Your browser doesn't support javascript.
loading
Artrite idiopática juvenil em um serviço de reumatologia: Belo Horizonte, Minas Gerais / Juvenile idiopathic arthritis in a department of rheumatology:Belo Horizonte, Minas Gerais
Santos, Flávia Patrícia Sena Teixeira; Carvalho, Marco Antônio Parreira; Pinto, Jorge Andrade; Rocha, Ana Christina Higino da; Campos, Wesley Ribeiro.
Afiliação
  • Santos, Flávia Patrícia Sena Teixeira; Universidade Federal de Minas Gerais. Faculdade de Medicina. Belo Horizonte. BR
  • Carvalho, Marco Antônio Parreira; Universidade Federal de Minas Gerais. Hospital das Clínicas. Belo Horizonte. BR
  • Pinto, Jorge Andrade; Universidade Federal de Minas Gerais. Hospital das Clínicas. Belo Horizonte. BR
  • Rocha, Ana Christina Higino da; Universidade Federal de Minas Gerais. Faculdade de Medicina. Belo Horizonte. BR
  • Campos, Wesley Ribeiro; Universidade Federal de Minas Gerais. Hospital das Clínicas. Belo Horizonte. BR
Rev. méd. Minas Gerais ; 20(1)jan.-mar. 2010. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-545246
Biblioteca responsável: BR21.1
RESUMO
O termo artrite idiopática juvenil (AIJ) descreve um grupo clinicamente heterogêneo de artrites com mais de seis semanas de duração, de causa desconhecida e início até os 16 anos de idade.

Objetivo:

descrever o perfil clínico de um grupo de pacientes com diagnóstico de AIJ.

Métodos:

os prontuários de 72 indivíduos foram revistos com o objetivo de classificá-los conforme critérios propostos pelo ILAR. Os dados obtidos foram comparados com a literatura.

Resultados:

eram 37 crianças (51,4%) do sexo masculino e 35 do sexo feminino, com mediana de idade de 164,5 meses; 23 (31,9%) estavam classificados como sistêmicos, 25 (34,7%) como oligoarticulares, três (4,2%) poliarticulares fator reumatoide positivo, 13 (18,1%) poliarticulares fator reumatoide negativo, três (4,2%) com artrite psoriásica, quatro (5,6%) com artrite associada à entesite e um (1,4%) com doença indiferenciada. O fator reumatoide foi positivo em 10 (13,9%) e o FAN em 14 (19,4%). Uveíte crônica foi encontrada em quatro (5,6%) crianças, todas do sexo feminino (p=0,05), com doença iniciada antes dos quatro anos de idade (p=0,03) e com FAN positivo (p < 0,001).

Conclusão:

sabe-se que há diferenças na prevalência e na distribuição dos subtipos de AIJ dependendo da origem da população. Os dados analisados neste estudo, o primeiro do gênero em nosso país, indicaram importantes diferenças entre os diversos grupos geográficos/étnicos acometidos pela AIJ, sugerindo a influência de fatores genéticos, associados ou não a fatores ambientais, que deverão ser estudados e confirmados posteriormente, na expressão da AIJ.
ABSTRACT
The term Juvenile Idiopathic Arthritis (JIA) describes an arthritis clinically heterogeneous group of over six week?s duration, unknown causes and beginning up to 16 years old.

Objective:

to describe the clinic profile of a patients? group with JIA diagnosis.

Methods:

the records of 72 individuals were reviewed with the aim of classifying them according to the ILAR proposed criteria. The collected data were compared with the literature.

Results:

there was 37 male children (51,4%) and 35 female, with the mean age of 164,5 months; 23 (31,9%) were classified as systemic, 25 (34,7%) as oligoarticular, three (4,2%) as polyarticular positive rheumatoid factor, 13 (18,1%) polyarticular negative rheumatoid factor, three (4,2%) psoriatic arthritis, four (5,6%) with arthritis associated to enthesitis and one (1,4%) with indifferenced disease. The rheumatoid factor was positive in 10 (13,9%) and the FAN in 14 (19,4%). Chronic uveitis was found in four (5,6%) children, all female (p=0,05), with the disease started before four years old (p=0,03) and with positive FAN (p < 0,001).

Conclusion:

it is known that there are differences in the prevalence and distribution of the JIA subtypes depending on the population origins. The data analyzed in this study, the first of the kind in our country, indicate relevant differences between the several geographic / ethnical groups affected by the JIA, suggesting the influence of docugenetic factors, whether associated or not to environmental factors, which must be further studied and confirmed.
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Artrite Juvenil Limite: Adolescente / Feminino / Humanos / Masculino País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Revista: Rev. méd. Minas Gerais Assunto da revista: Medicina Ano de publicação: 2010 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal de Minas Gerais/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Artrite Juvenil Limite: Adolescente / Feminino / Humanos / Masculino País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Revista: Rev. méd. Minas Gerais Assunto da revista: Medicina Ano de publicação: 2010 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal de Minas Gerais/BR
...