Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 2.953
Filtrar
1.
RECIIS (Online) ; 18(1)jan.-mar. 2024.
Artigo em Português | LILACS, Coleciona SUS | ID: biblio-1552963

RESUMO

O fenômeno da judicialização da saúde carece de dados organizados e comparáveis entre estudos sobre o tema. Diversas fontes, recortes prévios e intermediários geram resultados conflitantes e de difícil repro-dução. Esta nota argumenta a necessidade de definir um padrão/elemento comum nos processos judiciais em saúde, propondo o sistema JUDJe, que utiliza o Diário de Justiça Eletrônico para extrair, organizar e classificar esses dados. O JUDJe gerou um banco de dados aberto com 100 mil movimentações processuais sobre casos de câncer. Defende mais qualidade e conexão dos dados, e mais acesso a esses últimos, pro-movendo equidade e visão multidimensional. Propõe a "judicialização 2.0" com dados em rede conectando saúde e direito.


The phenomenon of health judicialisation lacks organised and comparable data between studies on the subject. Different sources, previous and intermediate pieces of information generate conflicting results that are difficult to reproduce. This note argues the need to define a common standard/element in health lawsuits and proposes the JUDJe system, using the online Official Gazette to extract, organize and classify such data. JUDJe generated an open geo-referenced database with 100 thousand legal proceedings on cancer cases. It advocates more quality and connection of data, and more access to them, promoting equity and a multidimensional vision. It proposes a "judicialization 2.0" connecting the health and law domains.


El fenómeno de la judicialización de la salud carece de datos organizables y comparables entre los estudios sobre el tema. Diferentes fuentes, cortes previos y intermedios generan resultados contradictorios y dificiles de reproduzir. Esta nota argumenta la necesidad de definir un elemento común/estándar en los procesos judiciales de salud, proponiendo el sistema JUDJe, que utiliza el Diario Oficial Electrónico de Justicia para extraer, organizar y clasificar esos datos. El JUDJe generó una base de datos abiertos georreferenciada con 100 mil actuaciones judiciales sobre casos de cáncer. Defiende más calidad y conexión de datos, y más acceso a esos últimos, promoviendo la equidad y una visión multidimensional. Propone la "judicialización 2.0" con datos en red que conecten salud y derecho.


Assuntos
Armazenamento e Recuperação da Informação , Gestão da Informação , Base de Dados , Judicialização da Saúde , Agregação de Dados , Ciência da Informação , Acesso à Informação
2.
RECIIS (Online) ; 18(1)jan.-mar. 2024.
Artigo em Português | LILACS, Coleciona SUS | ID: biblio-1553550

RESUMO

O presente estudo parte de reflexões acerca da sobrevivência ao câncer e da experiência estigmatizante vivenciada por pessoas diagnosticadas com câncer de laringe no Hospital Nacional do Câncer/Instituto Nacional do Câncer, submetidas à cirurgia de Laringectomia Total e participantes do Grupo de Laringec-tomizados Totais. O objetivo foi compreender as mediações de saberes e de informações produzidas pelos participantes do grupo na interface com os profissionais de saúde, considerando a sua dupla condição de estigma: o câncer e a deficiência. Parte-se de uma abordagem socioantropológica de caráter qualitativo e ex-ploratório que empregou os métodos de entrevista narrativa com cinco participantes. A análise foi realizada pelo método hermenêutico-dialético. Nos resultados destacam-se a busca pelo reconhecimento individual e social e a valorização da experiência frente aos saberes oficiais e o quanto as mediações extrapolam o espaço institucional. A mediação de saberes faz emergirem elementos significativos para o enfrentamento de uma cultura informacional dominante.


This study is based on reflections on surviving cancer and the stigmatizing experience of people diagnosed with laryngeal cancer at the Hospital Nacional do Câncer/Instituto Nacional do Câncer, who underwent Total Laryngectomy surgery and participated in the Total Laryngectomy Group. The goal was to understand the mediations of knowledge and information produced by the group participants, in the interface with health professionals, considering their double condition of stigma: cancer and disability. It is based on a socio-anthropological approach, of qualitative and exploratory nature that employed the narrative interview method with five participants. The analysis was carried out through the hermeneutic-dialectic method. The results highlight the search for individual and social recognition and the appreciation of experience in relation to official knowledge, and how the mediations go beyond the institutional space. The mediation of knowledge brings out significant elements to confront a dominant informational culture.


El presente estudio se basa en las reflexiones sobre la supervivencia al cáncer y la experiencia estigmatiza-dora de personas diagnosticadas de cáncer de laringe en el Hospital Nacional do Câncer/Instituto Nacional do Câncer, que se sometieron a una Laringectomía Total y participaron en el Grupo de Laringectomía Total. Objetivo: comprender las mediaciones de conocimiento e información producidas por los participantes del grupo, en la interfaz con los profesionales de salud, considerando su doble estigma: cáncer y discapacidad. Se basa en un abordaje socioantropológico, cualitativo y exploratorio, que utilizó métodos de entrevista narrativa con cinco participantes. El análisis ocurrió a través del método hermenéutico-dialéctico. Los resultados destacan la búsqueda de reconocimiento individual y social y la valorización de la experiencia en relación con el conocimiento oficial y la medida en que las mediaciones van más allá del espacio insti-tucional. La mediación del conocimiento pone de manifiesto elementos significativos sobre una cultura informacional dominante.


Assuntos
Traqueostomia , Neoplasias Laríngeas , Comunicação em Saúde , Análise de Mediação , Política de Saúde , Laringectomia , Política Pública , Fatores Socioeconômicos , Estomia , Sobreviventes de Câncer , Oncologia
3.
Rio de Janeiro; s.n; 2024. 11 p.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1531304

RESUMO

A inovação das ressecções robóticas transorais permitiram o acesso a regiões da orofaringe cujas incisões convencionais tinham maior morbidade, reservando o acesso cervical para os casos com indicação de esvaziamento cervical. O estudo da linfangiogênese dos tumores de orofaringe se faz essencial, com vistas a individualização do tratamento do pescoço destes pacientes. Para tanto, foram analisados 156 prontuários de pacientes submetidos à orofaringectomia por via transoral robótica para o tratamento de carcinoma escamoso no período de 2012 a 2020 no Instituto Nacional de Câncer. A incidência de acometimento do nível IIA neste estudo foi de 39% (n=61) e III de 19,2% (n=30). O nível IIB estava majoritariamente associado ao acometimento do nível IIA. O baixo acometimento dos níveis cervicais IA, IB e V demonstra que ressecção profilática destes não apresentou benefícios associado à elevada morbidade. O conhecimento do padrão de disseminação linfonodal do câncer de orofaringe pode determinar a melhor abordagem cirúrgica do pescoço


The innovation of transoral robotic resections allowed access to regions of the oropharynx where conventional incisions had greater morbidity, reserving cervical access for cases requiring neck dissection. The study of lymphangiogenesis of oropharyngeal tumors is essential, with a view to individualizing the treatment of the neck of these patients. To this end, 156 medical records of patients who underwent robotic transoral oropharyngectomy for the treatment of squamous cell carcinoma from 2012 to 2020 at the National Cancer Institute were analyzed. The incidence of level IIA involvement in this study was 39% (n=61) and III was 19.8% (n=31). Level IIB was mostly associated with level IIA involvement. The low involvement of cervical levels IA, IB and V demonstrates that prophylactic resection of these did not provide benefits associated with high morbidity. Knowledge of the lymph node spread pattern of oropharyngeal cancer can determine the best surgical approach to the neck


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Orofaringe , Carcinoma de Células Escamosas , Linfangiogênese , Procedimentos Cirúrgicos Robóticos , Excisão de Linfonodo
4.
Rio de Janeiro; s.n; 2024. 11 p.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1531827

RESUMO

Objetivo: Apresentar um caso atípico de Sarcoma de Ewing, devido a sua dificuldade diagnóstica. Relato do caso: Paciente masculino, 14 anos, com diagnóstico histopatológico e pela imuno-histoquímica de Sarcoma de Ewing de origem clavicular. A tomografia computadorizada revelou formação expansiva localizada na região supraclavicular direita com epicentro em terços médio e extremidade medial da clavícula ipsilateral, determinando lesão lítica nos terços proximal e médio da clavícula direita, com extensa reação periosteal e pequenas áreas de descontinuidade da cortical no terço proximal da clavícula. A ressonância magnética confirmou lesão expansiva centrada nos terços médio e proximal da clavícula direita, apresentando preservação da superfície articular da articulação esternoclavicular sem sinais de invasão vascular ou do plexo braquial, sem evidências de envolvimento das estruturas do plexo braquial. Realizadas sessões de quimioterapia para diminuição das dimensões tumorais e, em sequência, submetido à claviculectomia. Discussão: O diagnóstico por imagem, incluindo raio x, tomografia computadorizada e ressonância magnética, podem ser usados comumente no diagnóstico dessa doença. Os aspectos radiográficos são de extrema importância para o diagnóstico, apesar da aparência radiológica de várias lesões ósseas serem semelhantes, o Sarcoma de Ewing é caracterizado por uma lesão osteolítica altamente agressiva, mal delimitada, associado à reação periosteal, dando origem aos denominados "triangulo de Codman", "raios de sol" e em "casca de cebola". A tomografia computadorizada, assim como a ressonância magnética, são exames úteis para estadiamento dessas lesões, definindo com mais clareza as alterações dos componentes de partes moles, alterações corticais e a presença de metástases. A tomografia computadorizada caracteriza o sarcoma como lesão expansiva, com captação heterogênea ao meio de contraste e extensão da lesão para partes moles, já a ressonância magnética descreve como lesão de baixo sinal de T1, com realce heterogêneo ao contraste e sinal heterogêneo em T2. Conclusão: No paciente em questão, as imagens revelaram informações importantes para o diagnóstico e prognóstico da lesão. Portanto, os radiologistas devem estar atentos aos achados de imagem que possam estar fora do padrão usual da doença


Objective: To present an atypical case of Ewing Sarcoma, due to its diagnostic difficulty. Case report: Male patient, 14 years old, with histopathological and immunohistochemical diagnosis of Ewing Sarcoma of clavicular origin. Computed tomography revealed an expansive formation located in the right supraclavicular region with an epicenter in the middle third and medial end of the ipsilateral clavicle, determining a lytic lesion in the proximal and middle thirds of the right clavicle, with extensive periosteal reaction and small areas of cortical discontinuity in the proximal third of the clavicle. Magnetic resonance imaging confirmed an expansive lesion centered in the middle and proximal thirds of the right clavicle, showing preservation of the articular surface of the sternoclavicular joint without signs of vascular or brachial plexus invasion, without evidence of involvement of the brachial plexus structures. Chemotherapy sessions were carried out to reduce tumor size and, subsequently, he underwent clavicularectomy. Discussion: Diagnostic imaging, including x-ray, computed tomography and magnetic resonance imaging, can be commonly used in the diagnosis of this disease. Radiographic aspects are extremely important for diagnosis, despite the radiological appearance of several bone lesions being similar, Ewing's Sarcoma is characterized by a highly aggressive, poorly delimited osteolytic lesion, associated with periosteal reaction, giving rise to the so-called "triangle of Codman", "rays of sun" and "onion skin". Computed tomography, as well as magnetic resonance imaging, are useful exams for staging these lesions, defining more clearly changes in soft tissue components, cortical changes and the presence of metastases. Computed tomography characterizes the sarcoma as an expansile lesion, with heterogeneous contrast uptake and extension of the lesion to soft tissues, whereas magnetic resonance imaging describes it as a low-signal T1 lesion, with heterogeneous contrast enhancement and heterogeneous signal on T2. Conclusion: In the patient in question, the images revealed important information for the diagnosis and prognosis of the injury. Therefore, radiologists must be alert to imaging findings that may be outside the usual pattern of the disease


Assuntos
Humanos , Masculino , Adolescente , Sarcoma de Ewing , Neoplasias Ósseas , Osteossarcoma , Tumores Neuroectodérmicos Primitivos
5.
Rio de Janeiro; s.n; 2024.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1531858

RESUMO

O mesilato de imatinibe é o primeiro inibidor oral de tirosina quinase que atua impedindo a proliferação celular da linhagem de células mieloides que expressam o gene BCR-ABL, sendo usado no tratamento de leucemia mieloide crônica. O advento dos inibidores da tirosina quinase revolucionou o tratamento destes pacientes, apresentando efeitos colaterais relatados como citopenias, edemas, efeitos gastrointestinais e manifestações neurológicas. As manifestações neurológicas são raras, podendo ocorrer em qualquer momento do tratamento e permanecendo após sua interrupção, sugerindo risco cumulativo de neurotoxicidade. Esse relato de caso, visa estabelecer a relação do processo de desmielinização do sistema nervoso central ocorrendo após o início do tratamento com imatinibe. Apresentando um caso raro de neurite óptica devido ao uso crônico de mesilato de imatinibe no tratamento de leucemia mieloide crônica, na ausência de outros fatores de risco. Como conclusão, oferece evidências clínicas da associação de inibidores da tirosina quinase com neurotoxicidade, embora não possa estabelecer a causa. Mais estudos são necessários para elucidar a potencial relação do uso do imatinibe com a neurite óptica


Imatinib mesylate is the first oral tyrosine kinase inhibitor that works by preventing cell proliferation of the myeloid cell line that expresses the BCR-ABL gene, used in the treatment of chronic myeloid leukemia. The advent of tyrosine kinase inhibitors has revolutionized the treatment of these patients, with side effects such as cytopenias, edema, gastrointestinal effects and neurological manifestations. Neurological manifestations are rare and can occur at any time during treatment and persist after its interruption, suggesting a cumulative risk of neurotoxicity. This case report aims to establish the relationship between the demyelination process of the central nervous system occurring after the start of treatment with imatinib. Presents a rare case of optic neuritis due to the chronic use of imatinib mesylate in the treatment of chronic myeloid leukemia, in the absence of other risk factors. In conclusion, it offers clinical evidence of the association of tyrosine kinase inhibitors with neurotoxicity, although it cannot establish the cause. More studies are needed to elucidate the potential relationship between the use of imatinib and optic neuritis


Assuntos
Humanos , Masculino , Idoso , Leucemia Mielogênica Crônica BCR-ABL Positiva , Neurite Óptica , Toxicidade , Mesilato de Imatinib
7.
Rio de Janeiro; s.n; 2024.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1537296

RESUMO

O rabdomiossarcoma (RMS) pleomórfico (PLM) é um subtipo raro de RMS que afeta principalmente adultos e idosos sendo sua biologia e genética ainda não completamente conhecida ou descrita. Os fatores de risco e suas alterações moleculares também são pouco conhecidos. O tratamento em adultos com RMS PLM ainda não é totalmente padronizado havendo diversas opções de regimes quimioterápicos. O prognóstico dessa patologia é considerado reservado pois, comparado com outros tipos de sarcoma de adultos, tem uma baixa sobrevida global. O seu diagnóstico correto e seu tratamento constituem em desafios na prática clínica oncológica e devido a esses fatores realizamos uma revisão de literatura com dados do Pubmed de 1º de janeiro de 2003 a 31 de dezembro de 2023 para rever epidemiologia, características clínicas, diagnóstico e tratamento dos pacientes com RMS PLM em adultos acima de 18 anos


Pleomorphic rhabdomyosarcoma (RMS) (PLM) is a rare subtype of RMS that mainly affects adults and the elderly, and its biology and genetics are not yet completely known or described. The risk factors and their molecular alterations are also poorly known. Treatment in adults with RMS PLM is not yet fully standardized and there are several options for chemotherapy regimens.The prognosis of this pathology is considered guarded because compared to other types of adult sarcoma, it has a low overall survival rate. in challenges in oncology clinical practice and due to these factors we carried out a literature review with data from Pubmed from January 1, 2003 to December 31, 2023 to review the epidemiology, clinical characteristics, diagnosis and treatment of patients with RMS PLM in adults above 18 years old


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Rabdomiossarcoma/diagnóstico , Rabdomiossarcoma/tratamento farmacológico , Rabdomiossarcoma/epidemiologia , Adulto
8.
Rio de Janeiro; s.n; 2024.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1537331

RESUMO

Introdução: As lesões com potencial de malignidade incerto, com risco de progressão e que podem coexistir com malignidade incerta são caracterizadas como lesões B3 da mama. O objetivo principal do trabalho consistiu em detectar as taxas de upstage para carcinoma in situ ou invasor após excisão cirúrgica, com base nos diagnósticos histológicos iniciais feitos por biópsia com agulha grossa de: hiperplasia ductal atípica, atipia epitelial plana/alterações de células colunares com atipia, papiloma/lesão papilífera com e sem atipia. Metodologia: análise retrospectiva com base nos pacientes matriculados na unidade INCA (HCIII), entre janeiro de 2018 e dezembro de 2022, que fizeram biópsia por agulha grossa com diagnóstico de lesão B3 e posteriormente submetidos à cirurgia. Resultados: O trabalho avaliou 247 pacientes e 258 lesões no total. Houve predomínio da faixa etária maior ou igual a 50 anos, idade média correspondendo a 56 anos, com preponderância de pacientes no período pós-menopausa e apenas 1 indivíduo do sexo masculino. Em relação à totalidade das lesões estudadas, a maioria foi decorrente dos papilomas sem atipia (32,94%), seguido pela hiperplasia ductal atípica (29%), atipia epitelial plana (20,15%) e papiloma com atipia (17,8%). O upstage total encontrado foi de 22,9%, cuja estratificação por lesão foi: papiloma com atipia (36,9%), hiperplasia ductal atípica (33,3%), atipia epitelial plana (13,46%) e papiloma sem atipia (11,7%). A maior quantidade de lesões neoplásicas foi decorrente de lesões in situ (19,8%), enquanto que as lesões invasoras corresponderam, portanto, à minoria (3,1%). Conclusão: Embora o estudo não compreenda todos os espectros de lesões B3, limitando-se à análise de apenas quatro entidades, comparativamente à literatura atual, os resultados vão ao encontro da maioria dos trabalhos publicados previamente


Introduction: Lesions with uncertain malignant potential, at risk of progression, and that may coexist with uncertain malignancy are characterized as B3 lesions of the breast. The main objective of the work was to detect the upstage rates for in situ or invasive carcinoma after surgical excision, based on the initial histological diagnoses made by biopsy of atypical ductal hyperplasia, flat epithelial atypia/columnar cell changes with atypia, papilloma/ Papillary lesion with and without atypia. Methodology: a retrospective analysis based on patients enrolled in the INCA unit (HCIII) between January 2018 and December 2022 who underwent a biopsy with a diagnosis of B3 lesion and subsequently received surgery. Results: The study evaluated 247 patients and 258 injuries in total. The age group was predominantly greater than or equal to 50 years, with the average age corresponding to 56 years, with a preponderance of patients in the postmenopausal period and only one male individual. Concerning all the lesions studied, the majority were due to papillomas without atypia (32.94%), followed by atypical ductal hyperplasia (29%), flat epithelial atypia (20.15%), and papilloma with atypia (17.8%). The total upstage found was 22.9%, stratified by lesion as follows: papilloma with atypia (36.9%), atypical ductal hyperplasia (33.3%), flat epithelial atypia (13.46%) and papilloma without atypia (11.7%). The largest number of neoplastic lesions resulted from in situ lesions (19.8%), while invasive lesions corresponded to the minority (3.1%). Conclusion: The study does not cover all spectrums of B3 injuries and is limited to analyzing only four entities. Compared to the current literature, the results align with most previously published studies


Assuntos
Humanos , Feminino , Doenças Mamárias , Neoplasias da Mama , Carcinoma Ductal de Mama , Carcinoma de Mama in situ
9.
Rio de Janeiro; s.n; 2024.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1537338

RESUMO

A leucemia mieloide crônica é uma neoplasia mieloproliferativa clonal ocasionado, em 95% dos casos, pela translocação recíproca do cromossomo 9 e 22 (cromossomo Philadelphia), gerando um gene de fusão (BCR-ABL', que promove aumento da atividade da enzima tirosina kinase, levando assim, ao aumento da produção de granulócitos maduros e em maturação. O principal tratar-ento desta comorbidade é uso de drogas que inibem a atividade dessa enzima :mpedindo a proliferação celular, chamados inibidores de tirosina kinase, sendo o mes"ato de imatinibe uma dessas drogas. Efeitos colaterais leves devido ao uso do mesilato de imatinibe foram relatados em literatura, como citopenias, edemas e efeitos gastrointestinais, sendo a anemia hemolítica autoimune um evento raro com poucos relatos em literatura. A anemia hemolítica autoimune é uma patologia que surge quando anticorpos se contra as hemácias do indivíduo, e podem ser induzidas pelo uso de alguns medicamentos (anemia hemolítica autoimune induzida por drogas), dentre eles, o nesilato de imatinibe. O principal tratamento da anemia hemolítica autoimune Induzida por drogas é a suspensão da medicação. O presente estudo visa relatar um caso raro de anemia hemolítica autoimune induzida pelo uso de imatinibe no "atamento de leucemia mieloide crônica. Como conclusão, oferece evidênc:as c:rnicas dessa associação


Chronic myeloid leukemia is a clonal myeloproliferative neoplasm caused, in 95% of cases, by the reciprocal translocation of chromosomes 9 and 22 (Philadelphia chromosome), generating a fusion gene (BCR-ABL) that promotes increased activity of the tyrosine kinase enzyme, thus leading to increased production of mature and maturing granulocytes. The main treatment for this comorbidity is the use of drugs that Inhibit the activity of this enzyme, preventing cellular control, called tyrosine kinase inhibitors, with imatinib mesylate being one of these drugs. Mild side effects due to the use of imatinib mesylate have been reported in the literature, such as cytopenias, edema and gastrointestinal effects, with autoimmune hemolytic anemia being a rare event with few reports In the literature. Autoimmune hemolytic anemia is a pathology that arises when antibodies are directed against the individual's red blood cells, and can be caused by the use of some medications (autoimmune hemolytic anemia caused by drugs), including imatinib mesylate. The main treatment for autoimmune hemolytic anemia caused by drugs is stopping the medication. The present study aims to report a rare case of autoimmune hemolytic anemia caused by the use of imatinib in the treatment of chronic myeloid leukemia. In conclusion, it offers clinical evidence of this association


Assuntos
Humanos , Feminino , Pessoa de Meia-Idade , Leucemia Mielogênica Crônica BCR-ABL Positiva , Efeitos Colaterais e Reações Adversas Relacionados a Medicamentos , Mesilato de Imatinib , Anemia Hemolítica Autoimune
10.
Rio de Janeiro; s.n; 2024.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1537340

RESUMO

Objetivo: Mostrar padrões de imagem envolvendo a Síndrome de Polipose Juvenil (SPJ) e uma apresentação gástrica atípica correlacionando os achados de imagem tomográfica com o descrito na endoscopia e anatomia patológica. Relato do caso: Paciente de 52 anos, acompanhado pelo serviço de endoscopia devido adenocarcinoma de duodeno ressacado via endoscópica em 2016 e alguns pólipos gástricos, com diagnóstico de Síndrome Polipose Juvenil. Realizava endoscopia digestiva alta (EDA) seriada, perdeu seguimento durante a pandemia COVID -19, retornando após dois anos com hemorragia digestiva alta, emagrecimento importante, anemia severa e plenitude gástrica. Realizada EDA evidenciando pólipo séssil medindo 6 cm localizado na grande curvatura da transição corpo antro, além de numerosos pólipos gástricos. Após avaliação multidisciplinar do quadro clínico exacerbado, volume das lesões e imagem foi submetido gastrectomia total. A avaliação histopatológica confirmou malignização da lesão: adenocarcinoma gástrico localmente avançado com comprometimento linfonodal. Discussão: Embora os pólipos sejam benignos há alto risco de evolução para lesões malignas do TGI nestes pacientes (50%) e complicações (hemorragia digestiva, obstrução intestinal e anemia). Nesse relato a tomografia foi extremamente útil na delimitação da lesão descrita no exame endoscópico e possibilitou o planejamento cirúrgico, embora limitada avaliação da muscular pelo método. A avaliação tomográfica também é importante também para avaliar achados que surgiram malignidade (margens indefinidas, invasão de estruturas adjacentes, necrose) e a anatomia em pacientes submetidos a ressecções anteriores. Dessa forma, o protocolo de distensão gástrica e administração endovenosa do meio de contraste é necessária na avaliação das lesões gástricas e permite estadiamento oncológico das lesões com alto potencial maligno. Conclusão: No paciente em questão a tomografia foi capaz de fornecer informações valiosas no que diz respeito a extensão da lesão e aventar a possibilidade de lesão maligna dado contexto clínico e radiológico. Assim médicos radiologistas precisam se atentar para os achados de imagem que podem estar fora do contexto usual da doença e espectro clássico da doença quando se trata do exame inicial do paciente


Objective: Show image patterns involving Juvenile Polyposis Syndrome (JPS) and an atypical gastric presentation correlating the tomographic imaging findings with that described in endoscopy and pathological anatomy. Case Report: 52 year old patient, followed up by the endoscopy service due adenocarcinoma of resected duodenal through endoscopic route in 2016 and some gastric polyps, with Juvenile Polyposis Syndrome diagnosed. Performed serial upper digestive endoscopy (UGE), lost follow-up during the COVID-19 pandemic, returning after two years with upper gastrointestinal bleeding, significant weight loss, severe anemia and gastric fullness. Upper Digestive Endoscopy (UDE) showed a sessile polyp measuring 6 cm located in the great curvature of the antral body transition, in addition to numerous gastric polyps. After multidisciplinary evaluation of the exacerbated clinical picture, the volume of lesions and image underwent total gastrectomy. The histopathological evaluation confirmed malignancy of the lesion: locally advanced gastric adenocarcinoma with lymph node involvement. Discussion: Although polyps are benign, there is a high risk of progression to malignant GIT lesions in these patients (50%) and complications (digestive bleeding, intestinal obstruction and anemia). In this report, the tomography was extremely useful in delimiting the lesion described in the endoscopic examination and enabled surgical planning, although limited muscle evaluation by the method. The tomographic evaluation is also important to delineate, evaluate findings that suggest malignancy (undefined margins, invasion of adjacent structures, necrosis) and anatomy in patients submitted to anterior resections. Thus, the protocol of gastric distension and intravenous administration of contrast medium is necessary in the evaluation of gastric lesions and allows oncological staging of lesions with high malignant potential. Conclusion: In the patient in question, tomography was able to provide valuable information regarding the extent of the lesion and suggest the possibility of a malignant lesion given the clinical and radiological context. Thus, medical radiologists need to be aware of imaging findings that may be outside the usual disease context and classic disease spectrum when it comes to the initial examination of the patient


Assuntos
Humanos , Feminino , Tomografia , Adenocarcinoma , Polipose Adenomatosa do Colo , Endoscopia , Neoplasias
11.
Rio de Janeiro; s.n; 2024.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1537444

RESUMO

Introdução: O câncer de laringe é a 14º neoplasia mais frequente no mundo, nos homens acima dos 20 anos. Apesar de avanços no tratamento desses tumores e da queda na sua incidência, a taxa de mortalidade continua inalterada. Um dos fatores de pior prognóstico desses tumores é a metástase linfonodal. Por isso faz-se necessário a identificação de fatores preditivos de metástase linfonodal para melhor abordagem terapêutica desses pacientes. Material e Métodos: Este é um estudo de coorte retrospectivo, onde foram selecionadas amostras tumorais dos pacientes portadores de carcinoma de células escamosas glótico da laringe, submetidos a tratamento cirúrgico curativo, no período de 2005 a 2010 no INCA Tem aprovação do comitê de ética e pesquisa do INCA. Resultados: 290 pacientes preencheram os critérios para inclusão do estudo. A mediana da idade foi 61 anos, sendo a maioria do sexo masculino, tabagistas e etilistas. Laringectomia total foi o principal tipo de cirurgia realizada, obtendo-se margens livres em todos os procedimentos. O principal tratamento do pescoço foi o esvaziamento cervical seletivo bilateral assim como o tratamento adjuvante foi a radioterapia. 80% dos pacientes eram pT3/4 e 66% pN negativo. A maioria era estágio III e IVA. As cadeias linfonodais acometidas foram II (65%), III (45%), IV (37%). Os fatores preditivos de metástase cervical foram: paralisia da laringe, cT3/4, cN positivo, pT3/4 e estágio III/IV, tumores moderadamente e pouco diferenciados, invasão de comissura anterior, supraglote e infraglote, e transglótico, invasão vascular, angiolinfática, perineural e de cartilagem tireóide, invasão de cartilagem cricoide, invasão de epiglote, invasão de partes moles, invasão de tireoide, invasão de hipofaringe e epicentro tumoral trasnglótico. A sobrevida global em 5 anos foi de 57,6%. Conclusão: As variáveis clínico patológicas que se destacaram como fatores preditivos para a metástase cervical foram: paralisia da laringe (p < 0,00002, OR 8,32), pT3/4 (p < 0,000000008, OR 18,45) , tumores pouco diferenciados (p 0,0097, OR 7,46) e invasão vascular e da cartilagem epiglote (p 3E -10, OR 7,64 e p 0,007, OR 7,42)


Introduction: Laryngeal cancer is the 14th most common neoplasm in the world, in men over 20 years old. Despite advances in the treatment of these tumors and the drop in their incidence, the mortality rate remains unchanged. One of the worst prognostic factors for these tumors is lymph node metastasis. Therefore, it is necessary to identify predictive factors of lymph node metastasis for a better therapeutic approach in these patients. Methods: This is a retrospective cohort study, in which tumor samples were selected from patients with glottic squamous cell carcinoma of the larynx, who underwent curative surgical treatment, from 2005 to 2010 at INCA. It is approved by the ethics and research committee at INCA. Results: 290 patients met the criteria for inclusion in the study. The median age was 61 years, the majority being male, smokers and alcoholics. Total laryngectomy was the main type of surgery performed, obtaining free margins in all procedures. The main treatment for the neck was bilateral selective neck dissection, and the adjuvant treatment was radiotherapy. 80% of patients were pT3/4 and 66% pN negative. Most were stage III and IVA. The affected lymph node chains were II (65%), III (45%), IV (37%). The predictive factors of neck metastasis were: laryngeal paralysis; cT3/4; positive cN; pT3/4 and stage III/IV; moderately and poor differentiated tumors; invasion of the anterior commissure, supraglottis, infraglottis, and transglottic; vascular, angiolymphatic, perineural and thyroid cartilagem invasion; cricoid cartilage invasion; epiglottis invasion; soft tissue invasion; thyroid invasion; hypopharyngeal invasion and transglottic tumor epicenter. The 5-year overall survival was 57.6%. Conclusion: The clinical pathological variables that stood out as predictive factors for cervical metastasis were: laryngeal paralysis (p < 0.00002, OR 8.32), pT3/4 (p < 0.000000008, OR 18.45) , small tumors differentiated (p 0.0097, OR 7.46) and epiglottis cartilage and vascular invasion (p 3E -10, OR 7.64 and p 0.007, OR 7.42)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Neoplasias Laríngeas/terapia , Metástase Neoplásica , Estadiamento de Neoplasias , Neoplasias Laríngeas/cirurgia
12.
Rio de Janeiro; s.n; 2024. 15 p.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1537919

RESUMO

O Sarcoma de Ewing (SE) é uma neoplasia agressiva, pertencente à família dos tumores de pequenas células azuis e redondas, semelhante as células primitivas, de aspecto semelhante aos tumores neuroectodérmicos primitivos (PNET) que acomete as partes moles. O SE ocorre principalmente em crianças e adultos jovens, com incidência variando de 1 a 3 casos / milhão de habitantes, sendo mais frequente em descendentes europeus. Representa cerca de 2% das neoplasias malignas na faixa pediátrica, sendo o segundo tumor ósseo mais comum nas crianças. Cerca de 20% dos SE são extraósseos, acometendo principalmente adultos. Os achados clínicos dos SE são bem variados, estando relacionado principalmente com a localização. A avaliação por imagem é de extrema importância no diagnóstico do SE, principalmente ósseo. Esse estudo tem como objetivo apresentar os diversos aspectos radiológicos das lesões do SE. As características presentes nas imagens do SE ósseo são bastante sugestivas do diagnóstico. A radiografia (Rx) evidencia lesões líticas, com limites imprecisos, destruição óssea agressiva, com áreas de osso sadio de permeio (aspecto roído de traça), principalmente na região metadiafisária do osso. Além disso, o Rx fornece informações acerca do crescimento subperiosteal da lesão, traduzindo-se em reação periosteal que pode ser em "raios de sol", em "casca de cebola" ou triângulo de Codman. A tomografia computadorizada (TC) auxilia na identificação e melhor caracterização da lesão óssea e a presença de calcificações em tecidos moles. Na TC, o SE pode apresentar-se como lesão expansiva, com captação heterogênea ao meio de contraste e extensão para partes moles. Na TC, as lesões são líticas, com reação periosteal agressiva. Na ressonância magnética (RM), os SE tendem a apresentar baixo sinal em T1, com realce heterogêneo ao contraste paramagnético e sinal heterogêneo nas sequências em T2, estreitando as possibilidades diagnósticas. A RM também auxilia na determinação do real tamanho das lesões, com a distinção entre edema, hemorragia e lesão. Quando esses achados ocorrem em adolescentes e adultos jovens, o SE deve ser considerado como hipótese diagnóstica


Ewing's Sarcoma (SE) is an aggressive neoplasm, belonging to the family of small blue and round cell tumors, similar to primitive cells, with an appearance similar to primitive neuroectodermal tumors (PNET) that affects soft tissues. SE occurs mainly in children and young adults, with an incidence ranging from 1 to 3 cases/million inhabitants, being more frequent in people of European descent. It represents around 2% of malignant neoplasms in pediatrics, being the second most common bone tumor in children. Around 20% of ES are extra-osseous, affecting mainly adults. The clinical findings of ES are quite varied, being mainly related to the location. Imaging assessment is extremely important in the diagnosis of SE, especially bone. This study aims to present the different radiological aspects of ES injuries. The characteristics present in the bone SE images are quite suggestive of the diagnosis. The radiograph (X-ray) shows lytic lesions, with imprecise limits, aggressive bone destruction, with areas of healthy bone in between (moth-eaten appearance), mainly in the metadiaphyseal region of the bone. Furthermore, the X-ray provides information about the subperiosteal growth of the lesion, translating into a periosteal reaction that can be in the form of "sun rays", "onion skin" or Codman's triangle. Computed tomography (CT) helps to identify and better characterize the bone lesion and the presence of calcifications in soft tissues. On CT, SE may appear as an expansile lesion, with heterogeneous contrast medium uptake and extension to soft tissues. On CT, the lesions are lytic, with an aggressive periosteal reaction. On magnetic resonance imaging (MRI), ES tend to present low signal on T1, with heterogeneous enhancement on paramagnetic contrast and heterogeneous signal on T2 sequences, narrowing the diagnostic possibilities. MRI also helps to determine the real size of the lesions, with the distinction between edema, hemorrhage and injury. When these findings occur in adolescents and young adults, SE should be considered as a diagnostic hypothesis


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Sarcoma de Ewing , Radiografia , Tomografia Computadorizada por Raios X
13.
Rio de Janeiro; s.n; 2024. 23 p.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1537925

RESUMO

O glioma pontino intrínseco difuso (GPID) é um tumor cerebral maligno e raro em crianças, apresentando baixa sobrevida. Este estudo tem como objetivo analisar e agrupar estudos sobre o glioma pontino intrínseco difuso, explorando métodos diagnósticos, tratamentos e desafios associados. Trata-se de uma revisão integrada da literatura, com pesquisa bibliográfica em bases de dados PubMed, Google Scholar, Springer link, Willey Online Library, em trabalhos publicados dentro de um período de sete anos (2017-2023). Essa revisão abrange 341 pacientes com GPID, com o uso de métodos como ressonância magnética (RNM), biópsias e diversos tratamentos (Zr-bevacizumabe, células T GD2-CAR, radioterapia, vorinostat). A classificação em sobreviventes de curto e longo prazos, heterogeneidade na captação de Zr-bevacizumabe e interações farmacocinéticas são discutidas, assim como os desafios da radioterapia paliativa. A idade e a duração dos sintomas afetam a sobrevida. As restrições em procedimentos invasivos, como biópsias, ilustram a complexidade no diagnóstico e tratamento do GPID, acentuando desafios clínicos. É possível concluir que existe necessidade de mais pesquisas para desenvolver intervenções inovadoras e precisas, no intuito de melhorar o prognóstico associado ao GPID


Diffuse intrinsic pontine glioma (DIPG) is a malignant and rare brain tumor in children, with poor survival. This study aims to analyze and group studies on diffuse intrinsic pontine glioma, exploring diagnostic methods, treatments and associated challenges. This is an integrated literature review, with bibliographic research in databases PubMed, Google Scholar, Springer link, Willey Online Library, in works published within a period of seven years (2017-2023). This review covers 341 patients with IDPG, using methods such as magnetic resonance imaging (MRI), biopsies and various treatments (Zr-bevacizumab, GD2-CAR T cells, radiotherapy, vorinostat). Classification into short- and longterm survivors, heterogeneity in Zr-bevacizumab uptake, and pharmacokinetic interactions are discussed, as are the challenges of palliative radiotherapy. Age and duration of symptoms affect survival. Restrictions on invasive procedures, such as biopsies, illustrate the complexity in diagnosing and treating IDPG, accentuating clinical challenges. It is possible to conclude that there is a need for more research to develop innovative and precise interventions, with the aim of improving the prognosis associated with IDPG


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Terapêutica , Neoplasias do Tronco Encefálico , Glioma Pontino Intrínseco Difuso
14.
Rio de Janeiro; s.n; 2024. 17 p.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1537923

RESUMO

Introdução: Os carcinomas de glândulas salivares menores são tumores de comportamento muito heterógeno, englobam diversos tipos histológicos cujo tratamento deve ser diferenciado. Estudos demonstram a incidência e sítios principais destes carcinomas porem a definição dos fatores de pior prognostico para o planejamento terapêutico deve ser estabelecido. Métodos: Estudo retrospectivo de 451 pacientes com diagnostico histopatológico de tumor de glândulas salivares menores de cavidade oral e orofaringe no período de 1995-2015. Realizada coleta de dados histopatológicos, clínicos, tratamento e qualidade de vida. Resultados: Dos pacientes estudados, 408 (90%) apresentaram tumores malignos, 153 (40%) sexo masculino e 226 (60%) sexo feminino, faixa etária mediana de 53 anos. Sitios mais comuns foram o palato ósseo seguido por base de língua e mucosa jugal. Os três principais tipos histológicos se mantiveram como Adenocarcinoma (32%), Carcinoma mucoepidermoide (30%) e Carcinoma Adenoide Cistico (30%). Em torno de 6,8% dos casos foram diagnosticados com acometimento linfonodal e 7,1% com metástases a distância sendo o pulmão o principal sítio. A sobrevida global em 5 anos foi maior no Carcinoma mucoepidermoide (55,2%) e a menor no Carcinoma Adenoide Cistico (42,27%), deve ser considerado que a grande maioria dos diagnósticos (58%) foram realizados em estagio avançado T3 e T4. A sobrevida livre de doença nos pacientes tratados cirurgicamente associados a RT adjuvante ou não foi muito superior ao tratamento com quimioterapia e radioterapia associadas. A taxa de recidiva foi de 14%, Carcinoma adenoide cístico teve a maior taxa de recidiva local. Conclusão: Através deste estudo pudemos oberservar que os fatores que contribuem para pior desfecho prognóstico do tratamento dos tumores de glândulas salivares são o tipo histológico Carcinoma Adenóide Cístico, tumores avançados T3 e T4, presença de mestástase linfonodal e à distância, além do tratamento não cirúrgico


Introduction: Minor salivary gland carcinomas are tumors with a very heterogeneous behavior, encompassing several histological types whose treatment must be differentiated. Studies demonstrate the incidence and main sites of these carcinomas, but the definition of the worst prognostic factors for therapeutic planning must be established. Methods: Retrospective study of 451 patients with histopathological diagnosis of minor salivary gland tumor of the oral cavity and oropharynx in the period 1995-2015. Histopathological, clinical, treatment and quality of life data were collected. Results: Of the patients studied, 408 (90%) had malignant alterations, 153 (40%) male and 226 (60%) female, median age of 53 years. Most common sites were the bony palate followed by the base of the tongue and buccal mucosa. The three main histological types remained as Adenocarcinoma (32%), Mucoepidermoid Carcinoma (30%) and Adenoid Cystic Carcinoma (30%). In about 6.8% of the cases, lymph nodes were affected and 7.1% had distant metastases, with the lung being the main site. Overall survival at 5 years was highest in Mucoepidermoid Carcinoma (55.2%) and lowest in Adenoid Cystic Carcinoma (42.27%), it must be considered that the vast majority of diagnoses (58%) were performed in advanced stage T3 and T4. Diseasefree survival in patients treated surgically associated with adjuvant or not RT was much superior to treatment with associated chemotherapy and radiotherapy. The recurrence rate was 14%, adenoid cystic carcinoma had the highest local recurrence rate. Conclusion: Through this study we were able to observe that the factors that contribute to a worse prognostic outcome of the treatment of salivary gland: Adenoid Cystic Carcinoma, advanced T3 and T4 tumors, presence of lymph node and distant metastasis, in addition to non-surgical treatment


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Orofaringe , Glândulas Salivares Menores , Epidemiologia , Boca
15.
Rio de Janeiro; s.n; 2024. 22 p.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1537940

RESUMO

O câncer de mama é o câncer mais incidente na população feminina no Brasil e no mundo. Seu tratamento foi fortemente influenciado pela neoadjuvância com quimioterapia, permitindo a realização de um maior número de cirurgias conservadoras na mama. Em relação ao manejo da axila, algumas estratégias são utilizadas para reduzir a taxa de falso negativo na análise peroperatória do linfonodo sentinela, como o uso de dupla marcação com radiocoloide e corante azul, e a análise de pelo menos 3 linfonodos. Este estudo buscou analisar a resposta axilar ao tratamento neoadjuvante, de acordo com os diferentes subtipos moleculares dos tumores. Dessa forma, o objetivo foi identificar que grupo de pacientes poderia ser eventualmente poupado do esvaziamento axilar. Foi constatado neste trabalho que os tumores luminais são aqueles que apresentam maiores taxas de falso-negativo no linfonodo sentinela no cenário pós-neoadjuvância, além de maior número de linfonodos comprometidos na linfadenectomia axilar, enquanto os triplo negativos, triplo positivos e HER2 superexpressos demonstraram baixa taxa de linfonodos comprometidos na linfadenectomia axilar. Dessa forma, é possível inferir que o subtipo molecular pode influenciar a decisão em relação a abordagem axilar pós-linfonodo sentinela.


Breast cancer is the most common cancer in the female population in Brazil and worldwide. Its treatment was strongly influenced by neoadjuvant chemotherapy, allowing a greater number of breast-conserving surgeries to be performed. Regarding the management of the axilla, some strategies are used to reduce the false negative rate in the perioperative analysis of the sentinel lymph node, such as the use of double labeling with radiocolloid and blue dye, and the analysis of at least 3 lymph nodes. This study sought to analyze the axillary response to neoadjuvant treatment, according to the different molecular subtypes of tumors. Therefore, the objective was to identify which group of patients could eventually be spared from axillary dissection. It was found in this study that luminal tumors are those that present higher false-negative rates in the sentinel lymph node in the post-neoadjuvant setting, in addition to a greater number of lymph nodes involved in axillary lymphadenectomy, while triple negative, triple positive and HER2 overexpressed tumors demonstrated a low rate of lymph nodes involved in axillary lymphadenectomy. Therefore, it is possible to infer that the molecular subtype can influence the decision regarding the post-sentinel lymph node axillary approach


Assuntos
Humanos , Feminino , Neoplasias da Mama , Terapia Neoadjuvante , Linfonodo Sentinela , Excisão de Linfonodo , Perfil de Saúde
16.
Rio de Janeiro; s.n; 2024. 42 p.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1537942

RESUMO

Introdução: Os tumores triplo-negativos representam cerca de 15% dos casos de câncer de mama. Apesar dos avanços significativos em termos de tratamento, a busca por biomarcadores alvo na doença triplo-negativa ainda se mostra necessária, devido a seu perfil de evolução desfavorável e comportamento agressivo. O estudo DESTINY-Breast04 demonstrou a atividade antitumoral do Trastuzumabe-Deruxtecan no cenário de tumores com expressão baixa a moderada do já conhecido receptor HER2. Estudos realizados no cenário de doença inicial e avançada encontraram resultados controversos quanto à real implicação clínica e prognóstica de tumores HER2-zero e HER2-low. Objetivos: Avaliar o prognóstico, em 60 meses, e as características clinicopatológicas entre as diferentes expressões de HER2 no câncer primário de mama triplo-negativo em estádios I a III. Métodos: Coorte retrospectiva de mulheres com diagnóstico de câncer de mama triplo-negativo em estágio inicial, que receberam tratamento com cirurgia e quimioterapia no Instituto Nacional do Câncer entre 2010 e 2016. Os dados coletados abordaram aspectos da paciente, do tumor, dos tratamentos aplicados e da progressão da doença. Resultado: Foram avaliadas 512 pacientes com câncer de mama triplo-negativo, em que 44,9% tinham expressão de HER2 zero, 44,1% score 1+/3+, e 10,9% score 2+/3+. A média de idade foi de 51 anos. Não houve diferença significativa ao comparar as características sociodemográficas, clínicas e patológicas entre os subgrupos de HER2. Também não foi encontrada diferença em termos de resposta patológica completa, sobrevida livre de recidiva e sobrevida global em 60 meses. Conclusão: Os resultados deste estudo sugerem que as diferentes expressões de HER2 no câncer de mama triplo-negativo em estágio inicial não possuem desfechos clínicos e prognósticos distintos


Introduction: Triple-negative breast cancer accounts for about 15% of all breast cancer cases. Despite significant advances in terms of treatment, the search for targetable biomarkers in the triple negative disease is still necessary, considering its unfavorable evolution and aggressive behavior. The DESTINY-Breast04 study was able to elucidate an opportunity of targeted treatment for these patients by demonstrating the antitumor activity of Trastuzumab-Deruxtecan in the scenario of low to moderate expression of the known HER2 receptor. Studies carried out in the setting of initial and advanced disease have found controversial results regarding the real clinical and prognostic implications between HER2-zero and HER2-low subgroups. Objective: To evaluate the 60-month prognosis and clinicopathological characteristics of different HER2 expressions in primary triple-negative breast cancer in stages I to III. Methods: Retrospective cohort of women diagnosed with early stage triple negative breast cancer who underwent surgery and chemotherapy in a single Brazilian institution from 2010 to 2016. The data collected addressed demographic aspects of the patient, tumor features, the applied treatments and the progression of the disease. Tumors were defined as HER2-low if they had a HER2 immunohistochemistry score of 1+ or 2+ with negative in situ hybridization and HER2-zero if they had a HER2 score of 0. Results: A total of 512 cases were evaluated, in which 44.9% had HER2-zero tumors, 44.1% had HER2 immunohistochemistry score of 1+/3+, and 10.9% of 2+/3+. The mean age was 51 years. There was no significant difference when comparing sociodemographic, clinical and pathological characteristics between HER2 subgroups. Also, no statistically significant difference was found in terms of complete pathological response, relapse-free survival, site of relapse, and overall 60-month survival. Conclusion: The results of this study suggest that the clinical behavior and prognosis of the different expressions of HER2 in the early-stage triple-negative breast cancer do not differ significantly


Assuntos
Humanos , Feminino , Prognóstico , Receptor ErbB-2 , Neoplasias de Mama Triplo Negativas
17.
Rio de Janeiro; s.n; 2024. 33 p.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1537950

RESUMO

Síndromes mielodisplásicas associadas a doenças autoimunes sistêmicas são descritas por muitos autores. Doenças da tireoide, vasculites, doenças do tecido conjuntivo, artrites e alterações cutâneas são as mais relatadas. Nos últimos anos tivemos avanços e o que foi descoberto recentemente é que mutações genéticas específicas envolvidas na fisiopatologia da SMD têm como consequência a ativação exacerbada da resposta imune inata, sendo o inflamassoma protagonista. Eles consistem em complexos multiproteicos intracelulares que quando ativados, liberam interleucinas inflamatórias e direcionam a célula para a morte celular dependente de caspase-1, chamada piroptose. Essa ativação exacerbada da resposta imune inata, foi relacionada por alguns autores com o aparecimento da SMD e da doença autoimune. Outra célula com importante papel nesta fisiopatologia são as células supressoras derivadas de mieloides (MDSCs), seu surgimento aparece no câncer e em condições patológicas associadas a inflamação ou estresse. Ela é responsável pela supressão de diferentes células do sistema imunológico, em especial os linfócitos T, facilitando a progressão do tumor. Em relação ao prognóstico, observamos resultados controversos, porém os maiores estudos demonstram um aumento de sobrevida, isso é correlacionado por alguns autores pela redução de linfócitos T reguladores. Esse trabalho tem como objetivo fazer uma revisão na literatura sobre a fisiopatologia dessa associação, doenças mais comuns e prognóstico


Myelodysplastic syndromes associated with systemic autoimmune diseases are described by many authors. Thyroid diseases, vasculitis, connective tissue diseases, arthritis and skin changes are the most reported. In recent years we have made advances and what has recently been discovered is that specific genetic mutations involved in the pathophysiology of MDS result in exacerbated activation of the innate immune response, with the inflammasome being the protagonist. They consist of intracellular multiprotein complexes that, when activated, release inflammatory interleukins and direct the cell toward caspase-1-dependent cell death, called pyroptosis. This exacerbated activation of the innate immune response has been related by some authors to the appearance of MDS and autoimmune disease. Another cell with an important role in this pathophysiology are myeloid-derived suppressor cells (MDSCs), their appearance appears in cancer and in pathological conditions associated with inflammation or stress. It is responsible for suppressing different cells of the immune system, especially T lymphocytes, facilitating tumor progression. Regarding the prognosis, we observed controversial results, however the largest studies demonstrate an increase in survival, which is correlated by some authors with the reduction of regulatory T lymphocytes. This work aims to review the literature on the pathophysiology of this association, most common diseases and prognosis


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Artrite , Doenças Autoimunes , Vasculite , Síndromes Mielodisplásicas , Interleucinas
18.
Rio de Janeiro; s.n; 2024. 29 p.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1551306

RESUMO

O câncer de colo uterino (CC) é um problema significativo de saúde global. A respeito do seu tratamento, a cirurgia é o padrão nos estágios iniciais (FIGO IA-IB2 e IIA1). A radioterapia (RT) de feixe externo concomitante à quimioterapia (cisplatina semanal) seguida de braquiterapia (BT) é o tratamento de escolha para CC localmente avançado (CCLA, estágio IB3, IIA2 - IVA). Esta revisão objetivou avaliar o impacto da quimioterapia neoadjuvante (QTNEO) no tratamento do CCLA, através de revisão de literatura usando a plataforma PUBMED. No total, 20 estudos foram selecionados para avaliação. A revisão sugere que, em relação à QTNEO seguida de radioterapia (RT) versus RT em pacientes inoperáveis, não foi demonstrado benefício em sobrevida com o uso da QTNEO, apenas melhor controle local para estágios IIB e IIIB. Por outro lado, quando aplicada antes da cirurgia (QTNEO seguido de cirurgia versus cirurgia ou RT isoladamente), a QTNEO parece ter um benefício baseado principalmente nas metanálises da Cochrane. Até recentemente, faltava a comparação de QTNEO seguida de cirurgia radical com o padrão atual de tratamento, a quimiorradioterapia (QRT). No entanto, dois grandes estudos que foram recentemente apresentados e publicados não demonstraram benefício, pelo contrário, houve uma pior sobrevida livre de recorrência. Finalmente, quando foi comparado QTNEO seguida de QRT versus QRT, foi demonstrado que a QTNEO seguida de QRT melhorou a sobrevida global e livre de progressão podendo ser considerada um novo padrão de tratamento para FIGO 2009 IB1 (com linfonodo positivo) à EIVA


Cervical cancer (CC) is a significant global health problem. Regarding its treatment, surgery is the standard treatment in the early stages (FIGO IA-IB2 and IIA1). External beam radiotherapy (RT) concomitant with chemotherapy (weekly cisplatin) followed by brachytherapy (BT) is the treatment of choice for locally advanced CC (CCLA, stage IB3, IIA2 - IVA). This review aimed to evaluate the impact of neoadjuvant chemotherapy (QTNEO) in the treatment of CCLA, through a literature review using the PUBMED platform. In total, 20 studies were selected for evaluation. The review suggests that, regarding QTNEO followed by radiotherapy (RT) versus RT in inoperable patients, no survival benefit was demonstrated with the use of QTNEO, only better local control for stages IIB and IIIB. On the other hand, when applied before surgery (QTNEO followed by surgery versus surgery or RT alone), QTNEO appears to have a benefit based mainly on Cochrane meta-analyses. Until recently, there was a lack of comparison of QTNEO followed by radical surgery with the current standard of care, chemoradiotherapy (QRT). However, two large studies were recently presented and published that did not demonstrate benefit, on the contrary, there was a worse recurrence-free survival. Finally, when comparing QTNEO followed by QRT versus QRT, it was demonstrated that QTNEO followed by QRT improved overall and progression-free survival and could be considered a new standard of care for FIGO 2009 IB1 (with positive lymph node) to IVA


Assuntos
Humanos , Feminino , Segurança , Cirurgia Geral , Neoplasias do Colo do Útero , Terapia Neoadjuvante
19.
Rio de Janeiro; s.n; 2024. 25 p.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1551338

RESUMO

Introdução: O primeiro sistema robótico utilizado em procedimentos cirúrgicos foi desenvolvido em 1994. Os primeiros pacientes do Sistema Único de Saúde do Brasil (SUS) foram beneficiados com essa tecnologia apenas a partir de 2012, após a instalação da plataforma robótica no Instituto Nacional de Câncer (INCA). Esse estudo avalia 10 anos de experiência do programa robótico na referida instituição. Método: Todos os procedimentos robóticos realizados pelo serviço de cirurgia abdominopélvica dessa instituição entre julho de 2012 a dezembro de 2022 foram analisados. Os dados foram coletados a partir do banco de dados do programa de robótica e por revisão de prontuários físicos e eletrônicos. Resultados: Foram realizados 280 procedimentos cirúrgicos robóticos. A maioria dos casos operados foi conduzida pelo grupo de cirurgia colorretal, correspondendo a 87,5% do total, sendo a ressecção anterior de reto a cirurgia mais realizada. Os demais casos foram operados pelo grupo hepatobiliar (4,6%), estômago (4,2%) e esôfago (3,6%). A taxa de conversão para cirurgia aberta foi de 10,3%. O período médio de internação foi inferior a 10 dias e 9,6% dos pacientes apresentaram reinternação dentro de 90 dias após a cirurgia. Do total, 43,5% dos pacientes foram submetidos a tratamento neoadjuvante com quimioterapia e/ou radioterapia. Durante o período analisado, 18,5% dos pacientes evoluíram com recidiva de doença, sendo a sobrevida global em 5 anos de aproximadamente 60%. Conclusão: Nos últimos 10 anos o uso da tecnologia robótica cresceu significativamente, promovendo melhora dos resultados clínicos. O programa de cirurgia robótica do INCA para tratamento do câncer foi o pioneiro no âmbito nacional dentro do SUS e possibilitou a divulgação e consolidação desta excelente ferramenta tecnológica no tratamento do câncer gastrointestinal. Os resultados apresentados revelam o êxito do programa, demonstrando taxa de complicações aceitável, tempo de internação reduzido e resultados oncológicos satisfatórios, disponibilizando aos pacientes do SUS tratamento cirúrgico atualizado e eficaz.


Introduction: The first robotic system used in surgical procedures was developed in 1994. In 2012, the first robotic surgeries were performed in the Brazilian Public Health System (Sistema Único de Saúde - SUS), after the installation of the robotic platform at Brazilian National Cancer Institute (INCA). This study evaluates 10 years of experience with the robotic program at this Center. Method: All robotic procedures performed by the abdomino-pelvic surgery service of this center between july 2012 and december 2022 were reviewed. Data were collected from the database of the robotics program and review of physical and electronic medical records. Results: 280 robotic surgical procedures were performed. Most cases were conducted by the colorectal surgery group, corresponding to 87.5% of the cases, with anterior resection of the rectum being the most common procedure. The remaining cases were operated by the hepatobiliary group (4.6%), stomach group (4.2%) and esophagus group (3.6%). The conversion rate to open surgery was 10.3%. The average length of stay was less than 10 days and 9.6% of patients were readmitted within 90 days following surgery. Of all, 43.5% of the patients underwent neoadjuvant treatment with chemotherapy and/or radiotherapy. During the analyzed period, 18.5% of the patients had disease recurrence, with an overall 5-year survival of approximately 60%. Conclusion: In the last 10 years, the use of robotic technology has grown significantly, promoting improved clinical outcomes. INCA's robotic surgery program was a pioneer on the national scene within the SUS and enabled the dissemination and consolidation of this excellent technological tool in treatment of gastrointestinal cancer. The results presented reveal the success of the program, demonstrating an acceptable complication rate, reduced length of stay and satisfactory oncological results, providing SUS patients with updated and effective surgical treatment


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Procedimentos Cirúrgicos Robóticos , Oncologia Cirúrgica , Neoplasias Gastrointestinais/cirurgia
20.
Rio de Janeiro; s.n; 23; 2024.
Tese em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-1552769

RESUMO

O Carcinoma Odontogêncio de Células Claras (COCC), é uma neoplasia rara descrita pela primeira vez por Hansen em 1985. Inicialmente categorizado como benigno, foi reclassificado como maligno no ano de 2005 pela OMS, devido ao seu comportamento localmente agressivo, alta taxa de recidiva local e potencial, metástase a distância. O presente caso relata a abordagem terapêutica aplicada ao tratamento do COCC avançado de mandíbula em uma paciente de 23 anos, do sexo feminino. A tomografia evidenciava uma volumosa massa osteodestrutiva mandibular com cerca de 10,6 x 7,2 cm, que comprometia difusamente o arco central e ramos horizontais. Foi realizada mandibulectomia de arco central estendida aos ramos horizontais bilaterais e esvaziamento cervical supraomo-hioideo bilateral associado à reconstrução microcirúrgica com retalho de fíbula esquerda, seguida de radioterapia adjuvante na dose de 66Gy. Paciente completou seis meses de seguimento, sem evidência de doença e com excelente resultado estético e funcional, alimentando-se pela via oral e com boa fonação.


Clear cell odontogenic carcinoma (COCC) is a rare neoplasm first described by Hansen in 1985. Initially categorized as benign, it was reclassified as malignant in 2005 by the WHO, due to its locally aggressive behavior and high recurrence rate. local and potential, distant metastasis. The present case reports the therapeutic approach applied to the treatment of advanced COCC of the mandible in a 23-year-old female patient. The tomography showed a large mandibular osteodestructive mass measuring approximately 10.6 x 7.2 cm, which diffusely affected the central arch and horizontal branches. A central arch mandibulectomy extended to the bilateral horizontal branches and bilateral supra omohyoid neck dissection associated with microsurgical reconstruction with a left fibula flap were performed, followed by adjuvant radiotherapy at a dose of 66 Gy. The patient completed six months of follow-up, with no evidence of disease and excellent aesthetic and functional results, eating orally and with good speech


Assuntos
Carcinoma , Doenças Mandibulares , Neoplasias , Procedimentos Cirúrgicos Operatórios
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...