Your browser doesn't support javascript.
loading
Main diseases of pejerrey (Odontesthes bonariensis) in central Argentina
Mancini, M; Rodriguez, C; Prosperi, C; Salinas, , V; Bucco, C.
Afiliação
  • Mancini, M; Universidad Nacional de Río Cuarto. Facultad de Agronomía y Veterinaria. Río Cuarto. AR
  • Rodriguez, C; Universidad Nacional de Río Cuarto. Facultad de Agronomía y Veterinaria. Río Cuarto. AR
  • Prosperi, C; Universidad Nacional de Córdoba. Facultad de Ciencias Exactas, Físicas y Naturales. Córdoba. AR
  • Salinas, , V; Universidad Nacional de Río Cuarto. Facultad de Agronomía y Veterinaria. Río Cuarto. AR
  • Bucco, C; s.af
Pesqui. vet. bras ; 26(4): 205-210, out.-dez. 2006. ilus, tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-456881
Biblioteca responsável: BR68.1
ABSTRACT
Argentina's central region includes an important area covered by shallow pampean lakes and dams. In these environments, fishing of pejerrey Odontesthes bonariensis Valenciennes, 1835 (Pisces, Atherinopsidae), the most important fresh-water fish of the country, is a relevant social activity and also a considerable economic resource. The main diseases found in this species were studied from 1992 to 2003 in the provinces of Córdoba, La Rioja and Santa Fe (30º and 35º S, 61º and 67º W). Most cases were registered in high temperature months. Lernaea sp and Aeromonas hydrophila were the etiological agents most frequently found. The trophic characteristics of the aquatic environments enhanced disease processes and caused massive death of O. bonariensis, due to complex hydrochemical interactions.
RESUMO
A região central de Argentina possui uma importante superfície coberta por represas e lagunas pampianas. Nestes ambientes, a pesca do peixe-rei Odontesthes bonariensis Valenciennes, 1835 (Pisces, Atherinopsidae), peixe de água doce mais importante do país, é uma atividade social relevante e de significado valor econômico. Estudaram-se as principais enfermidades que afetaram esta espécie de peixe no período de 1992-2003, nas províncias de Córdoba, La Rioja e Santa Fe (30 e 35ºS, 61 e 67ºW). A maior quantidade de casos foi registrada nos meses de temperaturas elevadas. Lernaea sp e Aeromonas hydrophila foram os agentes etiológicos mais importantes. As características tróficas particulares dos ambientes aquáticos estudados foram importantes por potenciarem alguns casos, mas em outros a causa da mortandade dos peixes esteve relacionada a complexas interações hidroquímicas.
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Doenças dos Peixes País/Região como assunto: América do Sul / Argentina Idioma: Inglês Revista: Pesqui. vet. bras Assunto da revista: Medicina Veterinária Ano de publicação: 2006 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Argentina Instituição/País de afiliação: Universidad Nacional de Córdoba/AR / Universidad Nacional de Río Cuarto/AR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Doenças dos Peixes País/Região como assunto: América do Sul / Argentina Idioma: Inglês Revista: Pesqui. vet. bras Assunto da revista: Medicina Veterinária Ano de publicação: 2006 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Argentina Instituição/País de afiliação: Universidad Nacional de Córdoba/AR / Universidad Nacional de Río Cuarto/AR
...