Your browser doesn't support javascript.
loading
Investigação psicodiagnóstica de adolescentes: Encaminhamentos, queixas e instrumentos utilizados em clínicas-escolas / Psychodiagnostic investigation of adolescents: Referrals, symptoms and instruments used in the university psychology clinics
Reppold, Caroline Tozzi; Hutz, Claudio Simon.
Afiliação
  • Reppold, Caroline Tozzi; Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre. Porto Alegre. BR
  • Hutz, Claudio Simon; Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Porto Alegre. BR
Aval. psicol ; 7(1): 85-91, abr. 2008. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-485235
Biblioteca responsável: BR1249.1
RESUMO
A presente pesquisa investigou a freqüência do uso de testes em avaliações de adolescentes. Investigou também as queixas relatadas pelos adolescentes, as principais fontes de encaminhamento, os motivos apontados por terceiros para avaliação do adolescente e a freqüência de encaminhamento multidisciplinares realizados por psicólogos e estagiários. Os dados foram retirados de 211 prontuários de adolescentes entre 12 e 17 anos de idade, atendidos em clínicas-escolas. Os principais resultados indicaram que 55,6% das avaliações utilizaram testes psicológicos, em geral gráficos ou projetivos. A prevalência de sintomas variou de acordo com a fonte de informação. Os motivos apontados com maior freqüência para o encaminhamento foram conflitos de interação social e os problemas de externalização. No entanto, as queixas mais freqüentemente relatadas pelos adolescentes foram indicadores de problemas de internalização, sobretudo no grupo feminino. Esses dados indicam a necessidade do planejamento de políticas de saúde e formação profissional condizentes com a realidade
ABSTRACT
The present research investigated the frequency of the use of psychological tests in assessment of adolescents. It also investigated the symptoms self-report by adolescents, the main sources of referrals, the reasons cited for the external sources about the assessment of the adolescent and frequency of multidisciplinary consults. The data had been collected in 211 protocols of adolescents between 12 and 17 years of age, assessed in University psychology clinics. The main results had indicated that 55,6% of the assessments had used psychological tests, graphical or projectives in general. The prevalence of symptoms reported varied in accordance with the information source. The reasons cited for the referrals had been conflicts of social interaction and the externalizing problems behavior. However, the complaints more frequently self reported by adolescents had been indicatives of internalizing problems behavior, overall in the feminine group. These data indicate the necessity of the planning the health care policy and the academic preparation, coherently with the reality
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Testes Psicológicos / Psicologia Clínica / Psicometria Limite: Adolescente / Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Português Revista: Aval. psicol Assunto da revista: Psicologia Ano de publicação: 2008 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre/BR / Universidade Federal do Rio Grande do Sul/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Testes Psicológicos / Psicologia Clínica / Psicometria Limite: Adolescente / Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Português Revista: Aval. psicol Assunto da revista: Psicologia Ano de publicação: 2008 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre/BR / Universidade Federal do Rio Grande do Sul/BR
...