Your browser doesn't support javascript.
Estudo sobre as características de usuários de drogas injetáveis que buscam atendimento em Porto Alegre, RS / A study on the characteristics of intravenous drug users who seek tratment in the city of Porto Alegre, Brazil
Rev. bras. psiquiatr ; 22(4): 164-71, dez. 2000. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-296494
Biblioteca responsável: BR396.3
RESUMO

INTRODUÇÃO:

O estudo descreve uma amostra de usuáriosde droga injetável (UDI) que buscam atendimento na cidade de Porto Alegre, a fim de conhecer melhor os métodos de exposição ao vírus HIV, gerando hipóteses para estudos futuros e diretrizes para programas preventivos.

MÉTODOS:

Foram entrevistados 142 UDI, utilizando uma entrevista estruturada para levantamento de fatores de risco. Foram entrevistaos 142 UDI, utilizando-se como desfechos de interesse o status sorológico e as características do uo de drogas, tais como frequência e tipo de droga utilizada.

RESULTADOS:

97 por cento dos indivíduos havia injetado cocaína (8,6 dias do mês, 9,3 vezes por dia) e usado álcool e maconha no mês prévio à entrevista; apenas 44 apresentavam testes HIV (54,5 por cento soropositivos). Quase 90 por cento haviam recebido aconselhamento ara HIV, porém a mudança de condutas aconteceu somente numa parcela dos casos, sem informação adequada sobre limpeza de seringas; 53 por cento dos indivíduos relataram compartilhamento de equipamento prévio à coleta de dados, utilizando 16,2 vezes a mesma seringa. Os entrevistados eram sexualmente ativos e predominantemnte heterossexuais, com uma média de sete relações por mês; 44 por cento não usou camisinha nas relações sexuais e 48 por cento afirmou ter utilizado pelo menos álcool antes ou durante as relações.

CONCLUSÕES:

Os achados sugerem que o aconselhamento é importante para modificar hábitos dos UDI mas não contempla necessidades de usuários recreacionais. A limpeza de seringas é infrequente, talvez produto de pouca informação sobre práticas de risco. Os UDI são sexualmente ativos, heterossexuais e na maioria têm poucos parceiros, o que pode justificar o baixo uso de preservativos nessa amostra. É possível que o uso frequente de drogas antes ou durante as relações contribua para tal fato.
Assuntos

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Síndrome de Imunodeficiência Adquirida / HIV / Transtornos Relacionados ao Uso de Substâncias Aspecto clínico: Etiologia / Prognóstico Limite: Feminino / Humanos / Masculino País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Revista: Rev. bras. psiquiatr Ano de publicação: 2000 Tipo de documento: Artigo