Your browser doesn't support javascript.
loading
Desregulación y equidad: el proceso de reconversión de Obras Sociales en Argentina / Deregulation and equity: the Obras Sociales reconversion process in Argentina
Findling, Liliana; Arrunada, Maria; Klimovsky, Ezequiel.
Afiliação
  • Findling, Liliana; Universidad de Buenos Aires. Facultad de Ciencias Sociales. Instituto Gino Germani. AR
  • Arrunada, Maria; Universidad de Buenos Aires. Facultad de Ciencias Sociales. Instituto Gino Germani. AR
  • Klimovsky, Ezequiel; Universidad de Buenos Aires. Facultad de Ciencias Sociales. Instituto Gino Germani. AR
Cad. saúde pública ; 18(4): 1077-1086, jul.-ago. 2002.
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-330954
Biblioteca responsável: BR526.1
RESUMO
The health care services managed by trade unions and known as "Obras Sociales" form the groundwork for Argentina's Social Security and Health system. However, far from taking an equitable approach, these institutions highlight the country's prevailing income disparities, which in turn lead to major differences in access to care. The main focus of this study was the reformulation of social security health policies within the framework of deregulation from 1998 to 2000, analyzing the effects on availability of health care services from an equity perspective. The methodology used two related analytical levels (1) a macro level viewing the process from the various players' strategies and (2) a micro level featuring the changes within a well-known trade union social security organization during its reconversion process, emphasizing its institutional scope and the opinions of its membership. The results thus pointed to the slow implementation of reforms initiated by the public sector, hindered by constant negotiations among the main corporate actors seeking to serve their particular interests, along with increased inequity and fragmentation due to the limited opening of free choice by members.
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Contexto em Saúde: Agenda de Saúde Sustentável para as Américas / ODS3 - Saúde e Bem-Estar Tema em saúde: Objetivo 1: Acesso equitativo aos serviços de saúde / Objetivo 11 Desigualdades e iniquidades na saúde / Meta 3.8 Atingir a cobertura universal de saúde Base de dados: LILACS Assunto principal: Justiça Social / Previdência Social / Serviço Social / Reforma dos Serviços de Saúde / Acesso aos Serviços de Saúde Limite: Humanos País/Região como assunto: América do Sul / Argentina Idioma: Espanhol Revista: Cad. saúde pública Assunto da revista: Saúde Pública / Toxicologia Ano de publicação: 2002 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Argentina Instituição/País de afiliação: Universidad de Buenos Aires/AR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Contexto em Saúde: Agenda de Saúde Sustentável para as Américas / ODS3 - Saúde e Bem-Estar Tema em saúde: Objetivo 1: Acesso equitativo aos serviços de saúde / Objetivo 11 Desigualdades e iniquidades na saúde / Meta 3.8 Atingir a cobertura universal de saúde Base de dados: LILACS Assunto principal: Justiça Social / Previdência Social / Serviço Social / Reforma dos Serviços de Saúde / Acesso aos Serviços de Saúde Limite: Humanos País/Região como assunto: América do Sul / Argentina Idioma: Espanhol Revista: Cad. saúde pública Assunto da revista: Saúde Pública / Toxicologia Ano de publicação: 2002 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Argentina Instituição/País de afiliação: Universidad de Buenos Aires/AR
...