Your browser doesn't support javascript.
loading
Avaliação do ph de refrigerantes, sucos e bebidas lácteas fabricados na cidade de Manaus, Amazonas, Brasil / Evaluation of the ph of soft drinks, juices and dairy beverages produced in the city of Manaus/AM, Brazil
Hanan, Simone Assayag; Marreiro, Raquel de Oliveira.
Afiliação
  • Hanan, Simone Assayag; Universidade Federal do Amazonas. Manaus. BR
  • Marreiro, Raquel de Oliveira; Universidade Federal do Amazonas. Manaus. BR
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-545289
Biblioteca responsável: BR1264.1
RESUMO

Objetivo:

Determinar o pH de refrigerantes, sucos de frutas e iogurtes industrializados na cidade de Manaus-Amazonas e consumidos pela população local, comparando os valores do pH dos produtos, segundo o tipo e o sabor, bem como em relação ao pH crítico de desmineralização.

Método:

A amostra foi constituída de vinte e duas marcas comerciais de bebidas, divididas em 3 grupos (sucos, iogurtes e refrigerantes) e adquiridas em supermercados da cidade de Manaus. Foram obtidas 4 unidades de cada produto, sendo duas do mesmo lote. Avaliou-se o pH utilizando-se um medidor de pH calibrado, logo após a quebra do lacre dos produtos e após 5 minutos. Os dados foram submeti dos à análise de variância de ANOVA para demonstrar diferenças estatisticamente significantes entre os grupos de bebidas e sabores destas.

Resultados:

Observou-se que, em média, os iogurtes apresentaram maiores valores de pH que os refrigerantes e sucos industrializados. O pH variou de 4,24 a 2,44, para o iogurte Fazendinha sabor morango e o refrigerante Gury Cola, respectivamente. O suco de pêssego apresentou o valor de pH mais elevado seguido dos sabores maracujá, frutas cítricas e uva. Quanto aos iogurtes, o sabor de maior pH correspondeu ao sabor morango seguido de côco, abacaxi e banana.

Conclusão:

Os refrigerantes, sucos e iogurtes analisados mostraram valores abaixo do pH crítico de dissolução da estrutura dental, sugerindo a possibilidade de desmineralização dental, demonstrando potencial para gerar lesões de erosão dentária. Das bebidas investigadas, os iogurtes apresentaram maiores valores de pH, quando comparados aos sucos industrializados e aos refrigerantes. Os sabores banana e uva dos iogurtes e sucos, respectivamente, alcançaram as menores médias de pH, assim como os refrigerantes a base de cola.
ABSTRACT

Objective:

To determine the pH of soft drinks, fruit juices and yogurts produced in the city of Manaus/AM, and consumed by the local population, comparing the pH values of the products, according to the type, flavor, and critical pH for demineralization of dental tissues.

Method:

The sample was composed of 22 commercial brands of beverages (soft drinks, juices and yogurts) purchased from supermarkets in the city of Manaus/AM. Four units of each product were obtained, being two of the same lot. The pHs were measured using a calibrated pH meter immediately after breaking the product seal and after 5 minutes. Data were subjected to analysis of variance to demonstrate statistically significant differences among the groups of beverages and among their flavors.

Results:

The yogurts presented higher pH values than the soft drinks and industrialized juices. The pHs ranged from 4.24 to 2.44, for the yogurt Fazendinha strawberry flavor and the soft drink Gury Cola, respectively. Peach juice presented the highest pH value followed by the flavors passion fruit, citric fruits and grape. Regarding the yogurts, the strawberry flavor presented the highest pH, followed by coconut, pineapple and banana.

Conclusion:

The soft drinks, juices and yogurts evaluated in this study presented pH values below the critical value for dissolution of the dental tissues, suggesting the possible occurrence of dental demineralization and demonstrating the potential of these beverages for producing erosive lesions. Among the tested beverages, the yogurts presented higher pH values than the industrialized juices and soft drinks. The flavors banana and grape of yogurts and juices, respectively, presented the lowest pH values, as well as the cola-type soft drinks.
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: BBO - Odontologia / LILACS Assunto principal: Erosão Dentária / Iogurte / Bebidas Gaseificadas / Desmineralização do Dente Tipo de estudo: Estudo de avaliação País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Revista: Pesqui. bras. odontopediatria clín. integr Assunto da revista: Odontologia Ano de publicação: 2009 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal do Amazonas/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: BBO - Odontologia / LILACS Assunto principal: Erosão Dentária / Iogurte / Bebidas Gaseificadas / Desmineralização do Dente Tipo de estudo: Estudo de avaliação País/Região como assunto: América do Sul / Brasil Idioma: Português Revista: Pesqui. bras. odontopediatria clín. integr Assunto da revista: Odontologia Ano de publicação: 2009 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Federal do Amazonas/BR
...