Your browser doesn't support javascript.
loading
Avaliação do comportamento sexual entre jovens e adolescentes de escolas públicas / Assessment of sexual behavior among youth and adolescents of public schools / Evaluación del comportamiento sexual entre jóvenes y adolescentes de escuelas públicas
Soares, Leonardo Ribeiro; Cabero, Flávia Vidal; Souto, Thays Garcia Souto; Coelho, Rui Flávio de Souza; Lacerda, Luciene Cunha Monteiro; Matão, Maria Eliane Liégio.
Afiliação
  • Soares, Leonardo Ribeiro; Universidade Federal de Goiás. Goiânia. Brasil
  • Cabero, Flávia Vidal; Universidade Federal de Goiás. Goiânia. Brasil
  • Souto, Thays Garcia Souto; Pontifícia Universidade Católica de Goiás. Goiânia. Brasil
  • Coelho, Rui Flávio de Souza; Pontifícia Universidade Católica de Goiás. Departamento de Enfermagem. Goiânia. Brasil
  • Lacerda, Luciene Cunha Monteiro; Pontifícia Universidade Católica de Goiás. Departamento de Enfermagem e Fisioterapia. Goiânia. Brasil
  • Matão, Maria Eliane Liégio; Pontifícia Universidade Católica de Goiás. Departamento de Enfermagem e Fisioterapia. Goiânia. Brasil
Adolesc. Saúde (Online) ; 12(2): 76-84, abr.-jun. 2015. tab
Article em Pt | Adolecbr | ID: abr-503
Biblioteca responsável: BR1178.1
RESUMO

OBJETIVO:

Investigar o comportamento sexual entre adolescentes e jovens de 15 a 24 anos.

MÉTODOS:

Trata-se de estudo descritivo, epidemiológico e transversal, com 210 escolares da Rede Pública Estadual de Ensino da Região Oeste de Goiânia, a partir de questionário anônimo e autoaplicável. Pesquisa aprovada pelo Comitê de Ética em Pesquisa do Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Goiás. Foi realizada análise descritiva por meio de distribuição de frequências.

RESULTADOS:

Quanto à iniciação sexual, 49% dos jovens se declararam sexualmente ativos, cuja idade da primeira relação foi entre os 10 e 14 anos para 50% dos escolares. Embora 95% conhecessem a proteção conferida pelo uso do preservativo, 68% declararam fazer uso inconsistente e apenas 32% declararam usá-lo sempre.

CONCLUSÃO:

No que se referia ao comportamento sexual, evidenciou-se comportamentos de risco para DST/AIDS entre os escolares de ambos os sexos, tais como alta prevalência de início sexual precoce, multiplicidade de parceiros durante toda vida, práticas de sexo oral e anal, uso do álcool antes das relações sexuais e não uso de preservativo(AU)
ABSTRACT

OBJECTIVE:

Investigate sexual behavior among adolescents and young people aged 15 to 24 years.

METHODS:

This is a descriptive, epidemiological and transversal study, involving 210 students from the State Public Education Schools of the Western Region of Goiânia, using an anonymous and self-administered questionnaire. This research was approved by the Research Ethics Committee of the Hospital of the Federal University of Goiás. A descriptive analysis was performed by means of frequency distribution.

RESULTS:

As for sexual initiation, 49% of those involved reported being sexually active; 50% of the students informed having had their first intercourse when aged between 10 and 14 years. Although 95% were familiar with the protection given by the use of condom, 68% reported its inconsistent use and only 32% declared always using it.

CONCLUSION:

In what refers to sexual behavior, it was evident that among students of both sexes there were behaviors of risk for HIV / AIDS, such as high prevalence of early sexual initiation, multiple partners throughout life, practice of oral and anal sex, use of alcohol before sexual relations and non use of condoms(AU)
RESUMEN

OBJETIVO:

Investigar el comportamiento sexual entre adolescentes y jóvenes de 15 a 24 años.

MÉTODOS:

Se trata de estudio descriptivo, epidemiológico y transversal, con 210 escolares de la Red Pública Estadual de Enseñanza de la Región Oeste de Goiânia, a partir de cuestionario anónimo y auto aplicable. Pesquisa aprobada por el Comité de Ética en Pesquisa del Hospital de las Clínicas de la Universidad Federal de Goiás. Fue realizado análisis descriptivo por medio de distribución de frecuencias.

RESULTADOS:

Sobre la iniciación sexual, 49% de los jóvenes se declararon sexualmente activos, cuya edad de primera relación fue entre los 10 y 14 años para el 50% de los escolares. Aunque el 95% conocieran la protección confirmada por el uso del preservativo, 68% declararon hacer uso inconsistente y apenas 32% declararon usarlo siempre.

CONCLUSIÓN:

En lo que se refería al comportamiento sexual, se evidenció comportamientos de riesgo para EST/SIDA entre los escolares de ambos sexos, tales como alta prevalencia de inicio sexual precoz, multiplicidad de compañeros durante toda la vida, prácticas de sexo oral y anal, uso del alcohol antes de las relaciones sexuales y no uso de preservativo(AU)
Assuntos
Palavras-chave
Texto completo: 1 Base de dados: Adolecbr Assunto principal: Infecções Sexualmente Transmissíveis / Adolescente / Síndrome da Imunodeficiência Adquirida / Adulto Jovem Limite: Adolescent / Female / Humans / Male Idioma: Pt Revista: Adolesc. Saúde (Online) Ano de publicação: 2015 Tipo de documento: Article
Texto completo: 1 Base de dados: Adolecbr Assunto principal: Infecções Sexualmente Transmissíveis / Adolescente / Síndrome da Imunodeficiência Adquirida / Adulto Jovem Limite: Adolescent / Female / Humans / Male Idioma: Pt Revista: Adolesc. Saúde (Online) Ano de publicação: 2015 Tipo de documento: Article
...