Your browser doesn't support javascript.
loading
Avaliação microbiologica da carne suína in natura, comercializada na microregião do Brejo Paraibano / Microbiological evaluation of pork in nature, commercialized in region of Brejo Paraibano
Martins, Terezinha Domiciano Dantas; Moreira, Ricardo Targino; Silva, Ludmila da Paz Gomes da; Batista, Eleonore de Souza; Santos, Rerisson José Cipriano dos; Santos, Jerônimo Galdino dos; Pereira, Walter Esfrain; Silva, Rosilda Renovato da.
Afiliação
  • Martins, Terezinha Domiciano Dantas; Universidade Federal da Paraíba. Paraíba. BR
  • Moreira, Ricardo Targino; Universidade Federal da Paraíba. Paraíba. BR
  • Silva, Ludmila da Paz Gomes da; Universidade Federal da Paraíba. Paraíba. BR
  • Batista, Eleonore de Souza; s.af
  • Santos, Rerisson José Cipriano dos; s.af
  • Santos, Jerônimo Galdino dos; Universidade Federal da Paraíba. Paraíba. BR
  • Pereira, Walter Esfrain; Universidade Federal da Paraíba. Paraíba. BR
  • Silva, Rosilda Renovato da; s.af
Hig. aliment ; 21(153): 77-81, jul.-ago. 2007. graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-487016
Biblioteca responsável: BR526.1
RESUMO
O presente trabalho teve como objetivo verificar o perfil microbiológico da carne suína in natura, comercializada nas feiras livres dos municípios da microregião do Brejo Paraibano. As amostras do músculo Longissimus dorsi foram coletadas nas feiras livres de Areia , Bananeiras e Solânea, provenientes de carcaças de suínos abatidos na região. Foram obtidas amostras de doze carcaças, em três intervalos regulares de 15 dias, totalizando 36 (trinta e seis) avaliações. Foram realizadas contagens de coliformes totais (NMP/g) bactérias mesófilas (UFC/g), coliformes fecais (NMP/g), e a pesquisa de salmonelas. Os dados tabulados foram interpretados usando análise estatística descritiva e distribuição de freqüência. Das amostras analisadas, nenhuma apresentou resultado positivo para salmonelas. Os valores médios para as demais variáveis foram elevados, com 33 por cento, 95 por cento e 99 por cento das amostras com contagem de coliformes totais, coliformes fecais e bactérias mesofílicas acima dos índices recomendados para a manutenção da qualidade da carne, respectivamente. Os resultados indicam que a carne suína in natura, comercializada nesta região, encontra-se com uma carga microbiana elevada, podendo ser fonte de intoxicações alimentares, ou deterioração e perda de qualidade, devendo ser avaliadas as condições higiênico-sanitárias do abate até a comercialização nas feiras livres dos municípios da área de abrangência do estudo.
Assuntos
Buscar no Google
Coleções: Bases de dados internacionais Contexto em Saúde: Doenças Neglicenciadas Tema em saúde: Zoonoses Base de dados: LILACS Assunto principal: Salmonella / Contaminação de Alimentos / Saneamento de Mercados / Utensílios de Alimentação e Culinária / Coliformes / Manipulação de Alimentos / Carne Limite: Animais / Humanos País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Revista: Hig. aliment Assunto da revista: Ciências da Nutrição Ano de publicação: 2007 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal da Paraíba/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Buscar no Google
Coleções: Bases de dados internacionais Contexto em Saúde: Doenças Neglicenciadas Tema em saúde: Zoonoses Base de dados: LILACS Assunto principal: Salmonella / Contaminação de Alimentos / Saneamento de Mercados / Utensílios de Alimentação e Culinária / Coliformes / Manipulação de Alimentos / Carne Limite: Animais / Humanos País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Revista: Hig. aliment Assunto da revista: Ciências da Nutrição Ano de publicação: 2007 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal da Paraíba/BR
...