Your browser doesn't support javascript.
loading
Capilaroscopia periungueal e gravidade da esclerodermia sistêmica / Nail fold capillaroscopy and systemic scleroderma severity
Skare, Thelma L; Esmanhotto, Letícia; Casnoch, Claudine; Silva, Marilia Barreto.
Afiliação
  • Skare, Thelma L; Hospital Universitário Evangélico de Curitiba. Serviço de Residência em Reumatologia. Curitiba. BR
  • Esmanhotto, Letícia; Hospital Universitário Evangélico de Curitiba. Serviço de Residência em Reumatologia. Curitiba. BR
  • Casnoch, Claudine; Hospital Universitário Evangélico de Curitiba. Serviço de Residência em Reumatologia. Curitiba. BR
  • Silva, Marilia Barreto; Hospital Universitário Evangélico de Curitiba. Serviço de Residência em Reumatologia. Curitiba. BR
An. bras. dermatol ; 83(2): 125-129, mar.-abr. 2008. graf, ilus
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: lil-483173
Biblioteca responsável: BR1.1
RESUMO
FUNDAMENTOS A capilaroscopia periungueal tem sido largamente utilizada para diagnóstico de esclerodermia sistêmica. Mais recentemente descobriu-se que também pode predizer o envolvimento de órgãos internos.

OBJETIVO:

Verificar se a capilaroscopia periungueal mostra correlação com a gravidade da esclerodermia sistêmica.

MÉTODOS:

Foram estudados a capilaroscopia periungueal de 14 pacientes com esclerodermia sistêmica quanto ao número médio de capilares dilatados e às áreas de desvascularização; a medida do envolvimento cutâneo pelo índice de Rodnan modificado; e o grau de gravidade da doença segundo escala proposta por Medsger e cols.

RESULTADOS:

Os resultados mostraram boa correlação do índice de desvascularização com o grau de gravidade da doença (p = 0.04). Não se encontrou correlação entre o aparecimento de dilatação capilar e o grau de gravidade da doença (p = 0.572). O grau de espessamento cutâneo não mostrou correspondência com o grau de dilatação capilar (p = 0.76), embora mostrasse tendência de associação com desvascularização (p = 0.07).

CONCLUSÃO:

Os autores concluem que a presença de desvascularização à capilaroscopia periungueal pode ser usada como elemento indicador de maior gravidade da esclerodermia sistêmica.
ABSTRACT

BACKGROUND:

Nail fold capillaroscopy has been largely used in the diagnosis of systemic sclerosis. It has been recently discovered that this test is also able to predict internal organ damage in systemic sclerosis.

OBJECTIVE:

This study was carried out to verify whether nail fold capillaroscopy findings are correlated with disease severity.

METHODS:

We studied nail fold capillaroscopy findings regarding dilated and avascular areas from 14 patients with systemic sclerosis; degree of skin involvement by means of a modified Rodnan index; and disease severity with the scale proposed by Medsger et al.

RESULTS:

The results showed that the number of avascular areas has a good correlation with disease severity (p = 0.043), but not with the number of dilated capillaries (p = 0.57). The degree of cutaneous thickening was not related to the degree of capillary dilatation (p = 0.76), but tended to be associated with avascular areas (p = 0.07).

CONCLUSION:

The authors conclude that the number of avascular areas in nail fold capillaroscopy could be used as a sign of disease severity in systemic sclerosis.
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Idioma: Português Revista: An. bras. dermatol Assunto da revista: Dermatologia Ano de publicação: 2008 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Hospital Universitário Evangélico de Curitiba/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Idioma: Português Revista: An. bras. dermatol Assunto da revista: Dermatologia Ano de publicação: 2008 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Hospital Universitário Evangélico de Curitiba/BR
...