Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 418
Filtrar
1.
Psicol. ciênc. prof ; 43: e222817, 2023. tab
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos | ID: biblio-1431127

RESUMO

No decorrer da história, sempre foram infindáveis os casos em que os sujeitos recorriam a centros espíritas ou terreiros de religiões de matrizes africanas em decorrência de problemas como doenças, desempregos ou amores mal resolvidos, com o objetivo de saná-los. Por conta disso, este artigo visa apresentar os resultados da pesquisa relacionados ao objetivo de mapear os processos de cuidado em saúde ofertados em três terreiros de umbanda de uma cidade do litoral piauiense. Para isso, utilizamos o referencial da Análise Institucional "no papel". Os participantes foram três líderes de terreiros e os respectivos praticantes/consulentes dos seus estabelecimentos religiosos. Identificamos perspectivas de cuidado que se contrapunham às racionalidades biomédicas, positivistas e cartesianas, e faziam referência ao uso de plantas medicinais, ao recebimento de rezas e passes e à consulta oracular. A partir desses resultados, podemos perceber ser cada vez mais necessário, portanto, que os povos de terreiros protagonizem a construção, implementação e avaliação das políticas públicas que lhe sejam específicas.(AU)


In history, there have always been endless cases of people turning to spiritual centers or terreiros of religions of African matrices due to problems such as illnesses, unemployment, or unresolved love affairs. Therefore, this article aims to present the research results related to the objective of mapping the health care processes offered in three Umbanda terreiros of a city on the Piauí Coast. For this, we use the Institutional Analysis reference "on Paper." The participants were three leaders of terreiros and the respective practitioners/consultants of their religious establishments. We identified perspectives of care that contrasted with biomedical, positivist, and Cartesian rationalities and referred to the use of medicinal plants, the prescript of prayers and passes, and oracular consultation. From these results, we can see that it is increasingly necessary, therefore, that the peoples of the terreiros lead the construction, implementation, and evaluation of public policies that are specific to them.(AU)


A lo largo de la historia, siempre hubo casos en los cuales las personas buscan en los centros espíritas o terreros de religiones africanas la cura para sus problemas, como enfermedades, desempleo o amoríos mal resueltos. Por este motivo, este artículo pretende presentar los resultados de la investigación con el objetivo de mapear los procesos de cuidado en salud ofrecidos en tres terreros de umbanda de una ciudad del litoral de Piauí (Brasil). Para ello, se utiliza el referencial del Análisis Institucional "en el Papel". Los participantes fueron tres líderes de terreros y los respectivos practicantes / consultivos de los establecimientos religiosos que los mismos conducían. Se identificaron perspectivas de cuidado que se contraponían a las racionalidades biomédicas, positivistas y cartesianas, y hacían referencia al uso de plantas medicinales, al recibimiento de rezos y pases y a la consulta oracular. Los resultados permiten concluir que es cada vez más necesario que los pueblos de terreros sean agentes protagónicos de la construcción, implementación y evaluación de las políticas públicas destinadas específicamente para ellos.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Religião , Medicina Tradicional Africana , Prática Clínica Baseada em Evidências , Assistência Religiosa , Permissividade , Preconceito , Psicologia , Racionalização , Religião e Medicina , Autocuidado , Ajustamento Social , Classe Social , Identificação Social , Valores Sociais , Sociedades , Fatores Socioeconômicos , Espiritualismo , Estereotipagem , Tabu , Terapêutica , Comportamento e Mecanismos Comportamentais , Negro ou Afro-Americano , Terapias Complementares , Etnicidade , Comportamento Ritualístico , Filosofia Homeopática , Lachnanthes tinctoria , Processo Saúde-Doença , Comparação Transcultural , Eficácia , Coerção , Assistência Integral à Saúde , Conhecimento , Vida , Cultura , África , Terapias Mente-Corpo , Terapias Espirituais , Cura pela Fé , Espiritualidade , Dança , Desumanização , Populações Vulneráveis , Biodiversidade , Grupos Raciais , Humanização da Assistência , Acolhimento , Estudos Populacionais em Saúde Pública , Etnologia , Inteligência Emocional , Horticultura Terapêutica , Estigma Social , Etarismo , Racismo , Violência Étnica , Escravização , Normas Sociais , Chás de Ervas , Folclore , Direitos Culturais , Etnocentrismo , Liberdade , Solidariedade , Angústia Psicológica , Empoderamento , Inclusão Social , Liberdade de Religião , Cidadania , Quilombolas , Medicina Tradicional Afro-Americana , População Africana , Profissionais de Medicina Tradicional , História , Direitos Humanos , Individualidade , Atividades de Lazer , Estilo de Vida , Magia , Cura Mental , Antropologia , Medicina Antroposófica , Grupos Minoritários , Moral , Música , Misticismo , Mitologia , Ocultismo
2.
Rev. homeopatia (São Paulo) ; 84(1): 23-30, 2023.
Artigo em Português | LILACS, HomeoIndex - Homeopatia | ID: biblio-1425549

RESUMO

Este artigo tem como objeto os pensamentos vitalistas de Hahnemann e Nietzsche analisados a partir dos conceitos de vida, saúde, doença e cura. Buscou-se traçar correspondências e explicitar as diferenças dos pensamentos envolvidos, tendo como objetivo avaliar as hipóteses de os vitalismos desses autores serem semelhantes e se poderia ser possível afirmar que a busca da "grande saúde" equivaleria à meta do tratamento homeopático. Conclui-se pela semelhança dos vitalismos e pela ampliação do ideal de cura homeopático através da busca da "grande saúde", pois contempla a liberdade de espírito ao mesmo tempo em que se compromete com a ampliação da normatividade vital do ser humano.


This article having as object the vitalist studies by Hahnemann and Nietzsche. It aimed analyzing the concepts life, health and disease in the thoughts of these authors, drawing connections and explaining the differences of thoughts involved. The study sought to assess the idea that Hahnemann's vitalism resembles Nietzsche's, and whether it is possible to say that the pursuit of "big health" would the goal of homeopathic treatment to address the "freedom of spirit" in achieving the expansion of the vital normativeness.


Assuntos
História do Século XVIII , Filosofia Homeopática , Processo Saúde-Doença , Relações Metafísicas Mente-Corpo
3.
São Paulo; s.n; 2023. 75 p.
Tese em Português | HomeoIndex - Homeopatia | ID: biblio-1444018

RESUMO

Este trabalho teve como objetivo clarear um pouco a visão sobre os miasmas e, mostrar que eles não são só uma classificação de doenças usadas para um prognóstico do paciente, mas sim ferramenta ativa e muito importante na ajuda da escolha do melhor medicamento. Os miasmas representam um modo ativo do indivíduo se defender das noxas, com o intuito de manter a sobrevivência (mesmo que as vezes os prejuízos causados pareçam severo demais). O miasma do paciente também deve combinar com o miasma preponderante do medicamento para que haja o maior grau de semelhança. Foram estudados os seguintes autores: Hahnemannn, Ghatak, Kent, Elizalde, Tétau, Prafull, Egito e Sankaran. Foram apresentados as teorias, sintomas e os medicamentos referentes aos miasmas considerados por estes autores.


The objective of this work was to clarify a little the vision about miasms and to show that they are not just a classification of diseases used for a patient's prognosis, but an active and very important tool in helping to choose the best medicine. Miasmas represent an active way for the individual to defend himself against noxas, with the aim of maintaining survival (even if sometimes the damage caused seems too severe). The patient's miasm should also match the prevailing drug miasm for the greatest degree of similarity. The following authors were studied: Hahnemannn, Ghatak, Kent, Elizalde, Tétau, Prafull, Egypt and Sankaran. Theories, symptoms and medications related to the miasms considered by these authors were presented.


Assuntos
Filosofia Homeopática , Sifilinismo em Homeopatia , Doença Crônica
4.
Rev. homeopatia (São Paulo) ; 84(1): 5-7, 2023.
Artigo em Português | HomeoIndex - Homeopatia | ID: biblio-1427799

RESUMO

Conta-se sobre uma célebre discussão no século XIX presenciada por um famoso escritor, no qual um dos interlocutores reage diante de uma provocação: ­ Meu caro, Beethoven está superado! ­ Amigo, como assim? Nós ainda mal o compreendemos, como pode estar superado? Para a hermenêutica filosófica o novo só pode ser realmente alcançado sob uma releitura atenta da tradição. Isto significa estabelecer um processo de autocompreensão, vale dizer, a compreensão da compreensão, ou seja, "compreender o modo pelo qual se compreende o mundo". O imaginário das pessoas ainda permanece no campo da especulação quando se trata da personalidade de Hahnemann: Era religioso? Quais suas origens? Quão verossímil -- ou ingênua -- é a suposição de que a sucussão surgiu da constatação empírica de que os frascos que sacolejavam em sua carruagem apresentavam vantagens medicinais? Qual seria afinal seu sistema de notação? Como tantas escolas surgiram a partir dos seus escritos canônicos? O mais intrigante, contudo, é o poder de Hahnemann de permanecer surpreendendo. Parece que ele sempre é muito diferente do que supomos ou de quem gostaríamos que fosse. O desafio aqui é superar o culto à personalidade, expor suas contradições, sem, contudo, descartar seu caráter dinâmico e inovador. Quando todas as biografias pareciam dar a obra por compreendida e assimilada ele se renova, quase nos obrigando, a, hermeneuticamente, fazê-lo falar de novo, trazendo um novo


Assuntos
Filosofia Homeopática
5.
Multimedia | Recursos Multimídia | ID: multimedia-9751

RESUMO

A Contextualização filosófica da construção do saber Homeopático por seu criador Dr. Christian Friedrich Samuel Hahnemann. Palestra com Dr. Marcelo Pustiglione


Assuntos
Pesquisa Homeopática Básica , Patogênese Homeopática , Filosofia Homeopática/história , Ética Clínica ,
6.
Multimedia | Recursos Multimídia | ID: multimedia-9756

RESUMO

Dia Nacional da Homeopatia, a Associação Paulista de Homeopatia organizou a live com o tema “Trate-se com Homeopatia”, onde foram apresentadas as bases dessa maravilhosa terapêutica no âmbito médico, odontológico e na medicina veterinária. Participaram da live: Dra. Ana Patricia Rinaldi Domiciano; Dra. Ana Regina Torro; Dra. Camila Taís Esperandio; Dra. Jussara Giorgi; Dra. Mirela Ward. Temas abordados: O que é Homeopatia Homeopatia é floral? Quem pode utilizar; Medicamento e a Homeopatia; Homeopatia pelo SUS; Tratando animais com Homeopatia; A contribuição do Cirurgião Dentista Homeopata na prática clínica.


Assuntos
Homeopatia/educação , Promoção da Saúde , Capacitação de Recursos Humanos em Saúde , Homeopatia/história , Condutas Terapêuticas/educação , Filosofia Homeopática , Diagnósticos em Homeopatia
7.
Rev. homeopatia (São Paulo) ; 83(1): 39-41, 2022.
Artigo em Português | LILACS, HomeoIndex - Homeopatia | ID: biblio-1359298

RESUMO

Escolhemos o título acima porque, como praticantes de uma atitude médico-filosófica que vê o ser humano como uma unidade e integrado ao todo, jamais conseguimos nos furtar ao diagnóstico sistêmico. É hábito do homeopata o diagnóstico em sua totalidade, das partes integradas ao todo, buscando o porquê em tudo, até em um simples artigo de um simples jornal de uma simples cidade que integra o nosso pequeno planeta, diga ele respeito ou não à homeopatia. Inicialmente a homeopatia começou incomodando as religiões, pois quando Hahnemann experimentou substâncias em humanos, observou o aparecimento de sintomas físicos e psíquicos, estes últimos eram tidos até então como instâncias da alma e portanto propriedade dos religiosos. Além de destruir o tácito acordo entre medicina e religião, onde médicos cuidavam dos males do corpo e os religiosos dos males da alma, resgatou também a unidade que é o ser. Foi a primeira prova testemunhal na medicina ocidental da comprovação dessa unidade. (AU)


Assuntos
Ciência/história , Homeopatia , Filosofia Homeopática , Indústria Farmacêutica/economia
8.
São Paulo; Propria; 2; 2021. 140 p.
Monografia em Português | LILACS, HomeoIndex - Homeopatia | ID: biblio-1178043

RESUMO

Estando a homeopatia fundamentada no modelo médico vitalista, conceitos como força vital, mente, alma, espírito, etc., referentes à natureza imaterial humana, são frequentemente citados, tornando-se indispensável sua compreensão. Fundamentado nas obras de Samuel Hahnemann, fundador da homeopatia, incluindo seus escritos menores e cartas, essa obra busca esclarecer essas concepções, no intuito de dissolver confusões doutrinárias. No referido estudo, fica claro o conceito de 'força vital instintiva e irracional', análoga à 'vis medicatrix naturae' hipocrática, formando um composto substancial com o corpo físico e de natureza distinta do espírito inteligente. Como outra entidade distinta das anteriores, Hahnemann também cita a mente, sede da alma, como 'órgãos físicos quase não-materiais, de mais alta hierarquia', atribuindo ao psiquismo humano a maior influência no binômio saúde-doença, referindo-se à moral e à ética como fatores preventivos e curativos das enfermidades que afetam a humanidade. Critica a escolástica e o excesso de especulações metafísicas, afastando-se de qualquer corrente filosófica ou religiosa, brindando-nos com conceitos espiritualistas universalistas dentro dos princípios morais e éticos, engrandecendo ainda mais sua obra e demonstrando ser um observador livre de preconceitos. Para Hahnemann, o corpo físico forma uma unidade substancial com o princípio vital, e não com a alma, sendo comandado pelo espírito inteligente que nele habita. A mente, como órgão psíquico, assume importante papel na relação entre essas entidades que compõe o ser humano. (AU)


Since homeopathy is based on the vitalist medical model, concepts such as vital force, mind, soul, spirit, etc., referring to the immaterial human nature, are frequently cited, making their understanding indispensable. Based on the works of Samuel Hahnemann, founder of homeopathy, including his minor writings and letters, this work seeks to clarify these conceptions, in order to dissolve doctrinal confusions. In this study, the concept of 'instinctive and irrational vital force', analogous to the Hippocratic 'vis medicatrix naturae', becomes clear, forming a substantial compound with the physical body and a nature distinct from the intelligent spirit. As another entity distinct from the previous ones, Hahnemann also mentions the mind, seat of the soul, as 'physical organs almost non-material, of higher hierarchy', attributing to the human psyche the greatest influence in the binomial health-disease, referring to the moral and ethics as preventive and curative factors for diseases that affect humanity. He criticizes scholasticism and the excess of metaphysical speculations, moving away from any philosophical or religious current, offering us universalistic spiritualist concepts within moral and ethical principles, further enhancing his work and demonstrating that he is a prejudice-free observer. For Hahnemann, the physical body forms a substantial unity with the vital principle, and not with the soul, being commanded by the intelligent spirit that in him dwells. The mind, as a psychic organ, assumes an important role in the relationship between these entities that make up the human being. (AU)


Assuntos
Vitalismo , Filosofia Homeopática , Processo Saúde-Doença , Homeopatia
9.
Homeopatia Méx ; 89(721): 21-26, abr.-jun. 2020.
Artigo em Espanhol | LILACS, MOSAICO - Saúde integrativa, HomeoIndex - Homeopatia | ID: biblio-1352850

RESUMO

La pregunta se pone en términos de la lógica popular: ¿por qué unos se contagian y otros no? ¿Son sólo desafortunados? O, acaso, ¿castigados por los dioses por sus pecados? La respuesta contundente a dicha pregunta la ofreció el gran microbiólogo Louis Pasteur (1822-1895), quien después de 48 años de apasionante vida de investigación e innovaciones científicas extraordinarias, concluyó: "El terreno es todo. El microbio es nada".


Assuntos
Filosofia Homeopática , Pandemias/história , COVID-19
10.
Homeopatia Méx ; 89(722): 37-39, 2020.
Artigo em Espanhol | LILACS, HomeoIndex - Homeopatia | ID: biblio-1359460

RESUMO

Después de las reflexiones expuestas en los artículos anteriores podemos hacer una síntesis que nos permita responder a preguntas concretas que todos queremos conocer para comprender el sufrimiento personal. Recordemos que todo ser viviente, como elemento de una especie que naturalmente está sometida a todos los procesos de selección para dar lo mejor o extinguirse en el tiempo, nace constitucionalmente sano, aunque incompleto y limitado. (AU)


Assuntos
Filosofia Homeopática , Doença , Doença Aguda , Doença Crônica
11.
Homeopatia Méx ; 89(723): 5-16, 2020.
Artigo em Espanhol | LILACS, HomeoIndex - Homeopatia, MOSAICO - Saúde integrativa | ID: biblio-1359475

RESUMO

Desde los orígenes de la Homeopatía y hasta la actualidad, diversos autores han pretendido modificar la enseñanza contenida en el Organon, obra cumbre de Samuel Hahnemann, lo que ha dado lugar a una gran diversidad de formas de practicarla, generando una comunidad anárquica y carente de unidad que no ha sido capaz de consolidarse en el sistema de salud de prácticamente ninguna región en el mundo. Por otro lado, es tema de preocupación el hecho de que cada paciente examinado por diferentes médicos recibiría una prescripción distinta, lo que revela falta de congruencia y unidad en la enseñanza. Una de las principales razones para que se hayan configurado las dos situaciones expresadas es la falta del estudio reflexivo y crítico del Organon, un legado irremplazable que contiene los pilares que sostienen al método para lograr la misión, la visión y los valores del arte de curar. El análisis de esta obra es esencial para lograr una comunidad más profesional, más segura y menos dividida ideológicamente, que pueda resolver con certidumbre la gran mayoría de las dudas que se presentan en la clínica diaria. Hahnemann fue un genio, un visionario cuyas ideas están siendo confirmadas en el último siglo por biólogos, químicos, médicos, físicos y físicos cuánticos de reconocido prestigio, entre las cuales se encuentran los conceptos vertidos en las obras Paradigma holográfico y El orden implícito de David Bohm, que son especialmente relevantes para explicar la teoría homeopática. Su comprensión hace que se eleve el entusiasmo y que se fortalezcan la identidad y el orgullo de ser médico homeópata. (AU)


Since the beginning of Homeopathy until today, several authors have attempted to modify the contents of Samuels Hahnemann´s Organon, this has given place to a great diversity in practice, to an anarchic homeopathic community, a lack of unity that has failed to be incorporated in the health system in any country of the world. Besides, it is worrying that every patient examinated by every doctor receives a different prescription which ultimately shows a lack of concurrence and unity in teaching. One of the main reasons for this problem is the lack of a reflective and critical reading of the Organon, which has an irreplaceable legacy with the principles that support the method, and contains the Mission, Vision and Values of the art to cure. The analysis, of this masterpiece is essential to achieve a more profesional, unified and confident homeopathic community. That means, the capacity of solving most daily clinical cases with conviction. Hahnemann was a genius, a visionary whose ideas are being confirmed by biologists, chemists, physicians, physicists, and famous quantum physicists, since this last century. David Bohm´s holografic paradigm and its theory of "The Implicated Order" are specially outstanding to explain Homoeopathy, its comprehension will ignite enthusiasm and both reinforce the identity and pride of being an Homeopathic physician


Assuntos
Filosofia Homeopática , Organon
13.
Multimedia | Recursos Multimídia | ID: multimedia-2316

RESUMO

Entrevista com o Médico Homeopata e Urologista Dr. Mauricio Freire na TV Jornal de Limeira.


Assuntos
Homeopatia , Filosofia Homeopática , Divulgação da Homeopatia , Entrevistas como Assunto
14.
Multimedia | Recursos Multimídia | ID: multimedia-2311

RESUMO

Entrevista com Dr. Marcus Zulian Teixeira. Saiba o que é e como funciona a Homeopatia. Muitas pessoas ainda tem dúvida sobre ela e as vezes tem preconceito, mas é um método muito efetivo e pode ajudar em diversos problemas de saúde.


Assuntos
Homeopatia , Filosofia Homeopática , Clínica Homeopática , Terapêutica Homeopática , Entrevistas como Assunto
15.
Multimedia | Recursos Multimídia | ID: multimedia-2312

RESUMO

O pediatra e homeopata, Moisés Chencinski, tira suas dúvidas sobre homeopatia.


Assuntos
Homeopatia , Filosofia Homeopática , Divulgação da Homeopatia
16.
Multimedia | Recursos Multimídia | ID: multimedia-2313

RESUMO

Homeopatia é uma especialidade médica de 200 anos, reconhecida pelo Conselho Federal de Medicina em 1980 e pelo Departamento Científico da Associação Médica Brasileira em 1985. "Em minhas consultas, algumas perguntas se repetem com tanta freqüência que eu optei por respondê-las aqui, de uma vez, pra quem quiser ler. Acho que nós, os médicos de forma geral, temos uma certa dificuldade de nos fazermos entender. Isso acontece em paradigmas cartesianos, tratamentos tradicionais, de forma holística, na busca do "eu maior", etc, etc.. Você entendeu ? Nem eu entenderia. Para isso, eu trago para você, agora o primeiro dicionário"homeopatês-português". Assim, espero facilitar a vida do paciente que busca entender, na homeopatia, uma forma menos agressiva e mais duradoura de "curar" suas doenças ou, pelo menos, aliviar seus sofrimentos, sem o uso de terapêuticas mais agressivas." Dr. Moisés Chensinski.


Assuntos
Homeopatia , Filosofia Homeopática , Divulgação da Homeopatia , Fundamentos da Homeopatia
17.
Multimedia | Recursos Multimídia | ID: multimedia-2315

RESUMO

Entrevistei no Salutis Dr. Ariovaldo Ribeiro Filho, médico especialista em Homeopatia e Acupuntura pelo Conselho Federal de Medicina e Associação Médica Brasileira. Ele é presidente da Associação Médica Homeopática Brasileira (AMHB) e vice-presidente da Associação Paulista de Homeopatia (APH). Autor de inúmeras obras homeopáticas, editor e proprietário da Editora Organon, Dr. Ariovaldo Ribeiro Filho falou sobre a história da Homeopatia, as diferenças em relação a Alopatia, patologias crônicas e agudas, formação dos médicos e dentistas na área etc.


Assuntos
Homeopatia , Clínica Homeopática , Filosofia Homeopática , Divulgação da Homeopatia , Entrevistas como Assunto
18.
Multimedia | Recursos Multimídia | ID: multimedia-2308

RESUMO

Documentário elaborado pelo IHB - Instituto Hahnemanniano do Brasil.


Assuntos
Homeopatia , Filosofia Homeopática , História da Homeopatia
19.
Multimedia | Recursos Multimídia | ID: multimedia-2309

RESUMO

Documentário elaborado pelo IHB - Instituto Hahnemanniano do Brasil.


Assuntos
Homeopatia , Filosofia Homeopática , História da Homeopatia
20.
Multimedia | Recursos Multimídia | ID: multimedia-2310

RESUMO

Documentário elaborado pelo IHB - Instituto Hahnemanniano do Brasil.


Assuntos
Homeopatia , Filosofia Homeopática , História da Homeopatia
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...