Your browser doesn't support javascript.
loading
O processo de resiliência do jovem aprendiz e as estratégias de conciliação estudo-trabalho / The resilience process of young apprentices and the strategies to reconcile work and school
Oliveira, Adriana Leônidas de; Godoy, Monique Marques da Costa.
Afiliação
  • Oliveira, Adriana Leônidas de; Universidade de Taubaté. São Paulo. BR
  • Godoy, Monique Marques da Costa; Universidade de Taubaté. São Paulo. BR
Bol. psicol ; 65(143): 175-191, jul. 2015. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-791634
Biblioteca responsável: BR85.1
RESUMO
O Jovem Aprendiz é vulnerável a adversidades específicas da conciliação entre trabalho e escola. Buscou-se identificar os fatores de risco e proteção e as estratégias de enfrentamento para analisar o processo de resiliência de 29 jovens aprendizes, com idades entre 15 e 21 anos. Os instrumentos utilizados foram a Escala de Resiliência de Wagnild e Young, o Desenho-Estória com Tema e entrevista. O tema do Desenho-Estória foi um jovem aprendiz em seu dia a dia. Os resultados indicaram índices médios de resiliência, sendo a falta de tempo e as figuras fraternais negativas os principais fatores de risco em seu cotidiano. A valorização social de estar empregado e o apoio de figuras fraternais positivas foram os principais fatores de proteção. As principais estratégias de enfrentamento foram a racionalização e o investimento em relacionamentos próximos.
ABSTRACT
Young apprentices are vulnerable to specific adversities of reconciling work and school. This study seeks to identify the risk and protective factors and the coping strategies present inyo the resilience processes of 29 young apprentices, aged between 15 and 21 years. The instruments used to analyze these factors were the Wagnild and Young's Resilience Scale, the Story Drawing Test and an interview. The main results showed medium-average resilience indicators, being lack of time and negative sibling figures the main risk factors into their daily life, the Social appreciation of being employed and positive brotherly figures were the main protective factors. The main coping strategies were rationalization and investment in close relationships.
Assuntos
Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Instituições Acadêmicas / Trabalho / Adolescente / Resiliência Psicológica Limite: Adolescente / Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Português Revista: Bol. psicol Assunto da revista: Psicologia Ano de publicação: 2015 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade de Taubaté/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: LILACS Assunto principal: Instituições Acadêmicas / Trabalho / Adolescente / Resiliência Psicológica Limite: Adolescente / Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Português Revista: Bol. psicol Assunto da revista: Psicologia Ano de publicação: 2015 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade de Taubaté/BR
...