Your browser doesn't support javascript.
loading
Gestação de alto risco: fatores associadosem município doNoroeste paranaense / High-risk pregnancy: associated factors in a municipality of the northwest of the state of Paraná
Melo, Willian Augusto de; Alves, Juliane Inácio; Maran, Edilaine; Ferreira, Aline Aparecida da Silva.
Afiliação
  • Melo, Willian Augusto de; UNESPAR. Paranavai. BR
  • Alves, Juliane Inácio; s.af
  • Maran, Edilaine; UNESPAR. Paranavai. BR
  • Ferreira, Aline Aparecida da Silva; s.af
Espaç. saúde (Online) ; 17(1): 83-92, jul.2016. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-795867
Biblioteca responsável: BR512.1
RESUMO
Este estudo teve o objetivo de identificar a prevalência e os fatores de risco associados à gestação de alto risco em um município do Noroeste Paranaense. Trata-se de um estudo transversal,epidemiológico, de abordagem quantitativa, desenvolvido com gestantes de alto risco que frequentaram uma Unidade Básica de Saúde em 2014. Para a coleta de dados utilizou-se uma amostra de 97 prontuários de gestantes estratificadas como alto risco. Dados sociodemográficos, obstétricos, neonatais e clínicos compuseram as variáveis independentes. A variável dependente foi possuir múltiplos fatores de risco. Para medir a associação entre as variáveis adotou-se a Odds Ratio, com intervalo de confiança de 95%, e o teste qui-quadrado de Yates corrigido, para a análise bivariada, considerando-se significativas as associações cujo valor dep fosse <0,05.Quanto aos resultados, prevaleceram as gestantes adultas (84,5%),com companheiros (75,3%). Sobre escolaridade, 46,4% apresentaram entre 10 e 12 anos de estudos,66% das gestantes tiveram número de pré-natal com mais de 07 consultas, 26,8% tiveram de um a três abortos ea cesariana predominou em relação ao parto vaginal (69,1%).Os fatores de risco estiveram vinculados às condições clínicas preexistentes, sendo mais prevalentes o tabagismo (16,3%), obesidade mórbida (11,4%)e hipertensão arterial sistêmica (HAS) (10,2%). Gestantes menores de 20 anos tiveram cinco vezes mais chances de terem múltiplos fatores de risco. Caracterizar e utilizar métodos eficazes para a identificação e prevenção dos fatores de risco gestacionais contribui diretamente para a redução da mortalidade materna e infantil...
ABSTRACT
This study aimed to identify the prevalence and risk factors associated with high-risk pregnancies in a municipality in the Northwest of the state of Paraná. It is an analytical, cross-section a land epidemiological study with high-risk pregnant women who attended a Basic Health Unit (BHU)in 2014. For data collection we used a sample of 97 charts of pregnant women stratified as of high risk. Sociodemographic, obstetric, neonatal and clinical data composed the independent variables. The dependent variable was to have multiple risk factors. To measure the association between the variables, odds ratio was adopted, with 95% confidence interval, and Yates’ chi-square test corrected for bivariate analysis, with associations whose p value was <0.05 being considered significant. As for the results, adult pregnant women (84.5%) with partners (75.3%) were prevalent. About education level, 46.4% had between 10 to 12 years of study, 66% of pregnant women had more than 7 pre-natal visits, 26.8% had between one and three abortions, and cesarean section predominated over vaginal birth (69.1%).The risk factors were linked to pre-existing medical conditions, with themore prevalent being smoking (16.3%),morbidobesity (11.4%) and hypertension (10.2%). Pregnant women under 20 years of age had five times more odds to have multiple risk factors. To characterize and use effective methods to identify and prevent gestational risk factors contributes directly to the reduction of maternal and infant mortality...
Assuntos

Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Contexto em Saúde: ODS3 - Saúde e Bem-Estar Tema em saúde: Meta 3.1: Reduzir a mortalidade materna / Meta 3.2: Reduzir as mortes de recém nascidos e crianças com menos de 5 anos Base de dados: LILACS Assunto principal: Prevalência / Fatores de Risco / Gravidez de Alto Risco / Serviços de Saúde Materno-Infantil Tipo de estudo: Estudo de prevalência Limite: Adulto / Feminino / Humanos Idioma: Português Revista: Espaç. saúde (Online) Assunto da revista: Saúde Pública Ano de publicação: 2016 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: UNESPAR/BR

Similares

MEDLINE

...
LILACS

LIS


Texto completo: Disponível Coleções: Bases de dados internacionais Contexto em Saúde: ODS3 - Saúde e Bem-Estar Tema em saúde: Meta 3.1: Reduzir a mortalidade materna / Meta 3.2: Reduzir as mortes de recém nascidos e crianças com menos de 5 anos Base de dados: LILACS Assunto principal: Prevalência / Fatores de Risco / Gravidez de Alto Risco / Serviços de Saúde Materno-Infantil Tipo de estudo: Estudo de prevalência Limite: Adulto / Feminino / Humanos Idioma: Português Revista: Espaç. saúde (Online) Assunto da revista: Saúde Pública Ano de publicação: 2016 Tipo de documento: Artigo País de afiliação: Brasil Instituição/País de afiliação: UNESPAR/BR
...