Your browser doesn't support javascript.
loading
Prevalência de parasitas intestinais em cães e gatos sob cuidado veterinário em Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil / Prevalence of intestinal parasites in dogs and cats under veterinary care in Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brazil
Lorenzini, Gustavo; Tasca, Tiana; Carli, Geraldo Attilio De.
Afiliação
  • Lorenzini, Gustavo; Laborvet ­ Laboratório Veterinário Ltda. Porto Alegre. BR
  • Tasca, Tiana; Centro Universitário Metodista IPA. Porto Alegre. BR
  • Carli, Geraldo Attilio De; Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Faculdade de Farmácia. Laboratório de Parasitologia Clínica. Porto Alegre. BR
Braz. j. vet. res. anim. sci ; 44(2): 137-145, 2007. graf, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-486877
Biblioteca responsável: BR68.1
RESUMO
O parasitismo gastrintestinal é uma das principais causas de doenças em animais domésticos. Para o estudo da prevalência de enteroparasitos foram utilizadas amostras fecais de animais de diferentes áreas da cidade de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, as quais foram enviadas ao Laborvet (Laboratório Veterinário Ltda), durante o período de janeiro de 2002 a dezembro de 2004. O objetivo deste estudo foi determinar a prevalência de parasitos gastrintestinais em cães e gatos, submetidos aos cuidados de médicos veterinários. Em 1761 amostras examinadas, 1473 (83,6%) eram de cães e 288 (16,4%) de gatos. Resultados positivos, nos quais foram encontrados pelo menos um parasito, foram de 26,6% (392) para amostras de cães e 20,5% (59) para as de gatos. Em ambos hospedeiros, Ancylostoma spp., Toxocara spp., Isospora spp. e Giardia spp. foram os parasitos mais encontrados. Animais de 0 a 6 meses obtiveram uma alta infecção por parasitos intestinais com 39,5% para cães e 29,5% para gatos. Isospora spp. e Toxocara spp. foram os parasitos mais diagnosticados. O verão foi a estação que apresentou a maior prevalência de parasitos com 30% para cães e 27,6% para gatos. Quando comparou-se o monoparasitismo com o poliparasitismo, a presença de um único parasito foi mais freqüente em cães e gatos (23,8% e 19,4% respectivamente). Nosso estudo demonstrou a prevalência de parasitos intestinais causadores de zoonoses presentes em cães e gatos. É essencial manter animais domésticos sob cuidados do médico veterinário para evitar infecções por parasitos intestinais entre animais de estimação e o homem.
ABSTRACT
Intestinal parasitism is an important cause of disease in pets. Fecal samples from pets from different neighborhoods in Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brazil, were used to investigate the prevalence of intestinal parasites. These samples were sent to Laborvet (Veterinary Laboratory) on the period of January, 2002 through December, 2004. The aim of this study was to determine the prevalence of intestinal parasites in dogs and cats under veterinary care. The total amount of examined samples was 1,761, being 1,473 (83.6%) from dogs and 288 (16.4%) from cats. Positive results with the presence of at least one parasite corresponded to 26.6% (392) for dog samples and to 20.5% (59) for cat samples. In both hosts, Ancylostoma spp., Toxocara spp., Isospora spp. and Giardia spp. were the more frequent parasites. Animals that were zero to six months-old showed high intestinal parasite infection, revealing the rates of 39.5% for dogs and 29.5% for cats. Highest infection rates were diagnosed for Isospora spp. and Toxocara spp. Summer was the season, with the highest prevalence rate, with 30% of infected dogs and 27.6% of infected cats. When monoparasitism was compared to poliparasitism, the presence of a single parasite species was more frequent in dogs and cats (23.8% and 19.4%, respectively). Importantly, our findings showed the prevalence of intestinal parasites in dogs and cats that cause zoonotic diseases. It is essential to keep domestic animals under veterinary care to avoid the spread of intestinal parasite infections among pets and humans.
Assuntos
Buscar no Google
Coleções: Bases de dados internacionais Contexto em Saúde: Doenças Neglicenciadas Tema em saúde: Zoonoses Base de dados: LILACS Assunto principal: Parasitos / Doenças Parasitárias em Animais / Toxocara / Gatos / Cães / Giardia / Ancylostoma / Isospora Tipo de estudo: Estudo de prevalência / Estudo de rastreamento País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Revista: Braz. j. vet. res. anim. sci Assunto da revista: Medicina Veterinária Ano de publicação: 2007 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Centro Universitário Metodista IPA/BR / Laborvet ­ Laboratório Veterinário Ltda/BR / Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Buscar no Google
Coleções: Bases de dados internacionais Contexto em Saúde: Doenças Neglicenciadas Tema em saúde: Zoonoses Base de dados: LILACS Assunto principal: Parasitos / Doenças Parasitárias em Animais / Toxocara / Gatos / Cães / Giardia / Ancylostoma / Isospora Tipo de estudo: Estudo de prevalência / Estudo de rastreamento País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Revista: Braz. j. vet. res. anim. sci Assunto da revista: Medicina Veterinária Ano de publicação: 2007 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Centro Universitário Metodista IPA/BR / Laborvet ­ Laboratório Veterinário Ltda/BR / Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul/BR
...