Your browser doesn't support javascript.
loading
Condições clínicas e níveis de l-1ß em pacientes adolescentes com lúpus eritematoso sistémico / Periodontal clinicai conditions and il-1 ß concentrations in systemic lúpus erythematosusjuvenile patients
Periodontia ; 16(4): 216-217, dez. 2006. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-466414
Biblioteca responsável: BR243.1
RESUMO
O objetivo primário deste trabalho foi comparar as condições clínicas periodontais e os níveis de IL-1 ß no fluido gengival (FG) entre pacientes com lúpus eritematoso sistémico (LES) e pacientes saudáveis; e como objetivo secundário, comparar esses mesmos parâmetros entre pacientes em atividade e sem atividade de LES. Foram selecionados 17 pacientes portadores de LES com idade média de 15,6 (± 2,7) anos. Após exame reumatológico os pacientes eram avaliados quanto as condições periodontais placa visível (IPV), sangramento à sonda-gem (ISG), profundidade a sondagem (PS) e perda de inserção (PIC). O FG foi coletado de quatro a seis sítios, com maior profundidade à sondagem, em cada paciente e analisado em relação aos níveis de IL-1 ß. Os mesmos procedimentos foram realizados em 14 pacientes do grupo controle com idade média de 16,5 (± l ,5) anos.Os níveis de IL-1 ß foram medidos pelo método ELISA. Os pacientes com LES foram divididos em ativos e inativos. O nível de IL-1 ß foi significativamente maior no grupo controle (p=0,03), assim como a porcentagem de sítios com PS34 mm (p<0,001). Quando separamos o grupo com LES em ativos e inativos , o grupo controle continuou apresentando porcentagem de sítios com PS34 mm significativamente maiores. O grupo controle apresentou níveis de IL-1 ß maiores significativamente do que o grupo com atividade de LÊS (p=0,05). Dentro das limitações deste experimento podemos concluir que os níveis de IL-1 ß foram significativamente maiores no grupo controle do que o grupo com LES (p= 0,035). A porcentagem de sítios com profundidade de bolsa > 4 mm também foram significativamente maiores no grupo controle (p<0,0001). Os níveis de IL-1 ß, apesar de não apresentarem diferença significante entre os grupos em relação a atividade de LES, apresentaram-se quase duas vezes maiores no fluido gengival de pacientes em atividade. Em relação as condições clínicas eriodontais, não foram encontrada diferenças significantes
Assuntos

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: BBO - Odontologia / LILACS Assunto principal: Periodontite / Interleucinas / Lúpus Eritematoso Sistêmico Limite: Adolescente / Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Português Revista: Periodontia Assunto da revista: Odontologia Ano de publicação: 2006 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil / Suécia Instituição/País de afiliação: Karolinska Institute/SE / Universidade Estadual do Rio de Janeiro/BR / Universidade de Lund/SE