Your browser doesn't support javascript.
loading
Use of a severity indicator as a predictor of the use of hepatic transplantation resources / Utilización de indicador de gravedad como factor predictivo del uso de recursos en trasplante hepático / Utilização de indicador de gravidade como fator preditivo do uso de recursos em transplante hepático
Eiras, Flavia Regina Cocuzza das; Barbosa, Antonio Pires; Leão, Eliseth Ribeiro; Biancolino, César Augusto.
Afiliação
  • Eiras, Flavia Regina Cocuzza das; Universidade Nove de Julho. São Paulo. BR
  • Barbosa, Antonio Pires; Universidade Nove de Julho. São Paulo. BR
  • Leão, Eliseth Ribeiro; Universidade Nove de Julho. São Paulo. BR
  • Biancolino, César Augusto; Universidade Nove de Julho. São Paulo. BR
Rev. Esc. Enferm. USP ; 50(4): 579-586, July-Aug. 2016. tab
Artigo em Inglês | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-794932
Biblioteca responsável: BR1.1
ABSTRACT
Abstract OBJECTIVE To evaluate the use of a severity indicator for end-stage liver disease as a predictor of resource use in a teaching hospital in São Paulo. METHOD Descriptive, retrospective study, classifying independent variables in seven key dimensions identification/risk rating; length of stay/use of advanced life support; imaging; clinical analysis; special procedures; blood products in the intensive care unit; and in the operating room. The frequencies were analyzed by linear regression analysis of variance to detect relevance due to the dependent variable (severity indicator) in 76 cases seen in 2013. RESULTS Among the variables studied, those that presented relevance due to the functional risk score were laboratory measurements of bilirubin, amylase, transaminase, blood count, creatine phosphokinase (p<0.05), hemotherapy procedures fresh frozen plasma (FFP) and platelet concentrate (p<0.05), and Doppler echocardiography image (p<0.07). CONCLUSION Given the results/objective of this study, it is concluded that the indicator presents a potential predictive capability in the use of postoperative resources of liver receptors in the size, clinical analysis, images and hemotherapy dimensions.
RESUMEN
Resumen OBJETIVO Evaluar el empleo del indicador de gravedad para enfermedades hepáticas terminales como factor predictivo del uso de recursos en un hospital escuela de São Paulo. MÉTODO Estudio descriptivo, retrospectivo, clasificando variables independientes en siete dimensiones principales identificación/clasificación de riesgo; tiempo de permanencia/uso de soporte avanzado a la vida; estudios de imagen; análisis clínicos; procedimientos especiales; hemoderivados en unidad de terapia intensiva y en quirófano. Las frecuencias fueron analizadas por regresión lineal con análisis de varianza para detección de relevancias ante la variable dependiente (indicador de gravedad) en 76 casos atendidos en 2013. RESULTADOS Entre las variables estudiadas, presentaron relevancia en función del score de riesgo funcional las dosificaciones de laboratorio de bilirrubina, amilasa, transaminasa, hemograma, creatinfosfoquinasa (p<;0,05), procedimientos hemoterápicos, plasma fresco congelado (PFC) y concentrado de plaquetas (p<;0,05), e imagen Ecodoppler (p<;0,07). CONCLUSIÓN Frente a los resultados/propósito del estudio, se concluyó que el indicador presenta potencial capacidad predictiva en el empleo de recursos post operatorios de receptores de hígado en las dimensiones, análisis clínicos, imágenes y hemoterapia.
RESUMO
Resumo OBJETIVO Avaliar o uso do indicador de gravidade para doenças hepáticas terminais como fator preditivo do uso de recursos em um hospital-escola de São Paulo. MÉTODO Estudo descritivo, retrospectivo, classificando variáveis independentes em sete dimensões principais identificação/classificação de risco; tempo de permanência/uso de suporte avançado à vida; exames de imagem; análises clínicas; procedimentos especiais; hemoderivados em unidade de terapia intensiva; e em centro cirúrgico. As frequências foram analisadas por regressão linear com análise de variância para detecção de relevâncias face à variável dependente (indicador de gravidade) em 76 casos atendidos em 2013. RESULTADOS Dentre as variáveis estudadas, apresentaram relevância em função do escore de risco funcional as dosagens laboratoriais de bilirrubina, amilase, transaminase, hemograma, creatinofosfoquinase (p<0,05), procedimentos hemoterápicos plasma fresco congelado (PFC) e concentrado de plaquetas (p<0,05), e imagem Ecodoppler (p<0,07) CONCLUSÃO Face aos resultados/propósito do estudo conclui-se que o indicador apresenta potencial capacidade preditiva no uso de recursos pós-operatórios de receptores de fígado nas dimensões, análises clínicas, imagens e hemoterapia.
Assuntos

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: BDENF - Enfermagem / LILACS Assunto principal: Transplante de Fígado / Doença Hepática Terminal / Recursos em Saúde Limite: Adolescente / Adulto / Idoso / Criança / Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Inglês Revista: Rev. Esc. Enferm. USP Assunto da revista: Enfermagem Ano de publicação: 2016 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Nove de Julho/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS


Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Base de dados: BDENF - Enfermagem / LILACS Assunto principal: Transplante de Fígado / Doença Hepática Terminal / Recursos em Saúde Limite: Adolescente / Adulto / Idoso / Criança / Feminino / Humanos / Masculino Idioma: Inglês Revista: Rev. Esc. Enferm. USP Assunto da revista: Enfermagem Ano de publicação: 2016 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: Universidade Nove de Julho/BR
...