Your browser doesn't support javascript.
loading
Revascularização miocárdica por minitoracotomia esquerda: série de casos / Left mini-thoracotomy off-pump coronary revascularization
Gauze, Theófilo; Rosa, Flávio de Almeida; Salvi Júnior, Waldir Ferreira de; Tamazato, Elzio.
Afiliação
  • Gauze, Theófilo; SBCCV. São Paulo. BR
  • Rosa, Flávio de Almeida; s.af
  • Salvi Júnior, Waldir Ferreira de; SBC. Rio de Janeiro. BR
  • Tamazato, Elzio; SBC. Rio de Janeiro. BR
Rev. bras. cir. cardiovasc ; 22(1): 111-115, jan.-mar. 2007. ilus
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-454635
Biblioteca responsável: BR44.1
RESUMO

OBJETIVO:

A reestenose é uma das complicações freqüentes das angioplastias. Estudos demonstraram superioridade da anastomose de Artéria Torácica Interna Esquerda (ATIE) para Coronária Interventricular Anterior (DA). Discute-se a indicação, técnica operatória e resultados da Revascularização do Miocárdio por Minitoracotomia Esquerda (MTE) sem extracorpórea.

MÉTODO:

Foram operados 18 pacientes (três mulheres), idade de 56,6±9,2 anos, com "shunt" intracoronário, para anastomose da ATIE para DA (14 casos) ou Diagonal (DI) e DA (4 homens). Exposição e estabilização foram obtidas com dispositivo Access (CardioThoracicSystems®). O enxerto foi dissecado esqueletizado e anastomosado com fio único de polipropileno 7-0.

RESULTADOS:

Não ocorreu óbito, conversão para esternotomia, transfusões ou alterações enzimáticas. As altas hospitalares ocorreram entre 3 e 5 dias e todos os pacientes retomaram suas atividades em até 20 dias. Houve uma reinternação por oclusão do enxerto, tratada com angioplastia, e outra por infecção incisional. Seis pacientes reestudados voluntariamente apresentaram angiografia com enxertos pérvios.

CONCLUSÃO:

A abordagem mostrou-se segura e sem obstáculos técnicos. Houve tempo de hospitalização curto e baixa morbidade, sem uso de hemoderivados. O instrumental apropriado e, casualmente, a aptidão manual esquerda do cirurgião facilitaram a técnica. Estudos randomizados poderão demonstrar se há benefício econômico e/ou clínico, no longo prazo, desta abordagem como tratamento preferencial.
ABSTRACT

OBJECTIVES:

Stent restenosis is a common complication in angioplasty. Studies have shown better outcomes when the left internal thoracic artery (LITA) is anastomosed to the left anterior descending artery (LAD). Patient selection, operative technique and results for off-pump left mini-thoracotomy (LME) coronary surgery, as a pilot study, are presented.

METHODS:

Eighteen patients (three women) with a mean age of 56.6 ± 9.2 were operated on through a 9-14 cm LME to perform off-pump LITA to LAD anastomoses (14 patients) or diagonalis (DI) and LAD sequential anastomoses (4 men). The grafts were skeletonized during dissection and anastomoses were performed using 7-0 polypropylene running sutures. An access device (CardioThoracic Systems®) allowed approach and coronary stabilization.

RESULTS:

There were no deaths, conversion to sternotomy, transfusions or high enzyme levels. All patients were released from hospital on the 3rd to 5th postoperative days and returned to their day-to-day activities within 30 days. One woman was readmitted for angina, presented with graft occlusion, and a stent was implanted and one man was readmitted for wound infection. Future angiography was performed on six patients and showed patent grafts.

CONCLUSION:

The operation was performed with low morbid-mortality, short hospital stays and without transfusions. Appropriate instruments and the ability of the surgeon to use his left hand, made this operation technically easy. Randomized studies may prove if there are sufficient clinical and economic benefits over the long term to make this surgery the first choice.
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Tórax / Artéria Torácica Interna / Revascularização Miocárdica Limite: Humanos Idioma: Português Revista: Rev. bras. cir. cardiovasc Assunto da revista: Cardiologia / CIRURGIA GERAL Ano de publicação: 2007 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: SBC/BR / SBCCV/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Tórax / Artéria Torácica Interna / Revascularização Miocárdica Limite: Humanos Idioma: Português Revista: Rev. bras. cir. cardiovasc Assunto da revista: Cardiologia / CIRURGIA GERAL Ano de publicação: 2007 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: SBC/BR / SBCCV/BR
...