Your browser doesn't support javascript.
CAST instrument in epidemiological surveys: Results presentation in comparison to the WHO criteria / Uso do instrumento CAST em levantamentos epidemiológicos: apresentação dos resultados em comparação ao critério da OMS
Ciênc. Saúde Colet ; 24(9): 3529-3537, set. 2019. tab, graf
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1019677
Biblioteca responsável: BR1.1
RESUMO
Resumo O CAST (Caries Assessment Spectrum and Treatment) é um instrumento desenvolvido para a detecção de cárie a ser utilizado em levantamentos epidemiológicos. Foi validado e tem se mostrado efetivo, fornecendo um diagnóstico mais preciso do estado de saúde bucal do que o critério OMS, recomendado pela Organização Mundial da Saúde. O objetivo deste artigo é comparar a apresentação dos resultados de cárie dentária utilizando o instrumento CAST e o critério OMS, numa mesma população. Foram avaliados por dois examinadores treinados na utilização do instrumento CAST 680 escolares de 6 a 8 anos do Distrito Federal, Brasil. A avaliação constou do índice de placa visível (IPV) e do índice de sangramento gengival (ISG). Os escores CAST dente foram convertidos em componentes ceo/CPO e calculados os ceod/CPOD. Os pais responderam a um questionário sociodemográfico. A idade média foi 7,45 anos (± 0,91). A prevalência de cárie na dentição decídua foi de 65,44% e 61,61%, considerando o CAST e o critério da OMS, respectivamente; na dentição permanente: 38,19% e 10,2%, respectivamente. A média do ceod foi de 2.4 (± 2.7) e a média do CPOD 0.16 (± 0.53). o IPV foi associado a maiores CAST máximos p < 0,005. O instrumento CAST demonstrou maior sensibilidade em identificar a presença e gravidade de lesões cariosas quando comparado ao critério OMS.
ABSTRACT
Abstract Caries Assessment Spectrum and Treatment (CAST) is an instrument developed for caries detection to be used in epidemiological surveys; it has been validated and is believed to provide a clearer picture of the oral health status than the criteria provided by the World Health Organization (WHO). This article aims to compare the epidemiological survey results using the CAST instrument and the WHO criteria in the same population. 680 schoolchildren aged 6-8 years from Federal District, Brazil, were evaluated by two examiners trained to use the CAST. The visible plaque index (VPI) and gingival bleeding index (GBI) were also evaluated. The maximum CAST codes per tooth were converted into the dmf/DMF, the mean scores for primary and permanent dentition were calculated. The mean age was 7.45(± 0.91) years. The prevalence of caries differed when CAST and the WHO criteria were applied. In the primary dentition, it was 65.44% and 61.61%, and for the permanent dentition, 38.19% and 10.2%, respectively. It was possible to calculate the mean dmft [2.4(± 2.7)] and the DMFT [0.16(± 0.53)] using CAST. VPI was associated with higher maximum CAST scores p < 0,005. The way CAST results are presented showed a higher sensibility to identify the presence and severity of carious lesions in comparison to the WHO criteria.

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Aspecto clínico: Diagnóstico Idioma: Português Revista: Ciênc. Saúde Colet Assunto da revista: Saúde Pública Ano de publicação: 2019 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil / Estados Unidos Instituição/País de afiliação: Universidade de Brasília/BR / University of Florida/US