Your browser doesn't support javascript.
loading
Intervenção educacional em equipes do Programa de Saúde da Família para promoção da amamentação / Educational intervention on breastfeeding promotion to the Family Health Program team
Caldeira, Antônio Prates; Fagundes, Gizele Carmem; Aguiar, Gabriel Nobre de.
Afiliação
  • Caldeira, Antônio Prates; Universidade Estadual de Montes Claros. Centro de Ciências Biológicas e da Saúde. Departamento de Saúde da Mulher e da Criança. Montes Claros. Brasil
  • Fagundes, Gizele Carmem; Universidade Estadual de Montes Claros. Centro de Ciências Biológicas e da Saúde. Departamento de Saúde da Mulher e da Criança. Montes Claros. Brasil
  • Aguiar, Gabriel Nobre de; Universidade Estadual de Montes Claros. Centro de Ciências Biológicas e da Saúde. Departamento de Saúde da Mulher e da Criança. Montes Claros. Brasil
Rev. saúde pública ; 42(6): 1027-1033, dez. 2008. tab, graf
Artigo em Português | LILACS-Express | CidSaúde - Cidades saudáveis | ID: cid-59289
Biblioteca responsável: BR67.1
Localização: BR67.1
ABSTRACT

OBJETIVO:

A iniciativa Unidade Básica Amiga da Amamentação representa um conjunto de atividades educativas dirigidas às unidades básicas de saúde. O objetivo do estudo foi avaliar a efetividade desta estratégia de promoção do aleitamento materno dirigida às equipes do Programa de Saúde da Família.

MÉTODOS:

Conduziu-se um estudo de intervenção controlado com 20 equipes do Programa de Saúde da Família, selecionadas aleatoriamente em Montes Claros (MG) em 2006. O grupo sob intervenção realizou programa de treinamento específico de 24 horas para a promoção do aleitamento materno segundo a "Iniciativa Hospital Amigo da Criança". Enfatizou-se a assistência do profissional de saúde no suporte à amamentação e no manejo dos principais problemas da lactação. O grupo controle recebeu orientações habituais sobre aleitamento materno. As mães de todas as crianças menores de dois anos de idade assistidas pelas equipes foram entrevistadas antes (n=1.423) e 12 meses após a intervenção (n=1.491) e responderam questões sobre a prática da amamentação. Curvas de sobrevida do aleitamento materno foram construídas e comparadas para os dois momentos por meio do teste log rank.

RESULTADOS:

Houve aumento significativo no aleitamento materno exclusivo após atividades educativas voltadas às equipes de Saúde da Família.As curvas de sobrevidas para o aleitamento materno exclusivo no primeiro momento não mostraram diferença estatísticamente significativa entre mães assistidas por ambos os grupos (p=0,502). Após a intervenção, as curvas de sobrevida para o aleitamento materno exclusivo mostraram-se significativamente diferentes (p=0,001).

CONCLUSÕES:

O treinamento das equipes de Saúde da Família da forma como propõe a Iniciativa Unidade Básica Amiga da Amamentação mostrou ser uma estratégia efetiva e de baixo custo para sensibilizar esses profissionais, uniformizando as informações e assegurando o apoio necessário para as mães com dificuldades para amamentarem seus filhos.(AU)
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados temática Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Aleitamento Materno / Educação em Saúde / 36397 / Mão de Obra em Saúde / Promoção da Saúde Tipo de estudo: Ensaio clínico controlado Idioma: Português Revista: Rev. saúde pública Ano de publicação: 2008 Tipo de documento: Artigo / Documento de projeto Instituição/País de afiliação: Universidade Estadual de Montes Claros/Brasil
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados temática Base de dados: CidSaúde - Cidades saudáveis Assunto principal: Aleitamento Materno / Educação em Saúde / 36397 / Mão de Obra em Saúde / Promoção da Saúde Tipo de estudo: Ensaio clínico controlado Idioma: Português Revista: Rev. saúde pública Ano de publicação: 2008 Tipo de documento: Artigo / Documento de projeto Instituição/País de afiliação: Universidade Estadual de Montes Claros/Brasil
...