Your browser doesn't support javascript.
loading
Óbices da governança pública e sua influência sobre a atenção à saúde bucal no Estado de Santa Catarina, Brasil / Obstacles to public governance and their influence on oral healthcare in the state of Santa Catarina, Brazil / Obstáculos de la gobernanza pública y su influencia sobre la atención en la salud bucal en el estado de Santa Catarina, Brasil
Godoi, Heloisa; Castro, Renata Goulart; Santos, José Luís Guedes dos; Moyses, Samuel Jorge; Mello, Ana Lúcia Schaefer Ferreira de.
Afiliação
  • Godoi, Heloisa; Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis. BR
  • Castro, Renata Goulart; Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis. BR
  • Santos, José Luís Guedes dos; Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis. BR
  • Moyses, Samuel Jorge; Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Curitiba. BR
  • Mello, Ana Lúcia Schaefer Ferreira de; Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis. BR
Cad. Saúde Pública (Online) ; 36(11): e00184719, 2020. graf
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS, Sec. Est. Saúde SP | ID: biblio-1132842
Biblioteca responsável: BR1.1
RESUMO
Resumo Objetivou-se analisar a governança pública empreendida na rede regionalizada de atenção à saúde em Santa Catarina, Brasil, e sua influência sobre a tomada de decisão quanto à estruturação da atenção à saúde bucal. Estudo exploratório-analítico, com abordagem qualitativa e sustentação metodológica na Teoria Fundamentada nos Dados. Realizaram-se 30 entrevistas em profundidade com gestores das Comissões Intergestores Regional (CIR) e Bipartite (CIB), da Secretaria Estadual de Saúde, representantes do Conselho Estadual de Saúde e gestores de serviços especializados em saúde bucal, em dois grupos amostrais, além de observação não participante em reuniões da CIB. Após análise comparativa dos dados, formulou-se o modelo teórico cuja categorial central foi expressa sob título Influência das Falhas da Governança sobre a Rede de Atenção à Saúde Bucal A Expansão Errante de Serviços por Indução Vertical e Ratificação do Caráter Periférico Dado à Saúde Bucal. A governança empreendida no sistema de saúde catarinense apresenta estruturas formais e de apoio bem estabelecidas, como a consolidação das CIR. No entanto, identificaram-se fragilidades as quais revelam problemas na legitimidade do sistema de governança. Perpetua-se a posição periférica dada à estruturação da atenção à saúde bucal em rede e à expansão errante dos serviços, caracterizada por indução vertical e sem o reconhecimento contextualizado dos agravos em saúde bucal como guia para o planejamento dos serviços. Há a necessidade de maior conscientização pública e inclusão de profissionais e gestores com espírito de advocacy para propugnar um novo protagonismo da atenção à saúde bucal nas políticas públicas de saúde.
ABSTRACT
Abstract The study aimed to analyze public governance in the regionalized healthcare network in the state of Santa Catarina, Brazil, and its influence on decision-making in the organization of oral healthcare. This was an exploratory analytical study with a qualitative approach, with the methodology based on Grounded Theory. Thirty in-depth interviews were held with managers from the Regional Inter-Managers Commissions and Bipartite Commissions (CIR and CIB, respectively, in Portuguese), under the State Health Department, representatives from the State Health Councils, and administrators of specialized oral healthcare services, in two sample groups, in addition to non-participant observation in CIB meetings. After comparative data analysis, the theoretical model was formulated in which the central category was expressed in the title Influence of Failures in Governance on the Oral Healthcare Network The Erratic Expansion of Services by Vertical Induction and Confirmation of the Peripheral Status Assigned to Oral Health. The governance practiced in the Santa Catarina State Health System displays well-established formal support structures, such as the consolidation of the CIR. However, weaknesses were identified that reveal problems in the governance systems' legitimacy. The situation perpetuates the peripheral status assigned to the structuring of oral healthcare in network format and the erratic expansion of services, characterized by vertical induction and without contextualized recognition of oral health problems as guidance for planning the services. There is a need for greater public awareness and the inclusion of professionals and managers that can advocate for the importance of oral health as a major priority in public health policies.
RESUMEN
Resumen El objetivo del trabajo fue analizar la gobernanza pública emprendida en la red regionalizada de atención en salud en Santa Catarina, Brasil, y su influencia sobre la toma de decisiones respecto a la estructuración de la atención en la salud bucal. Se trata de un estudio exploratorio-analítico, con enfoque cualitativo, y apoyado metodológicamente en la Teoría Fundamentada en Datos. Se realizaron 30 entrevistas en profundidad, con gestores de las Comisiones Intergestoras Regional (CIR) y Bipartita (CIB), de la Secretaría Provincial de Salud, representantes del Consejo Provincial de Salud y gestores de servicios especializados en salud bucal, en dos grupos de muestras; además de la observación no participante en reuniones de la CIB. Tras el análisis comparativo de los datos, se formuló un modelo teórico, cuya categoría central se expresó bajo el título Influencia de los Fallos de la Gobernanza sobre la Red de Atención en Salud Bucal La Expansión Errante de Servicios por Inducción Vertical y Ratificación del Carácter Periférico Otorgado a la Salud Bucal. La gobernanza emprendida en el sistema de salud catarinense presenta estructuras formales y de apoyo bien establecidas, como la consolidación de las CIR. No obstante, se identificaron fragilidades, que revelan problemas en la legitimidad del sistema de gobernanza. Se perpetúa su posición periférica, debido a la estructuración en red de la atención en salud bucal y la expansión errante de sus servicios, caracterizada por la inducción vertical, y sin el reconocimiento contextualizado de los problemas en salud bucal, como guía para la planificación de los servicios. Existe la necesidad de una mayor concienciación pública, así como la inclusión de profesionales y gestores con espíritu de advocacy para que propugnen un nuevo protagonismo de la atención en salud bucal dentro de las políticas públicas de salud.

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados nacionais / Brasil Base de dados: LILACS / Sec. Est. Saúde SP Tipo de estudo: Estudo prognóstico / Pesquisa qualitativa País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Revista: Cad. Saúde Pública (Online) Ano de publicação: 2020 Tipo de documento: Artigo Instituição/País de afiliação: Pontifícia Universidade Católica do Paraná/BR / Universidade Federal de Santa Catarina/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS


Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados nacionais / Brasil Base de dados: LILACS / Sec. Est. Saúde SP Tipo de estudo: Estudo prognóstico / Pesquisa qualitativa País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Revista: Cad. Saúde Pública (Online) Ano de publicação: 2020 Tipo de documento: Artigo Instituição/País de afiliação: Pontifícia Universidade Católica do Paraná/BR / Universidade Federal de Santa Catarina/BR
...