasmosis in dogs from rural areas of the hinterland of the state of Sergipe, Northeastern Brazil. A total of 77 blood samples were collected from dogs and analyzed by the Indirect Hemagglutination test for the detection of anti-T. gondii antibodies Samples were considered positive when titers greater than or equal to 1:16 were observed. In addition, an epidemiological questionnaire designed to identify characteristics of the animal was performed to owners regarding sex, breed, age, sterilization, access to areas outside the house, environmental hygiene, contact with other animals and dog food. A total of 49.3% of dogs (n = 38) were positive for anti-T. gondii antibodies, most with high titers (44.7%). A higher relative frequency of seropositivity was observed in male dogs, not sterilized, mixed breed, which were fed exclusively on homemade food and had access to the street and contact with other animals. Taken together, our data reinforce the importance of developing health education actions within the scope of public health aimed at preventing this zoonosis.


Toxoplasma gondii é um protozoário com distribuição mundial. Os cães são considerados animais sentinela, úteis para a detecção de infecções ambientais e surtos da doença por meio de levantamentos sorológicos. Portanto, o presente estudo teve como objetivo determinar a soroprevalência da toxoplasmose em cães da zona rural da região rural do Alto Sertão Sergipano, Brasil. Um total de 77 amostras de sangue de cães foram coletadas no município de Nossa Senhora da Glória, Sergipe e submetidas ao teste de Hemaglutinação Indireta para detecção de anticorpos anti-T. gondii, considerando títulos maiores ou iguais a 1:16 como positivos. Além disso, foi aplicado um questionário epidemiológico aos proprietários solicitando informações sobre sexo, raça, idade, esterilização, acesso às ruas, limpeza do ambiente, contato com outros animais e ração, além de dados do proprietário, como renda familiar e nível de educação. 49,3% dos cães (38/77) apresentaram anticorpos anti-T. gondii, a maioria com títulos elevados (44,7%). Foi observado maior frequência relativa de soropositividade em cães macho, não esterilizados, sem raça definida, que se alimentam exclusivamente de comida caseira e tem acesso a rua e contato com outros animais. Os dados obtidos reforçam a importância do desenvolvimento de ações de educação em saúde no âmbito da saúde pública voltadas à prevenção dessa zoonose.


Assuntos
Animais , Cães , Anticorpos Antiprotozoários , Estudos Soroepidemiológicos , Toxoplasmose , Cães , Zoonoses/prevenção & controle , Zona Rural
10.
Rev. Méd. Inst. Mex. Seguro Soc ; 59(5): 368-376, 01-oct-2021. tab
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: biblio-1357929

RESUMO

Introducción: las enfermedades relacionadas con enteroparásitos son un grave problema de salud pública. Objetivo: evaluar la prevalencia de enteroparásitos en el Perú y su relación con el Índice de desarrollo humano (IDH). Material y métodos: se realizó un estudio coproparasitológico por el método directo en niños y adultos de las comunidades de Pamplona Alta en Lima, de la provincia de San Sebastián de Quera, Castillo Grande, Pillco Marca y Puelles en Huánuco, Llupa-Huaraz en Ancash y Machaguay en Arequipa, Perú, de 2012 a 2016. Resultados: se analizaron 864 muestras y se encontró una prevalencia total del 23.03% (199 casos). El protozoario no patógeno Entamoeba coli con 10.42% (90 casos) y el nematodo Ascaris lumbricoides con 6.37% (55 casos) fueron los más prevalentes. La prevalencia de protozoos fue mayor que la de los helmintos. No se observó asociación entre el IDH frente a la prevalencia total ni frente a las cuatro especies de enteroparásitos más frecuentes. El análisis PERMANOVA a partir de las prevalencias de enteroparásitos en áreas urbanas y rurales de Perú mostró diferencias entre las comunidades. La prevalencia total de las comunidades urbanas fue similar que la de las rurales. Conclusiones: la enteroparasitosis en el Perú no se relaciona con el IDH. Sin embargo, los niveles de infestación por enteroparásitos variaron entre las diferentes comunidades y se relacionaron con las características bioecológicas de los parásitos.


Background: Diseases related to enteroparasites are a serious public health problem. Objective: To assess the prevalence of enteroparasites in Peru and its relationship with the Human Development Index (HDI). Material and methods: A coproparasitological study using the direct method from children and adults from the communities of Pamplona Alta in Lima, the province of San Sebastián de Quera, Castillo Grande, Pillco Marca and Puelles in Huánuco, Llupa-Huaraz in Ancash, and Machaguay in Arequipa, Peru was carried out from 2012 to 2016. Results: 864 samples were analyzed, and a total prevalence of 23.03% (199 cases) was found. The non-pathogenic protozoan Entamoeba coli, with 10.42% (90 cases), and the nematode Ascaris lumbricoides, with 6.37% (55 cases), were the most prevalent. PERMANOVA analysis based on the prevalences of enteroparasites in urban and rural areas of Peru showed differences among communities. The overall prevalence of urban communities was similar to that of rural ones. Conclusions: Enteroparasitosis in Peru are not related to HDI. However, the levels of infestation by enteroparasites varied between the different communities, and they were related to the bioecological characteristics of parasites.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Saúde Pública , Ascaris lumbricoides , Entamoeba , Coliformes , Helmintíase , Parasitos , Peru , Zona Rural , Área Urbana , Indicadores de Desenvolvimento
11.
Rev. Ciênc. Plur ; 7(2): 1-15, maio 2021. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1282541

RESUMO

Introdução:A ocorrência de quedas em pessoas idosas é considerada um problema de saúde pública, acarretando prejuízos para a saúde, mas que pode ser prevenida a partir da manutenção de um ambiente seguro. Objetivo:Identificar condições relacionadas a ocorrência de quedas e segurança do ambiente domiciliar de pessoas idosas residentes na zona rural de um município do Rio Grande do Norte. Metodologia:Foi realizada uma pesquisa-ação com uma das etapas de diagnóstico feito a partir de um estudo analítico e observacional. O estudo foi realizado com Agentes Comunitários de Saúde e idosos. Foram realizadas capacitações com os agentes para reconhecimento e identificação dos riscos ambientais de quedas nos domicílios dos idosos. Para coleta de dados, utilizou-se o questionário de avaliação ambiental e quedas da Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa. Resultados:Participaram do estudo 288 idosos, dos quais 24,7% relataram ter sofrido queda e desses, 23,9% tiveram fratura óssea. 47,9% das quedas ocorreram dentro de casa, principalmente no banheiro (42,2%). A maioria dos itens de segurança do ambiente domiciliar não estava adequado. Foram encontradas diferenças significativas entre a ocorrência de queda e a ausência de pisos uniformes e tapetes bem fixos (p<0,001), interruptores acessíveis nas entradas de cômodos (p<0,001), área do chuveiro com antiderrapante (p=0,026) e armários baixos sem necessidade do uso de escadas (p<0,001). Conclusões:A maioria das pessoas idosas vive em um ambiente que favorece a ocorrência de quedas. Enfatiza-se a necessidade de ações de prevenção de quedas e segurança domiciliar tendo em vista suas implicações na qualidade de vida dessas pessoas (AU).


Introduction:The occurrence of falls in elderly people is considered a public health problem, causing harm to health, but thiscan be prevented by maintaining a safe environment.Objective:To identify conditions related to the occurrence of falls and home environment safety of elderly people living in the rural area of a city in Rio Grande do Norte, Brazil.Methodology:We performed an action-research with one of the diagnostic stagesmade from an analytical and observational study. The study was conducted with Community Health Workers and the local elderlypopulation. Training was accomplishedwith theseworkersto recognize and identify the environmental risks of falls in the elderly's homes. In order to collect data,we used the environmental assessment and falls questionnaire from the Elderly Person's Health Booklet.Results:A total of 288 older adults participated in the study, of whom 24.7% reported having suffered a fall;and of these, 23.9% had a bone fracture. A percentage of 47.9% of falls occurred indoors, mainly in the bathroom(42.2%). Most homesafety items were not adequate.Significant differences were found between the occurrence of falls and the absence of uniform floors and well-fixed mats(p<0.001), accessible switches at the entrances of rooms (p<0.001), non-slip shower area (p=0.026) and low closetswithout the need to use stairs (p<0.001). Conclusions:Most elderly people live in an environment that favors the occurrence of falls. Fall prevention and home safety actions are necessary due totheir implications onthe quality of life of this population (AU).


Introducción: La ocorruencia de caídas em los ancianosse considera un problema de salud pública, que causa daños a la salud, pero que puede prevenirse manteniendo un entorno seguro.Objetivo: Identificar las condiciones relacionadas con la ocurrencia de caídas y la seguridad em el entorno domiciliariode los ancianos que viven em um árearural de un municipio de Rio Grande doNorte, Brasil.Metodología: Se realizó una investigación-acción con una de las etapas de diagnóstico realizada a partir de un estudio analítico y observacional. El estudio se realizócon Agentes de Salud Comunitariosy ancianos. Los agentes recibieron formación para reconocer e identificar los riesgos ambientales delascaídas en las residenciasde los ancianos. Para la recogidade datos, se utilizó el cuestionario de evaluación ambiental y caídas de la Cartillade Salud de los Ancianos.Resultados: El estudio incluyó a 288 ancianos, de los cuales el 24,7% sufrieroncaída;y, de estos,el 23,9% tuvieron fractura ósea. El 47,9% de las caídas se produjeron en un entorno interior, principalmente en el baño (el42,2%).La mayoría de los elementos de seguridad en el entorno domiciliario no eran adecuados. Se encontraron diferencias significativas entrela ocurrencia de caída y la ausencia de suelosuniformes y alfombras bien fijadas(p<0,001), interruptores accesibles en las entradas de las habitaciones (p<0,001), zonade ducha con antideslizante (p=0,026) y armarios bajos sin necesidadde utilizarescaleras (p<0,001).Conclusiones: Muchos ancianos viven en entornosque favorecen la ocurrencia de caídas. Lasacciones de prevención de caídas y de seguridad em el hoharson necessárias porsus implicaciones en la calidad de vida de esta población (AU).


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Qualidade de Vida , Acidentes por Quedas/prevenção & controle , Idoso , Riscos Ambientais , Prevenção de Acidentes/instrumentação , Brasil/epidemiologia , Distribuição de Qui-Quadrado , Zona Rural , Inquéritos e Questionários , Agentes Comunitários de Saúde , Estudos Observacionais como Assunto/métodos
12.
Rev. Bras. Saúde Mater. Infant. (Online) ; 21(1): 171-177, Jan.-Mar. 2021. tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-1250689

RESUMO

Abstract Objectives: to investigate the factors associated with continued breastfeeding (BF). Methods: All the parturients at a local maternity from July 2015 to June 2016 were invited to participate in a cohort study in Cruzeiro do Sul, Acre. Data on socioeconomic, demographic, obstetric and neonatal of the babies were obtained for the interview. Multiple Poisson regression models with robust variance were used to estimate the prevalence ratio (PR) and 95% confidence intervals (95%CI). Results: among the 1551 mothers contacted, 305 lived in the rural area, leaving 1,246 eligible mothers living in urban area. For the 1-year cohort follow-up, 74 non-twin babies were assessed. Most of the mothers reported to have mixed skin color (79%), are over 21 years old (72°%o), more than 10 years of schooling (72%>) and with unpaying job (54%). The children's age ranged from 10 to 15 months. The frequency of continued breastfeeding was 69,4%> (95%oCI=66.0-72.6). The factors negatively associated with continued breastfeeding were the use of bottle feeding (PR=1.44; CI95%> =1,33-1.56) and pacifier (PR=2.54; CI95%> =1.98-3.27), after adjusting for maternal age and socioeconomic variables. Conclusion: the frequency of continued breastfeeding in Cruzeiro do Sul was higher than the national estimates, but below the WHO recommendations for breastfeeding up to two years of age.


Resumo Objetivos: investigar frequência e fatores associados ao aleitamento materno (AM) continuado. Métodos: estudo de coorte em Cruzeiro do Sul, Acre. Na maternidade, todas as parturientes de julho de 2015 a junho de 2016 foram convidadas à participação. Dados socioeconómicos, demográficos, obstétricos e neonatais dos bebês foram obtidos por entrevista. As razões de prevalência (RP) e intervalos com 95% de confiança (IC95%) foram estimados utilizando modelos múltiplos de regressão de Poisson com variância robusta. Resultados: dentre 1551 mães contatadas, 305 residiam em área rural, sendo elegíveis 1246 mães residentes em área urbana. No seguimento de 1 ano da coorte, 774 bebês não gemelares foram avaliados. A maioria das mães referiu ser de cor parda (79%o), maior de 21 anos (72%), >10 anos de escolaridade (72%) e não exercer atividade remunerada (54%). A idade dos bebês variou de 10 a 15 meses. A frequência do AM continuado foi de 69,4%o (IC950%= 66,0-72,6). Os fatores inversamente associados ao AM continuado foram uso de mamadeira (RP= 1,44; IC95% 1,33-1,57) e chupeta (RP= 2,55; IC95%= 1,99-3,28), após ajuste por idade materna e variáveis socioeconómicas. Conclusão: a frequência de AM continuado em Cruzeiro do Sul foi superior às estimativas nacionais, porém aquém das recomendações da OMS para amamentação até dois anos de idade.


Assuntos
Humanos , Feminino , Gravidez , Recém-Nascido , Lactente , Fatores Socioeconômicos , Aleitamento Materno/estatística & dados numéricos , Saúde Materno-Infantil , Fatores de Risco , Nutrição do Lactente , Brasil/epidemiologia , Zona Rural , Estudos de Coortes , Área Urbana
14.
Rev. adm. pública (Online) ; 55(2): 459-482, mar.-abr. 2021. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-1250865

RESUMO

Abstract This research seeks to analyze the impacts of economic growth and income inequality on Brazilian states' urban and rural poverty, considering the effects of the initial levels of development and inequality. The elasticities of income and inequality of poverty were calculated through a dynamic spatial panel, using an adaptation of the approach developed by Kalwij and Verschoor (2004), and data from 2004 to 2014. Incorporating the spatial factor allows us to capture the effects of the geographical location on local poverty. The results suggest that a poverty reduction occurs more intensely when associated with reductions in the inequality levels. Income elasticities were greater (in absolute terms) in rural areas, while the inequality elasticities were greater in the urban area estimates. The growing trend of the inequality elasticity and the decreasing trend of the income elasticity suggest a positive trend of economic growth and a negative trend of poverty. Likewise, if the reduction in inequality shows a negative trend, the absolute value of poverty will decrease. Thus, a public policy to combat poverty through economic growth or reducing inequalities applied to the urban or rural environment would obtain more efficient results if applied in the long term.


Resumen La presente investigación busca analizar los impactos del crecimiento económico y la desigualdad de ingresos en la pobreza urbana y rural de los estados de Brasil, considerando los efectos de los niveles iniciales de desarrollo y desigualdad. Para ello, se calcularon las elasticidades de los ingresos y la desigualdad de la pobreza a través de un panel dinámico espacial, utilizando una adaptación del enfoque desarrollado por Kalwij y Verschoor (2004), y datos de 2004 a 2014. La incorporación del factor espacial nos permite capturar los efectos de la ubicación geográfica en la pobreza local. Los resultados encontrados sugieren que la reducción de la pobreza ocurre más intensamente cuando se asocia con reducciones de los niveles de desigualdad. Las elasticidades de la renta fueron más altas (en términos absolutos) en las áreas rurales, mientras que las elasticidades de la desigualdad fueron más altas en las estimaciones de las áreas urbanas. La tendencia creciente de elasticidad-desigualdad y la tendencia decreciente de la elasticidad ingreso encontradas sugieren que existe una tendencia positiva de crecimiento económico, donde la pobreza mostrará una tendencia negativa. Asimismo, si la reducción de la desigualdad muestra una tendencia negativa, el valor absoluto de la pobreza mostrará un comportamiento decreciente. También se concluyó que una política pública de lucha contra la pobreza mediante el crecimiento económico o la reducción de las desigualdades aplicadas al ambiente urbano o rural obtendrá resultados más eficientes si se aplica con una mayor duración.


Resumo A presente pesquisa busca analisar os impactos do crescimento econômico e da desigualdade de renda na pobreza urbana e rural dos estados do Brasil, considerando os efeitos dos níveis iniciais de desenvolvimento e desigualdade. Para tanto, as elasticidades da renda e a desigualdade da pobreza foram calculadas por meio de um painel dinâmico espacial, utilizando uma adaptação da abordagem desenvolvida por Kalwij e Verschoor (2004) e dados de 2004 a 2014. A incorporação do fator espacial permite capturar os efeitos da localização geográfica na pobreza local. Os resultados encontrados sugerem que a redução da pobreza ocorre mais intensamente quando associada a reduções nos níveis de desigualdade. As elasticidades de renda foram maiores (em termos absolutos) nas áreas rurais, enquanto as elasticidades de desigualdade foram maiores nas estimativas da área urbana. A tendência crescente da elasticidade-desigualdade e a tendência decrescente da elasticidade-renda encontradas sugerem que há uma tendência positiva do crescimento econômico, onde a pobreza apresentará uma tendência negativa. Da mesma forma, se a redução da desigualdade apresentar uma tendência negativa, o valor absoluto da pobreza apresentará um comportamento decrescente. Concluiu-se também que uma política pública de combate à pobreza por meio do crescimento econômico ou da redução das desigualdades aplicadas ao ambiente urbano ou rural obterá resultados mais eficientes se aplicada com maior duração.


Assuntos
Pobreza , Fatores Socioeconômicos , Brasil , Desenvolvimento Econômico , Zona Rural , Área Urbana , Crescimento e Desenvolvimento , Análise Espacial , Renda
15.
Multimedia | Recursos Multimídia | ID: multimedia-7956

RESUMO

No Brasil, a pandemia de COVID-19 começou nos centros urbanos e, aos poucos, foi avançando para o interior. Com o aumento do número de óbitos em municípios do interior, pesquisadores estão preocupados com a falta de políticas públicas de combate à doença, principalmente nas áreas rurais e remotas do país. Neste vídeo, a equipe COVID19 DivulgAÇÃO Científica conversa com o pesquisador Cassiano Franco, da Universidade Federal do Rio de Janeiro, que fala sobre as consequências do avanço da COVID-19 nos municípios do interior do Brasil.


Assuntos
Infecções por Coronavirus , Epidemias , Zona Rural , Política Pública , e-Acessibilidade ,
16.
Rev. enferm. UFPE on line ; 15(1): [1-16], jan. 2021. ilus, tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1247714

RESUMO

Objetivo: verificar se determinantes de saúde e hábitos estão relacionados à adesão terapêutica hemodialítica na região de Paulo Afonso-BA. Métodos: estudo observacional, transversal e analítico. Amostra de 200 pacientes adultos de ambos os sexos, de áreas rurais e urbanas da região, portadores de DRC e que faziam hemodiálise há mais de três meses. Resultados: identificou-se associação entre as pessoas que consomem/consumiam álcool e a não adesão à hemodiálise. Verificou-se que o consumo de álcool e a não adesão à hemodiálise é maior em mulheres que moram na zona urbana do que as da zona rural. Conclusões: entre os pacientes que realizam hemodiálise, há mais homens que mulheres e mais da zona urbana que rural da região de Paulo Afonso. O consumo de bebidas alcoólicas e a não adesão ao tratamento são maiores em mulheres que moram na zona urbana.(AU)


Objective: to verify if determinants of health and habits are related to hemodialysis therapeutic adherence in the region of Paulo Afonso-BA. Methods: a cross-sectional, analytical, observational study, with a sample of 200 adult patients of both sexes, from rural and urban areas of the region, with CKD and under hemodialytic treatment for longer than three months. Results: a association was identified between people who consume or consumed alcohol and non-adherence to hemodialysis. In addition, it was found that alcohol consumption and non-adherence to hemodialysis is higher in women living in urban areas than in rural areas. Conclusions: among hemodialysis patients, there are more men than women, and more urban dwellers than rural dwellers in Paulo Afonso region. Alcohol consumption and low adhesion to hemodialysis are more frequent in urban women. (AU)


Objetivo: chequear si los determinantes y hábitos sanitarios están relacionados con la adherencia al tratamiento de hemodiálisis en la región de Paulo Afonso-BA. Métodos: estudio observacional, transversal y analítico. Muestra de 200 pacientes adultos de ambos sexos, de áreas rurales y urbanas de la región, con ERC y en hemodiálisis desde hacía más de tres meses. Resultados: se identificó una asociación entre las personas que consumen/consumían alcohol y la no adherencia a la hemodiálisis. Se notó que el consumo de alcohol y la no adherencia a la hemodiálisis es mayor en las mujeres de la zona urbana que en las de la zona rural. Conclusiones: entre los pacientes en hemodiálisis, hay más hombres que mujeres y más de áreas urbanas que rurales en la región de Paulo Afonso. El consumo de bebidas alcohólicas y la falta de adherencia al tratamiento son mayores en las mujeres de la zona urbana.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adolescente , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Idoso de 80 Anos ou mais , Diálise Renal , Cooperação do Paciente , Insuficiência Renal Crônica , Determinantes Sociais da Saúde , Cooperação e Adesão ao Tratamento , Hábitos , Consumo de Bebidas Alcoólicas , Zona Rural , Estudos Transversais , Área Urbana , Gênero e Saúde
17.
Estud. Psicol. (Campinas, Online) ; 38: e190155, 2021. tab
Artigo em Inglês | LILACS, Index Psicologia - Periódicos | ID: biblio-1279063

RESUMO

The aim of this study, accordingly, is to determine the relation between creativity and theory of mind skills of children aged 5-11 (Ns:117) who continue Primary Education in rural areas and to reveal the relation between the sub-dimensions of these abilities. At the end of the study, it was found that there was a significant and positive relation between the total creativity score and the sub-dimensions of theory of mind. It was found that there was a significant and positive relation between all sub-dimensions of creativity and theory of mind. The total creativity score and the scores of the sub-dimensions of creativity (fluency, originality, and elaboration) were significant but weak predictors of theory of mind tasks.


O objetivo deste estudo é determinar a relação entre criatividade e a teoria das habilidades mentais em crianças de 5 a 11 anos (Ns: 117) que continuam cursando o ensino fundamental em áreas rurais e revelar a relação entre as subdimensões dessas habilidades. No final do estudo, verificou-se que havia uma relação significativa e positiva entre o escore total de criatividade e as subdimensões da teoria da mente dessas crianças. Verificou-se também que havia uma relação significativa e positiva entre todas as subdimensões da criatividade e da teoria da mente. O escore total de criatividade e os escores das subdimensões da criatividade (fluência, originalidade e enriquecimento) foram preditores significativos, porém fracos, das tarefas da teoria da mente.


Assuntos
Humanos , Zona Rural , Criança , Criatividade , Ensino Fundamental e Médio , Teoria da Mente
18.
Texto & contexto enferm ; 30: e20190302, 2021.
Artigo em Inglês | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1290284

RESUMO

ABSTRACT Objective: to understand the health-disease-care process of the older adult living in rural areas. Method: a qualitative research study from the perspective of Madeleine Leininger's Theory of Diversity and Universality of Cultural Care, carried out with the participation of 19 older adults living in the rural area of a municipality in southern Brazil. Data collection took place in July and August 2018 by means of semi-structured interviews and simple observation. And data analysis was performed following Laurence Bardin's Content Analysis proposal. Results: the conceptions of health and disease of the older adult living in rural areas are mainly related to the ability and inability to perform the activities of daily living and work, especially with the land and animals. We highlight the care practices of older adults living in rural areas with regard to the use of medications, food consumption and the practice of physical exercise. In addition, the notion about their health condition and the capacity for self-management and adaptation to the challenges of the health-disease-care process. Conclusion: the health-disease-care process of older adults living in rural areas is influenced by social and cultural factors of the context in which they are inserted. This suggests the planning, implementation, development, evaluation and (re)formulation of health policies, programs and actions focused on providing culturally congruent care, which encompasses more than the singularities of the rural area, in the sense of dichotomy in relation to the urban area.


RESUMEN Objetivo: comprender el proceso de salud-enfermedad-atención de ancianos residentes en zonas rurales. Método: investigación cualitativa desde la perspectiva de la Teoría de la Diversidad y Universalidad de la Atención Cultural de Madeleine Leininger, realizada con la participación de 19 ancianos en la zona rural de un municipio de la Región Sur de Brasil. Los datos se recolectaron en los meses de julio y agosto de 2018 por medio de entrevistas semiestructuradas y observación simple. El análisis de los datos se efectuó mediante la propuesta de Análisis de Contenido de Laurence Bardin. Resultados: las concepciones de salud y enfermedad de los ancianos residentes en zonas rurales están principalmente relacionadas a la capacidad e incapacidad de realizar las actividades de la vida diaria y del trabajo, especialmente, con la tierra y los animales. Las prácticas de atención a ancianos residentes en zonas rurales se destacan con respecto al uso de medicamentos, al consumo de alimentos y a la práctica de ejercicio físico; además de la noción sobre su estado de salud y de la capacidad de autogestión y adaptación frente a los desafíos del proceso de salud-enfermedad-atención. Conclusión: el proceso de salud-enfermedad-atención para los ancianos residentes en zonas rurales se ve influenciado por factores sociales y culturales del contexto en el que se encuentran. Eso sugiere planificación, implementación, desarrollo, evaluación y (re)formulación de políticas, programas y acciones de salud enfocadas en proporcionar atención culturalmente congruente, que comprenda no solamente las singularidades de la zona rural, en el sentido de la dicotomía en relación con el área urbana.


RESUMO Objetivo: compreender o processo saúde-doença-cuidado do idoso residente em área rural. Método: pesquisa qualitativa na perspectiva da Teoria da Diversidade e Universalidade do Cuidado Cultural de Madeleine Leininger, realizada com a participação de 19 idosos residentes na área rural de um município da Região Sul do Brasil. A coleta de dados se deu nos meses de julho e agosto de 2018 por meio de entrevistas semiestruturadas e observação simples. E a análise de dados, mediante a proposta de Análise de Conteúdo de Laurence Bardin. Resultados: as concepções de saúde e doença dos idosos residentes em área rural encontram-se, principalmente, relacionadas à capacidade e incapacidade de realização das atividades da vida diária e do trabalho, sobretudo, com a terra e os animais. Destacam-se as práticas de cuidado dos idosos residentes em área rural no que diz respeito ao uso de medicamentos, ao consumo de alimentos e à prática de exercícios físicos. Além, da noção sobre sua condição de saúde e da capacidade de autogestão e adaptação frente aos desafios do processo saúde-doença-cuidado. Conclusão: o processo-saúde-doença-cuidado dos idosos residentes em área rural é influenciado por fatores sociais e culturais do contexto em que estão inseridos. O que sugere o planejamento, a implementação, o desenvolvimento, a avaliação e a (re)formulação de políticas, programas e ações de saúde com foco na prestação de um cuidado culturalmente congruente, que compreenda mais do que as singularidades da área rural, no sentido da dicotomia em relação à área urbana.


Assuntos
Humanos , Idoso , Idoso de 80 Anos ou mais , População Rural , Idoso , Zona Rural , Saúde do Idoso , Enfermagem , Cultura , Pesquisa Qualitativa
19.
Physis (Rio J.) ; 31(2): e310217, 2021.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1287534

RESUMO

Resumo Este artigo apresenta um panorama sobre as percepções de homens residentes em um território rural do norte de Minas Gerais, Brasil, sobre a sua masculinidade e as interferências do trabalho na procura por serviços de saúde ofertados por uma equipe da estratégia de saúde da família. O método priorizado foi a hermenêutica-dialética com a observação participante, registros em um diário de campo e a realização de 41 entrevistas individuais. A análise dos dados evidenciou que o trabalho rural e o modelo de masculinidade hegemônica direcionam esses homens para o papel de provedor financeiro das famílias. A maioria dos trabalhadores só procura os serviços de atenção primária à saúde quando apresentam condições agudas que interferem na execução do trabalho, considerando a unidade básica de saúde como um espaço feminino. As formas como as masculinidades e os serviços de saúde se colocam nesse território suscitam sentimentos de distanciamento dos trabalhadores rurais das práticas de cuidado em saúde. Um dos grandes desafios é o desenvolvimento de ações que aproximem esse público da equipe de saúde e vice-versa, contribuindo, assim, para o acesso, o acolhimento e a vinculação dos cuidados à população masculina.


Abstract This article presents an overview of the perceptions of men living in a rural territory of northern Minas Gerais, Brazil, about their masculinity and the interferences of work in the search for health services offered by a family health strategy team. The method prioritized was hermeneutics-dialectics with participant observation, records in a field diary and 41 individual interviews. Data analysis showed that rural work and the hegemonic masculinity model direct these men to the role of financial provider of families. Most workers only seek primary health care services when they present acute conditions that interfere in the execution of work, considering the basic health unit as a female space. The ways in which masculinities and health services are placed in this territory give rise to feelings of distancing rural workers from health care practices. One of the major challenges is the development of actions that bring this public closer to the health team and vice versa, thus contributing to access, reception and linking care to the male population.


Assuntos
Humanos , Masculino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Percepção , Trabalho , Zona Rural , Saúde da População Rural , Masculinidade , Acesso aos Serviços de Saúde , Brasil , Características Culturais , Estratégia Saúde da Família , Saúde do Homem
20.
Rev. esp. med. prev. salud pública ; 26(1): 10-16, 2021. ilus, tab
Artigo em Espanhol | IBECS | ID: ibc-202448

RESUMO

OBJETIVOS: se propone un proyecto que utilice la telemedicina en el manejo obstétrico en zonas rurales de Honduras. MÉTODOS: establecer una red de telemedicina entre 8 Centros de Salud Rural y su Hospital Regional de referencia, que asesorará sobre el manejo de los embarazos de alto riesgo. Se analizarán los resultados en salud obtenidos y su impacto económico durante 24 meses mediante un enfoque de coste-efectividad. RESULTADOS: se espera que el análisis coste-efectividad del proyecto muestre una mejora de los indicadores sanitarios considerados (complicaciones obstétricas, mortalidad materna y mortalidad perinatal), junto con indicadores económicos favorables (periodo de recuperación corto, valor actual neto positivo, y tasa interna de retorno positiva). CONCLUSIONES: la implementación de una red de telemedicina en zonas rurales de Honduras tiene el potencial de ser coste-efectiva, escalarse a nivel nacional e internacional, e incluso utilizarse para cubrir necesidades de salud diferentes al manejo de embarazos de alto riesgo


OBJECTIVES: to propose a telemedicine project for the improvement of obstetric care in rural areas of Honduras. METHODS: to establish a telemedicine network between 8 Primary Care Centers and its associated Regional Hospital, which will guide them in the management of high-risk pregnancies. Health and economic outcomes will be assessed over 24 months through a cost-effectiveness approach. RESULTS: it is expected that the cost-effectiveness analysis will show an improvement in the health indicators considered (obstetric complications, maternal mortality, and perinatal mortality), as well as favourable economic indicators (a short payback period, a positive net present value, and a positive internal rate of return). CONCLUSIONS: the implementation of a telemedicine network in rural areas of Honduras has the potential of being cost-effective, scalable in national or international settings, and even of being used for health necessities other than high-risk pregnancies management


Assuntos
Humanos , Feminino , Gravidez , Telemedicina/economia , Complicações na Gravidez/prevenção & controle , Zona Rural , Avaliação de Programas e Projetos de Saúde , Atenção Primária à Saúde/economia , Análise Custo-Benefício , Gravidez de Alto Risco , Mortalidade Materna , Mortalidade Perinatal , Honduras
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...